terça-feira, abril 15, 2014

Retrato de uma cabra


A «nossa» atual Ministra das Finanças

Maria Luís Albuquerque


Uma das responsáveis maiores pela miséria e desespero de milhões de portugueses


Maria Luís Albuquerque é casada com o jornalista António de Albuquerque. Este, dispensado do Diário Económico, propriedade do grupo Ongoing, em Abril de 2013, foi nomeado Consultor na EDP, empresa cuja privatização foi responsabilidade da sua mulher, no início de Julho desse ano.

Maria Luís Albuquerque licenciou-se em Economia na Faculdade de Economia da Universidade Lusíada de Lisboa em 1991 e é Mestra em Economia Monetária e Financeira pelo Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade Técnica de Lisboa desde 1997.

Foi técnica superior na Direcção-Geral do Tesouro e Finanças entre 1996 e 1999, técnica superior do Gabinete de Estudos e Prospectiva Económica do Ministério da Economia entre 1999 e 2001, desempenhou funções de assessora do Secretário de Estado do Tesouro e das Finanças em 2001, foi Diretora do Departamento de Gestão Financeira da REFER entre 2001 e 20076 e coordenou o Núcleo de Emissões e Mercados do Instituto de Gestão da Tesouraria e do Crédito Público entre 2007 e 2011.

Em junho de 2010, enquanto técnica da Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) aprovou um swap da Estradas de Portugal. Mais tarde, já como ministra, garantiu que esteve afastada deste tema enquanto trabalhou no IGCP (entre 2007 e 2011). "Enquanto estive no IGCP, não tive qualquer contacto com swaps, nem do IGCP nem de natureza nenhuma", referiu numa primeira audição na Assembleia da República, a 25 de Junho de 2013.




Foi cabeça de lista dos candidatos a deputado pelo PSD em Setúbal em 2011. Desde esse ano, exerceu funções de Secretária de Estado do Tesouro no XIX Governo Constitucional de Portugal, até 1 de julho de 2013, altura em que foi indigitada para as funções de Ministra de Estado e das Finanças, substituindo Vítor Gaspar.

Foi docente na Universidade Lusíada de Lisboa,6 no Instituto Superior de Economia e Gestão e no pólo de Setúbal da Universidade Moderna entre 1991 e 2006. Enquanto docente da Universidade Lusíada, foi professora de Pedro Passos Coelho.


**************************************


BPNgate e SWAPgate

Maria Luís Albuquerque é daquelas aves raras que permanecem eternamente a saltitar de tacho em tacho, pelos governos, maquinando coisas, encobrindo outras e escapando sempre ilesa, sempre bem protegida. Possuidora de um bom currículo, que já vem desde o governo Sócrates, onde foi responsável por decidir os contornos ruinosos, para o Estado, da nacionalização do BPN.




Diário de notícias (29/04/2012) - BPN: A fraude que pode custar 8,3 mil milhões de euros


No vídeo abaixo, o Professor Paulo Morais denuncia um caso de promiscuidade e nepotismo, protagonizado pela protagonista do Swatgate, Maria Luís Albuquerque.

Antes de ser a atual secretária de estado do Tesouro do Governo de Passos Coelho, Maria Luís Albuquerque, trabalhava para o governo de Sócrates, com um secretário de estado socialista, e curiosamente quando chegou ao governo PSD, fez questão de levar com ela, para sua chefe de gabinete, a esposa desse secretário de estado socialista. Favores com favores se pagam.

Paulo Morais garante que esta é mais uma das conhecidas formas de evitar que se divulguem ou revelem as partes indesejadas dos conteúdos dos dossiers. Mantendo nos cargos os que ajudaram a realizar as tais tarefas duvidosas, ou contratando, apenas amigos e familiares da sua confiança.




61 comentários:

Cheira a fim de regime.... disse...

"rouba-se centenas de euros para comer e vai-se para prisão, rouba-se milhares de milhões e são estrelas de televisão."



Diogo disse...

É bem verdade, caro 1 - 1 de 1.

A atual ordem social tem de dar uma cambalhota muito rápida. Chega desta pouca vergonha. Chega deste assassínio social...

Zangado disse...

Então esta ex-negociante e expert de negociatas "swaps" na refer ainda anda no governo?? Governados por "gentinha", com aspas claro, porque não são gente, são "empregados" de grandes grupos económicos e interesses que estão à muito instalados na nossa vida política para ajudar a banca e lixar o povo, claro! Tal como acontece com o ministro "garoto" (porque amuou) e o aldrabão do primeiro-ministro fez-lhe uma festinha (só uma) arranjou-lhe o nome pomposo de vice-primeiro-ministro o "garotinho" limpou as lágrimas, ficou todo contente e... tudo acabou em bem! Este ministro garoto de nome paulo portas "submarínico" tal como o resto da escumalha governamental e, PS, TODOS. Esta profissão de político é mesmo boa... prometem uma coisa nas campanhas e depois de estarem na "cadeirinha do poder" fazem completamente e contrário do que tinham prometido e com ar de "gente séria" gozam como o povo! Então se fossemos governados por gente honesta alguma vez o primeiro-ministro alguma vez convidava o formado ou ex-formado miguel relvas?? Que moral e honestidade tem este aldrabão de nome pedro passos coelho para governar portugal, indo buscar um aldrabão ainda maior que ele, por impossível que pareca? TODOS iguais! Saí um aldrabão (sócrates) e chegam outros ainda piores ou iguais!!! São TODOS m***a da mesma fossa,TODOS! Escumalha!!!!

