quarta-feira, novembro 05, 2008

A metamorfose da câmara de gás de Dachau

De 1945 a 1960 os meios de comunicação e os tribunais Aliados afirmaram que uma câmara de gás homicida tinha sido usada no campo de concentração de Dachau. Não faltavam provas desse facto. Chamou-se particularmente a atenção para a câmara de gás de Dachau e para as suas vítimas.

Segundo um livro publicado pelo Exército Norte-Americano imediatamente a seguir à II Guerra, intitulado "Dachau Libertado, o Relatório Oficial do Sétimo Exército dos Estados Unidos" [Dachau Liberated, The Official Report by The U.S. Seventh Army], entre 20 de Junho e 23 de Novembro de 1944, um total de 29,138 Judeus foram trazidos de outros campos e gaseados na câmara de gás de Dachau.


Um dos dias mais decisivos do julgamento de Nuremberga foi aquele no qual a acusação exibiu um filme sobre os campos de concentração alemães. O horror supremo chegou com a câmara de gás de Dachau. O orador explicou o funcionamento do dispositivo que gaseou provavelmente 100 pessoas de cada vez. É difícil exagerar o quanto a exibição desse filme influenciou a imaginação das pessoas.

O filme está disponível no site do Museu Memorial do Holocausto dos Estados Unidos [USHMM - United States Holocaust Memorial Museum]:



No filme, que foi mostrado no Tribunal Militar Internacional de Nuremberga, a 29 de Novembro de 1945, um soldado americano pode ser visto a abrir a porta que separa a sala, onde os prisioneiros se despiam, da câmara de gás:



Na página do site está uma descrição do filme sobre Dachau:


«Campo de Concentração de Dachau. Vistas aéreas de Dachau onde 30.000 estavam prisioneiros. Portão do campo com a suástica. Faces macilentas de prisioneiros. Comboios cheios de prisioneiros que estavam mortos à chegada. Pilha de corpos enterrados pelos prisioneiros sobreviventes. Prisioneiros mortos. Habitantes da cidade próxima são trazidos para ver o campo. Mulheres choram depois de ver as pilhas de corpos. Roupas dos prisioneiros penduradas do lado de fora do edifício onde os prisioneiros eram gaseados. Interiores da sala de chuveiros mostrando os ventiladores do gás, chuveiros falsos, casa das máquinas, válvulas de entrada e saída, válvula manual para regular a pressão do gás, lata de Zyclon B, e crematórios. Interiores dos crematórios, cinzas. Filmagens de prisioneiros nus mostrando os efeitos da brutalidade nazi.»


Mas outra página do site do Museu Memorial do Holocausto dos Estados Unidos diz o seguinte:

«Em 1942, a área do crematório foi construída próxima do campo principal. Incluía o crematório velho e o crematório novo (Barrack X) com uma câmara de gás. Não existem provas credíveis de que a câmara de gás tenha sido usada para matar seres humanos


Até Maio de 2003, qualquer visitante da câmara de gás de Dachau podia ler num painel a seguinte frase em cinco línguas diferentes:


CÂMARA DE GÁS
disfarçada de "sala de chuveiros"

nunca foi usada como câmara de gás


Câmara de Gás de Dachau


A fotografia deste painel pode, ainda hoje, ser observada no site de "The Holocaust History Project" [Projecto de História do Holocausto], uma empresa americana sem fins lucrativos.
.

18 comentários:

Ana Camarra disse...

Diogo

Pois mais material para questionar, não é?

De facto esta questão é inquietante!

beijos

Zorze disse...

De facto, é muito interessante a contradição.

Abraço,
Zorze

alf disse...

A Humanidade sempre foi dirigida através de «mentiras convenientes», a começar nas religiões e a acabar no Magalhães. E resulta, algumas pessoas podem desconfiar de uma ou outra, podem saber que é uma mentira, mas isso é uma minoria irrelevante; e mesmo as pessoas que conhecem uma das mentiras, pensam que as outras não o são.

