quarta-feira, junho 06, 2012

Quando a agonia da fome se sobrepõe ao futebolismo pátrio


21 comentários:

Fernando disse...

Os desempregados atuais são os mesmos que alimentaram esta comunidade de assalariados politicos. No dia atual os mesmos desempregados são o terror de Portugal economico. Será pedir muito que o eleiturado pense de novo a quem dar o seu VOTO? Não chegará de alimentar uma classe que de trabalhador nada tem, uma classe parasita de que continua a dar o seu suor para os alimentar, não estara quem trabalha a lançar dinheiro à rua, ao lixo. Fora com o 2º estado novo, fora com o bando de CHACAIS esfomeados e carregados de carraças, sugadores de sanguem dos nossos jovens.

Bruno disse...

Infelizmente isto é photoshop mas se eu me tivesse lembrado disto escrevia-o num lençol...

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=53dqcGNltpA

Zorze disse...

Não sei se é photoshop, mas que vale por mais do que mil palavras, isso vale.
Aliás e "en passant", a publicidade repetida em sofreguidão tipo lavagem da Galp e do Continente, sponsors "oficiais" da selecção mete um bocado de nojo.
Eu queria apenas ver futebol ...!

Abraço.

Carlos disse...

Photoshop ou não, segundo o Sol: “Portugal surge em primeiro lugar com uma despesa diária de 33 mil euros.”
Chamem a rapaziada para casa.
Com tanta gente a passar fome é um insulto gastar dinheiro em coisas supérfluas. Para mim é desumano.
33 mil euros por dia dá muito prato de sopa a muita gente.

Anónimo disse...

Essa notícia não é verdadeira.
mais uma demonstração de que não vale a pena aferir a veracidade das notícias antes de publicar.

alf disse...

Uma imagem que vale por mil palavras...

Diogo disse...

Também gosto de ver bom futebol. Mas existe uma diferença abissal entre as sensações que se têm ao ver um Portugal – Alemanha numa final, e o choro de dois filhos com fome e sem nada para comer.

Não se a imagem foi criada em Photoshop mas isso é completamente indiferente. E vou ficar muito irritado ao ver os Media darem quase todo o seu espaço a um torneio de futebol, quando existe tanta gente num desespero que pode conduzir ao suicídio.

Anónimo disse...

Em lugar nenhum do mundo os mérdia divulgam o que tem interesse.
São uma extenção do poder político e económico.
A alienação que as sociedades vivem tem tudo a ver com isso.
Por isso os governos condicionam tanto as concessões de licensas para canais de tv,apesar de se apresentarem como liberais e defensores da livre concorrência e iniciativa.
Tudo intrujices!
Com poucos canais,é mais fácil controlar este ponto de grande sensibilidade.
Canais de tv livres são um perigo para a máfia instalada.
Neste momento,a tecnologia permitiria a existência de dezenas de canais.

Paulo Santos disse...

E ainda por cima a bandeira (Portuguesa) foi comprada no china.
Sem iva claro.

Anónimo disse...

É interessante o seu blog.
Tem cnceitos base muito importantes para compreender o Mundo.
O LAZER É ÓPTIMO, O PIOR É QUANDO FALTA O SUBSÍDIO DE FÉRIAS.
Um programa recente da SIC Notícias disse mentiras sobre o caso «Equador», que tem frases inteiras copiadas de «Cette nuit la liberté».
MST é um «moralista» anti-Esquerda.
A Censura anda muito activa nos comentários dos blogs. Espero que deixe passar este comentário.
Em www.anticolonial21.blogspot.com está a verdade inconveniente sobre a cópia de partes de «Cette nuit la liberté» por Miguel Sousa Tavares para o livro «Equador».

Anónimo disse...

Ehehehe!
A conversa deste xico-esperto,para passar a publicidade ao blogue dele sem ser apagado por nada ter a ver com o tema do post.
Ahaha

José Gonçalves Cravinho disse...

O Futebol Profissional não é desporto,é sim uma Emprêsa de espectáculos como o Circo,mas com a grande diferença que os artistas de Circo ganham muito menos do que os artistas dos Relvados que ganham
balúrdios e que são vendidos e comprados por milhões como cavalos de raça e nêste negócio também há trapaça.Àlém disto o Futebol é um meio extraordinário para alienar e embrutecer as multidões e as dividir em cliques de fanáticos que travam pequenas guerras entre si para gôzo dos Poderosos que tiram partido do velho lema que é «dividir para reinar»,pois o Povo desunido,fàcilmente é vencido.

