terça-feira, agosto 14, 2012

Quando as manifestações pacíficas são inúteis e a violência se torna imperativa


Um cidadão desempregado e desesperado aponta criteriosamente a um banqueiro,
a um político corrupto, a um legislador venal ou a um comentador mediático a soldo.




Diário Digital - 14-08-2012

Desemprego «real» atinge os 23,3% com 1,3 milhões de pessoas

«A taxa de subutilização do trabalho - que inclui outras pessoas excluídas do mercado de emprego para lá dos desempregados - atinge os 23,3 por cento, segundo cálculos extrapolados a partir de números do Instituto Nacional de Estatísticas (INE). [...] Tudo somado, o desemprego real atinge 1.305.000 pessoas.»

**************************************************

A forma como o Desemprego é deliberadamente criado pela Banca

Sheldon Emry

Nos Estados Unidos da América em 1930, nenhuma guerra destruiu as cidades do interior, nenhuma epidemia dizimou, nem nenhuma fome se aproximou do campo. Só faltava uma coisa: Uma adequada disponibilidade de moeda para negociar e para o comércio.

No princípio dos anos 30 do século XX, os banqueiros, a única fonte de dinheiro novo e crédito [que criam a partir do nada], recusaram deliberadamente empréstimos às indústrias, às lojas e às propriedades rurais. Contudo, eram exigidos os pagamentos dos empréstimos existentes, e o dinheiro desapareceu rapidamente de circulação. As mercadorias estavam disponíveis para serem transaccionadas, os empregos à espera para serem criados, mas a falta de dinheiro paralisou a nação.

Com este simples estratagema a América foi colocada em "depressão" [hoje, chamada Crise Financeira] e os banqueiros apropriaram-se de centenas e centenas de propriedades rurais, casas e propriedades comerciais. Foi dito às pessoas, "os tempos estão difíceis" e "o dinheiro é pouco". Não compreendendo o sistema, as pessoas foram cruelmente despedidas dos seus empregos e roubadas dos seus ganhos, das suas poupanças e das suas propriedades.


**************************************************

A inutilidade das manifestações pacíficas


Ouve-se muitas vezes dizer que "a violência gera violência", que "a violência nunca consegue nada" ou que "se se usar a violência para nos defendermos daqueles que nos agridem, ficamos ao nível deles". Todas estas afirmações baseiam-se na noção errada de que toda a violência é igual. Nada mais falso.

A violência pode funcionar tanto para subjugar como para libertar

Um povo que se revolta de forma sangrenta contra a Máfia do Dinheiro, coadjuvada por políticos corruptos, legisladores venais e comentadores a soldo, e cujos roubos financeiros descomunais destroem famílias, empresas e o país inteiro, esse povo está a utilizar a violência de uma forma justa para se libertar.

Um pai que pegue num taco para dispersar à paulada um grupo de rufias que está a espancar o seu filho, está a utilizar a violência de uma forma justa;

Uma mulher que crave uma lima de unhas na barriga de um energúmeno que a está a tentar violar, está a utilizar a violência de uma forma justa;

Um homem que abate a tiro um assassino que lhe entrou em casa e lhe degolou a mulher, está a utilizar a violência de uma forma justa;

Um polícia que dispara contra um homicida prestes a abater um pacato cidadão, está a utilizar a violência de uma forma justa;

Os habitantes de um bairro nova-iorquino que se juntam para aniquilar um bando mafioso (que nunca é apanhado porque tem no bolso os políticos, os juízes e os polícias locais), estão a utilizar a violência de uma forma justa;

Um povo que se revolta de forma sangrenta contra a Máfia do Dinheiro, coadjuvada por políticos corruptos, legisladores venais, comentadores a soldo, e cujos roubos financeiros descomunais destroem famílias, empresas e o país inteiro, esse povo está a utilizar a violência de uma forma justa.

15 comentários:

Carlos Marques disse...

Não é por acaso que a festa do Pontal do PSD está a ser feita à porta fechada. Talvez uma das muitas buzinas que os algarvios vão fazer soe a um estampido de uma caçadeira!

Helena Simões disse...

A caminho do 1,5 milhões de desempregados portugueses! Políticas económicas, um rumo definido para sair desta situação nem vê-las! Pergunto-me o que andam a fazer estes governantes ditos iluminados. Sinceramente só sei que estão a conduzir a nação lusa à miséria completa.

Helena Simões disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Diogo disse...

Carlos Marques – Na «crise» dos anos trinta, embora houvesse muito mais imprensa independente não se compara com a informação que hoje circula na Internet. Assim as pessoas tenham a curiosidade de investigar. Quanto à buzina com sabor a estampido, ao menos que envie um social-democrata para o hospital.


Helena – Estes «governantes iluminados» andam a fazer aquilo que foram pagos para fazer: destruir o país e os portugueses. Que os cidadãos portugueses lhes paguem em triplicado.

Anónimo disse...

Do Livro de Sutton The Best Enemy Money Can buy
“This business of lending blood money is one of the most thoroughly sordid, cold blooded, and criminal that was ever carried on, to any considerable extent, amongst human beings. It is like lending money to slave traders, or to common robbers and pirates, to be repaid out of their plunder. And the man who loans money to governments, so called, for the purpose of enabling the latter to rob, enslave and murder their people, are among the greatest villains that the world has ever seen.
LYSANDER SPOONER, No Treason (Boston, 1870)”
Carlos

RAMIRO ANDRADE - O PROVOCADOR disse...