Evidentemente que o Holocausto está a ser usado no papel de «mentira conveniente», quer seja verdade ou não, isso é irrelevante. Isso percebe-se porque isso eram práticas correntes em todas as guerras. Nem entendo porque é que os alemães fizeram os judeus prisioneiros, porque se era para os matar fuzilavam-nos logo, era o que se fazia, foi o que fizeram na Rússia.

O facto é que até ao fim da 2º guerra mundial não havia respeito nenhum pela vida humana - os inimigos matam-se, ponto final. Prisioneiros de guerra? que é isso???

Eu penso que esta história do Holocausto tenho sido escolhida como «mentira conveniente» para mudar a mentalidade dos Humanos e acabar com os genocídios e afins.

É, portanto, uma mentira útil, como a generalidade das «mentiras convenientes»; doutra forma não se consegue fazer nada com os medrosos e violentos humanos.

Vendo bem, a chave para o desenvolvimento de toda a civilização foi a técnica da «mentira conveniente»... afinal a maior invenção da humanidade... os povos que a não usaram nunca passaram da barbárie.

xatoo disse...

humn,
uma rápida olhadela para os materiais empregues na "câmara de gaz de Dachau" diz-nos de imediato que se trata de uma obra recente: a pedra decorativa das paredes, o tecto falso com iluminação encastrada, o pavimento em cerâmica - tudo isto é uma grande balela.
(Também em Auchswitz e Sachsenhausen todas as "barracks" foram remodeladas por empresas cumprindo projectos de designers e arquitectos israelitas)

Anónimo disse...

Este "alf" é mesmo de outro mundo!

Cuidado com o espelho. Ainda vai descobrir uma mentira conveniente!

oh!oh!oh!

Diogo disse...

Alf: «Eu penso que esta história do Holocausto tenha sido escolhida como «mentira conveniente» para mudar a mentalidade dos Humanos e acabar com os genocídios e afins.»


No Google, pesquisando com: germany billions israel

25 Jun 2008 ... Panel: Germany gave Israel NIS 61.5 billion, Holocaust survivors got about half -News and commentary relating to events in Israel, ...
www.haaretz.co.il/hasen/spages/995111.html

Since 1951 Germany has paid more than 102 billion marks, about $61.8 billion at 1998 exchange rates, in federal government reparation payments to Israel and ...
www.ihr.org/jhr/v17/v17n6p19_reparations.html

Since 1992, the U.S. has offered Israel an additional $2 billion annually ..... the principal donor of both economic and military aid to Israel is Germany. ...
www.wrmea.com/html/us_aid_to_israel.htm

Etc, etc, etc.

alf disse...

Diogo

hummm... os israelitas só têm de fazer como os alemães: pagarem umas massas aos palestiniamos para eles irem viver para outro lado. Afinal, os palestinianos são tão poucos... já me tenho perguntado porque o não fazem... se calhar convém-lhe a situação actual, de povo perseguido, tadinhos, em perigo constante... isso deve fomentar imenso o espírito patriótico daquela gente toda que veio de toda a parte e que tem muito pouco em comum... fá-los trabalhar muito e reclamar pouco... humm, boa jogada essa dos governantes israelitas, manter o conflito com os Palestinianos tem vantagens óbvias para Israel, porque razão haveriam de querer a paz?

Está-me a parecer que os alemães são uns grandes tansos - fartaram-se de pagar aos franceses entre as duas grandes guerras, pagam aos judeus, pagam aos outros paises da comunidade europeia...

alf disse...

Diogo

Para mim, há um mistério que tem de ser respondido sem o qual estas discussões do holocausto se tornam intermináveis: qual era o projecto dos alemães para os judeus?

Diogo disse...

Alf,

Israel não corre de vez, ou massacra de vez, os palestinianos, porque precisa de estar em permanente pé de guerra. Israel é uma base militar. O conflito constante com os vizinhos é a sua justificação para intervirem onde quiserem e quando quiserem. Eles estão ali para salvaguardar o petróleo. Os israelitas são judeus pobres. Podem ser sacrificados. Quem manda, não mora lá.