Anónimo disse...

DEPUTADOS C/ Sub NATAL e FÉRIAS em 2012
Ora toma lá que é democrático!!
Até quando vai este povo amouchar como um burro que, como dizia Guerra Junqueiro, "já nem com as orelhas consegue enxotar as moscas" ??

Saiu o Orçamento para a Assembleia da República e eles lá estão: o Subsídio de Férias e de Natal. Claro que já sabemos que estes políticos são super-portugueses, aos quais não se aplicam as leis aplicáveis à populaça... mas não haverá um mínimo de decoro?!
Para quem pense que se trata de uma fotomontagem, tomem lá um segundo link, para o próprio Diário da República, para que não hajam dúvidas.
Indignem-se!!!
Deputados e funcionários da Assembleia da República contemplados com subsídios de férias e de natal em 2012 no orçamento APROVADO por TODOS os partidos. À semelhança do que foi justificado para a TAP PORTUGAL, também agora devem vir informar que havia perigo de fuga destes ?cérebros? todos para o estrangeiro...

DIVULGUEM A TODOS OS VOSSOS CONTACTOS OS SACRIFÍCIOS DE QUEM NOS GOVERNA, DA EXTREMA ESQUERDA À DIREITA...SEM EXCEPÇÃO

VERGONHOSO

http://educar.wordpress.com/2011/10/18/na-assembleia-da-republica-nao-ha-cortes-nos-subsidios/


http://dre.pt/pdf1sdip/2011/10/20000/0465804667.pdf

SIED"

Anónimo disse...

José Gonçalves o futebol une mais que os partidos.

Numa claque ou massa associativa tens varias ideologias que ali juntos lutam pelo mesmo objectivo.

Quando o clube tem uma ideologia conotada com o nacionalistmo anti sistema então ainda é mais unitario.

Já os partidos politicos,isso sim,verdadeiros tentaculos do mesmo polvo para dividir o povo,pois os democratas sabem que um povo unido e desperto é perigoso,por isso nada melhor que criar varios partidos para dividir o povo,pois enquanto tiver dividido e entretido e enganado pelos partido luta entre ele,entre escravo contra escravo,cuja unica diferença é a cor das algemas.

Bastava um certo clube em Portugal como o Benfica com outro lider e garanto te que este regime não durava muito.

50% dos impostos de todo o País são pagos por Benfiquistas.

Quais os danos que causariam ao sistema um boicote em massa aos impostos?

Dizem que o Benfica é o clube do Fascismo e dos nazis e etc...

Quer me parecer que ao quererem dizer isso em tom perjurativo na realidade estão a faser o contrario.

Se isto é a democracia,se a 3 ª republica é esta podridão,então é bem melhor ser fascista ou nazi ou o que queiram.

Se me chamassem de democrata isso sim ficaria ofendido.

Alías não é por acaso que realmente desde a queda do regime patriotico e nacionalista o exito do Benfica tambem caiu.

Com o erguer da corrupção,pedofilia,liberalismo,traição nacional outro clube se consolidou.

E é isto que alguns Benfiquistas não percebem.

A democracia enquanto forma de regime é prejudicial aos Benfiquistas,seja como cidadãos,seja como adeptos do futebol.

E quando estes são 50% da população e não derrubam este regime não é só estupidez como covardia.

Ainda para mais sendo o Benfica factor unitario com maior relevo nos bairros sociais pelo País fora,nos camionistas,nos agricultures,nos pescadores,nos militares,nos professores academicos, etc etc...

Tem é um lider fraco,corrupto e demagogico,que jamais pode combater o sistema porque primeiro faz parte dele,e segundo porque tem telhados de vidro.

Os Benfiquistas têm a capacidade de deitar abaixo qualquer republica.

Pelo simples facto de serem a maioria.

É uma questão de o rebanho virar uma alcateia e as hienas não têm a menor hipotese...

Anónimo disse...

SIED daqui a bocado os democratas vão dizer:

"Aí é,então nas proximas eleições vou "castigar" os marotos com o meu voto em branco"

É que isto de apanhar no pacote tem cada vez mais adeptos,em 30 anos conseguiram fazer do povinho sadomasoquista.

Eles ainda acreditam na democracia,nos partidos,na canalha politica.

Eles não percebem que ao irem votar, seja em branco,estão a garantir a continuidade do sistema,o sistema que os pisa,humilha,rouba,estraga lhes a vida e a dos seus descendentes.