Boa noite Diogo

Olha lá, fste tu que suniste com as 33 carabinas na rampa de tiro ao alvo ????
Se foi, me vende uma calibre .50 para eu limpar o sebo a uns filhas da putas que andam a roubar Portugal.
Anda lá, eu não conto a ninguem ................ HAHAHAHAHHAHA.
Será que começou a preparação de limpesa de Portugal, eu adorava foder alguns destes cabrões.

Desculpe os palavrões Diogo, é que só consigo me referir a estes escroques desta maneira, e veja lá, eu quero uma das carabinas -- HAHAHHAHAHAHAHAHA.

Um abraço.

Ramiro Lopes Andrade

Anónimo disse...

Na terra da "liberdade" ...

http://trenchpress.com/?p=17035

Homem vai preso...vejam porquê????

PEDRO LOPES disse...

"Na terra da "liberdade" ...

http://trenchpress.com/?p=17035

Homem vai preso...vejam porquê????


Isto é apenas o inicio.
Em breve não podemos plantar legumes, cereais ou árvores de fruto.
Só podemos se as sementes OGM aprovadas pelo estado e comercializadas pela besta das 7 cabeças que é a Monsanto.

Obey.
Ignorance is Strenght.

PEDRO LOPES disse...

Mais um motivo para olharmos para a Rússia com esperança e o grande obstáculo geo-estratégico da besta.

http://rt.com/politics/moscow-ban-gay-events-910/

Zorze disse...

Caminhamos aceleradamente para um caminho, que não se resolve necessáriamente ao tiro, mas que, decerto e sem dúvida que vamos viver, momentos infernais desencadeados por vírus informáticos diabólicos.

Abraço.

Anónimo disse...

Pedro Lopes
Você está a fazer confusão entre o regime socialista (ex ussr) e o regime actual. Entre o regime que existia também nos usa de então, e o de agora.

Eis donde deriva.
P. Lopes: - “Mas para mim a tecnologia tem origem em pessoas com capacidades e não de regimes políticos.”
Eu. - “Concordo, com uma ressalva. Há regimes como o americano, de então, que era estimulante, enquanto o soviético era castrador. Quantos cientistas soviéticos brilhantes foram para aos gulag?”
Repare: “Há regimes como o americano, de então,...” “de então” da/dessa altura, dessa época, nesse/desse tempo...
Carlos

Anónimo disse...

Peço desculpa, o comentario não era para aqui.
Carlos

PEDRO LOPES disse...

Desculpem lá mudar o assunto do tópico mas isto é de bradar aos céus.

Olhem bem para esta merda:

http://now.msn.com/bill-would-ban-parents-from-trying-to-cure-gay-kids

E comparem:

http://www.publico.pt/Mundo/orgulho-gay-proibido-em-moscovo-nos-proximos-100-anos-1559538

E vejam os comentários da carneirada escrava e os "blogs" relacionados á noticia que o publico apresenta.

E claro, Putin é um ditador, a "Rússia não é uma democracia" e os mais abjectos rótulos.

A agenda gay, um instrumento claro dos Iluminatti(ou como lhe queiram chamar) para subverter/corronper a identidade humana. A Rússia certamente conhece melhor que nós estas agendas e aparentemente está em contra-ciclo com elas. O que é de realçar pela positiva.

N disse...

Acerca dos ditos "comentários" nos jornais,blogs,televisão e afins...

http://www.youtube.com/watch?v=LofScCiJT4c&feature=plcp

Obvio que a maior parte das pessoas são estupidas e quando não o são falta-lhes coragem moral para dizer que não se todos disseram sim.

http://www.youtube.com/watch?v=OC_JfCWYnTQ&feature=plcp

Mas a verdade é que isto dos comentarios em jornais,blogs e "opiniões publicas" nos media são de facto agências de propaganda do sistema para criar uma ilusão de "opinião das massas".

E mesmo se fosse opinião das massas,mas não é,isso tambem não valeria muito já que a razão nunca está do lado da maioria.

Alías basta imaginarem se alguem fizesse o que as rameiras das pussy riot fizeram mas numa sinagoga o que já não diriam da banda,acusada que seria de "racismo" e afins.

A questão é só uma,é tentar atingir Putin e o kremlim por este ao contrario da Europa toda não baixar as calças á ordem mundial sionista.

Aqui em Portugal não viram os parvinhos(pagos por quem?) a irem-se manifestar contra as touradas?

Toca-lhes muito no coração o que fazem aos touros,mas ter políticos pedofilos ainda em funções governativas,penas moles para pedófilos,adopção de míudos por homossexuais e chips nas matriculas que impuseram ao povo(Porque este deixou diga-se) e outras "agendas democráticas" isso já não lhes faz mobilizar...

Afinal de contas só diz respeito aos direitos das crianças,mulheres,e pessoas em geral.

N disse...

Agora verdade seja dita que o termo "hooliganismo" não foi muito feliz por parte dos juízes,e quer me parecer que não foi por acaso...

"Cheira-me" que querem dar recado a outros nacionalistas russos,mas acho que não devem ir por aí....

Com a ofensiva que virá dos liberais,comunistas e agências patrocinadas por cia e afins na Russia querer ao mesmo tempo mandar bicadas no outro lado da barricada nos nacionalistas russos parece me além de imprudente de pouca esperteza...
Para além de ilegitimo diga-se...

Porque se um dia haver merda nas ruas não vão ser os senhores juízes a dar cara,vão ser os nacionalistas russos,os tais "hooligans" que irão proteger as suas propriedades privadas e até mesmo o seu coiro..