Quanto ao projecto alemão para os judeus:

Os judeus estavam em guerra com a Alemanha. Logo, com o eclodir da Guerra, os nazis colocaram-nos em campos de concentração. Tal como fizeram os americanos e os canadianos com os alemães e os japoneses. Não sabia?

Aconselho-o a ler isto:

Judea Declares War on Germany - Wikipedia, the free encyclopedia - [ Traduzir esta página ]"Judea Declares War on Germany" was the front-page headline of the March 24, 1933 edition of the British newspaper Daily Express. It was the headline for an ...

en.wikipedia.org/wiki/Judea_Declares_War_on_Germany

xô disse...

Ui, Diogo, e o BPN?, e o BCP?, o PS e o PSD, todos a roubar, agora mesmo, não lhe diz mais do que essa treta que lá foi?

xatoo disse...

"afinal os palestinianos são tão poucos"?!
o semi estado de zombie do "Alf" brada aos céus - quando começou a emigração para a Palestina o número de judeus era irrelevante; atingiria os 600 mil depois da campanha de migração em massa no fim da 2ªGG; em contrapartida a Palestina pertencia à comunidade árabe cujos paises em redor somavam 1 bilião e 200 milhões de pessoas.
Obviamente, descobriu o Alf sem saber (como o Lineu) afinal são tão poucos!!, mas a curiosidade não o levou a perguntar se alguma coisa de excepção aconteceu! È assim pq os têm dizimado.
Tenho dúvidas se não se deve elevar o Alf da categoria de zombie para a de imbecil
.

alf disse...

xatoo

os palestinianos são poucos hoje!! Não pensei que fosse preciso explicar tudo, desculpe.

Diogo
Sei isso sei, por isso lhe deixei a pergunta. Porque essa é questão essencial, essa é a mensagem que interessa ser divulgada. Estar a discutir de havia camaras de gás ou não passados estes anos todos, se chegaram a funcionar ou não, parece assaz irrelevante. Os instrumentos servem os objectivos, a questão está em que se admite que o objectivo era exterminar os judeus; estar a discutir os instrumentos sem questionar o objectivo resulta inócuo.

Diogo disse...

Não Alf,

Não é nada irrelevante. Eu não disse que o objectivo era exterminar os judeus. O objectivo era enviá-los para Israel. Nenhum judeu morreu numa câmara de gás. Essa é a mentira do século XX.

Anónimo disse...

Diogo, gabo-lhe a paciência, mas tá bem...como dizia o nosso expoente máximo da democracia nacional: - Só os burros é que não mudam!
Tenhamos esperança então.

Diogo disse...

Anónimo, você tem razão: Só os burros é que não mudam. Mas, deixe-me acrescentar, os burros são os que não percebem as contradições de uma tese. Daí, continuarem a puxar para o mesmo lado.

alf disse...

Diogo

Vê como eu tenho razão? Aqui está, um objectivo para a actuação dos alemães. Se se consegue mostrar esse objectivo, já não vale a pena estar a discutir as camaras de gás, está a perceber? Deixam de fazer sentido, não é?

Por isso eu disse que se os alemães quizessem exterminar os judeus o teriam feito logo.

Arre, que é preciso pôr tudo por miudos para os humanos entenderem...

Overdrive disse...

Olá amigos, postei há algum tempo um material sobre o holocausto que colabora incisivamente para as discussões sobre o assunto. Um amplo acervo fotográfico além de uma matéria que questiona determinado tema.Espero contribuir para o debate. Abraços e Visitem

http://olavosaldanha.wordpress.com/auschwitz-treblinka-chelmno-o-holocausto/

Olavo Saldanha disse...

Olá amigos, postei há algum tempo um material sobre o holocausto que colabora incisivamente para as discussões sobre o assunto. Um amplo acervo fotográfico além de uma matéria que questiona determinado tema.Espero contribuir para o debate. Abraços e Visitem

http://olavosaldanha.wordpress.com/auschwitz-treblinka-chelmno-o-holocausto/