O sistema é impossivel de se regenerar porque está completamente podre.

O sistema jamais pode combater a corrupção,pois a corrupção é o sistema,e quem usufrui da corrupção jamais a irá combater.

Este é o país que ainda ouve o cavaco com muita atenção falar das pescas quando ele mandou abater os barcos e o sector das pescas.

Este é o país que ouve falar o cavaco de honra e contra a corrupção quando ele a sua troupe roubaram milhares de milhoes dos fundos da ue nas negociatas do cimento e nas "derrapagens".

Este é o país que ouve falar o cavaco de justiça social,quando os portugueses estão a pagar o monumental saque que ele e os seus amigos fizeram no bpn,e que em vez de exigirem a sua prisão e o não pagamento do saque anda tudo a comer conservas,a viver mal para pagar o saque da canalha do bpn.

Este povo não é só burro,estupido e covarde.

Está hipnotizado,e aqui os media fazem um trabalho formidavel em enganarem o povinho.

Anónimo disse...

Porque é que ninguem quer uma auditoria ás contas publicas?

É só os Portugueses pensarem nisto....

Só quem vive da mentira tem medo da verdade.

A democracia nada mais é que um sistema feudalista onde pseudo reis partidarios vivem da exploração e do saque aos cidadãos(escravos democraticos).

Anónimo disse...

Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele

Este simples artigo pela sua elasticidade tanto permite participar com queixas crimes contra varias personalidades politicas e dos media,contar a canais alternativos estrangeiros o que se passa aqui como forma de pressão e de difusão do que acontece,como justificar a acção directa de justiça popular inclusive de acordo com a propria constituição de que todo o Português tem o proprio dever de LUTAR pela Pátria usando TODOS os meios necessarios para aniquilar o traidor.

A violência é portanto legitimada não só por dever moral,mas tambem a nivel legal.

Os Portugueses têm não só o direito mas o dever de derrubar este regime traidor.

Carlos disse...

Recebido por correio. Não confirmei. Mas aqui fica.
SUBSÍDIOS FÉRIAS E NATAL 2012 - Dec.Lei não foi revogado!

"Dec. Lei n.º496/80 de 20 Outubro

Os nossos governantes e a Troika desconhecem isto!!!!

Não tiveram tempo para consultar este decreto-lei uma vez que data de 1980.....

Como pode o Governo Central retirar os subsídios de férias e de Natal se o Decreto Lei nº. 496/80,o qual não foi revogado, no seu artº.17, diz que os mesmos são inalienáveis e impenhoráveis?

Faz a tua parte e divulga o máximo que te for possível.

*D. Lei n.º496/80 de 20 Outubro*

*Para que conste os subsídios de natal e de férias são inalianáveis e impenhoráveis.*

*É o que diz o decreto lei, e que eu saiba até ao momento a lei ainda não foi alterada.* *Divulguem pelos vossos contactos para ver se chega a quem deve.*

*Divulga o dl n.º496/80 de 20 de Outubro*

ESTES SENHORES COM ESTAS MEDIDAS ANDAM A APALPAR A NOSSA REACÇÃO. JÁ VIMOS QUE SÃO FRACOS COM OS FORTES E FORTES COM OS FRACOS, SE SENTIREM QUE OS FRACOS SÃO MESMO FRACOS, ENTÃO MEUS AMIGOS, ESTAMOS FEITOS E DEPOIS NÃO SE QUEIXEM.
É UM DIREITO INSCRITO NA CONSTITUIÇÃO QUE NOS ESTÃO A TIRAR E NO FUTURO AOS NOSSOS FILHOS.

POR ISSO: PASSEM E REPASSEM, VAMOS FAZER UM MOVIMENTO NACIONAL ANTES QUE NOS CORTEM ESTES SUBSÍDIOS PARA SEMPRE!!!!!!!!!!"

Anónimo disse...

mariano rajoy brey foi ver "o furbo"........

José Gonçalves Cravinho disse...

Um anónimo comentou o meu comentário e disse que os Clubes de Futebol unem mais do que os Partidos Políticos.Mas o que eu critico são as «negociatas»do Futebol Profissional.E é um facto que o Futebol é o ópio do Povo e
motivo de enormes zaragatas que fazem lembrar as «púrrias»que haviam entre Aldeias e Freguesias e entre os Bairros de Lisboa,que eram uma treminiscência das lutas
entre tribos ou Clãs e que só servem para desunir o Povo.Nada tenho contra o Futebol amador praticado com desportivismo.