Pedro Lopes disse...


"Duarte Lima libertado"

Varela disse...

Em entrevista à CNBC, Maria Luís Albuquerque, questionada sobre o sucesso das reformas em Portugal diz-se surpreendida por os resultados se terem manifestado tão cedo.

Esta cabra demonstra já ter a estrutura necessária para, com a sua carne, ossos e mioleira, se fazer uma chanfana de chorar por mais. Assim a cozedura ajude...

Anónimo disse...

http://www.pnr.pt/noticias/activismo-pnr/uniao-nacional-dos-democratas/

Não sou do PNR.
Mas é sempre bom as pessoas terem noção de como funciona a democraCIA.

Pedro Lopes disse...

Olha!! um gajo com orgulho em ser Português!!!!

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/internacional/mundo/policia-britanica-identifica-portugues-a-apelar-para-adesao-a-al-qaeda

E tem mesmo aspecto de Português.
Um heroi nacional, sem dúvida que foi para a Síria combater contra o ditador Assad.

Pedro Lopes disse...


Nada de anormal. É apenas uma noticia sem interesse.

Seis escutas com Passos em processo-crime

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/exclusivo-cm/seis-escutas-com-passos-em-processo-crime

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

Pedro Lopes, e como se não bastasse esses portugueses de cartão funcionarem como células de organizações anti-nacionais(muitos deles a viverem cá de subsídios estatais vários e de tráfico de drogas pesadas, nomeadamente heroína), ainda por cima são idiotas úteis que não percebem que al-qaeda=cia.

A al-qaeda é o pretexto ideal para os americo-sionistas poderem ir invadir outros países e nações e irem lá roubar os seus recursos,testar os novos brinquedos(drones por exemplo),montarem os seus bancos e seguradoras e moldarem o povinho para abraçarem o "american way of life" e faze-los eternos escravos da usura,controlarem o tráfico de opio,etc,etc,etc...

Basta ver quem é que é SEMPRE beneficiado a médio-longo prazo cada vez que a al-qaeda faz "atentados".
São sempre os americo-sionistas...

Na Síria os ditos "rebeldes"(mercenários e escumalha de todo o tipo) andam a cortar os seios às mulheres antes de as matarem,andam atirar idosos inocentes pelas varandas abaixo, e os mé(r)dia não falam de nada.

É este o tipo de democracia que os americo-sionistas exportam por todo o globo.

São os democratas exemplares,autênticos sacerdotes dos direitos humanos que andam a espiar toda a gente através de terrorismo tecnológico(violação da carta dos direitos humanos) e que têm Guantánamos(alguém imagina o histerismo diário se um regime nacionalista tivesse algo semelhante?).

Thor disse...

Pedro Lopes, é assim que eles enganam muitos otários.
metem notícias a falar de criminalidade de "portugueses" lá fora no estrangeiro, tipo UK e outros sítios, para dizerem que também há portugueses criminosos e violentos, quando na verdade não passam de falsos portugueses não-nativos a quem foi dado B.I.

e outra táctica era e é usarem manipulação psicológica para dizerem que "portugueses" são vítimas de racismo no estrangeiro (Inglaterra, etc) para tentarem virar europeus contra europeus e depois na realidade são os tais "portugueses" falsos com B.I. dado.

Thor disse...

"A al-qaeda é o pretexto ideal para os americo-sionistas poderem ir invadir outros países e nações e irem lá roubar os seus recursos,testar os novos brinquedos(drones por exemplo),montarem os seus bancos e seguradoras e moldarem o povinho para abraçarem o "american way of life" e faze-los eternos escravos da usura,controlarem o tráfico de opio,etc,etc,etc..."


N, a Al-Qaeda muito provavelmente não existe.
não sei se já viste videos no youtube que explicam isso.
ou então é uma criação fictícia da CIA e outros serviços de espionagem para fazer atentados de falsa bandeira para beneficiar os mesmos de sempre e ter pretexto para essas coisas que disseste.

Thor disse...

"A al-qaeda é o pretexto ideal para os americo-sionistas poderem ir invadir outros países e nações e irem lá roubar os seus recursos,testar os novos brinquedos(drones por exemplo),montarem os seus bancos e seguradoras e moldarem o povinho para abraçarem o "american way of life" e faze-los eternos escravos da usura,controlarem o tráfico de opio,etc,etc,etc..."


N, a Al-Qaeda muito provavelmente não existe.
não sei se já viste videos no youtube que explicam isso.
ou então é uma criação fictícia da CIA e outros serviços de espionagem para fazer atentados de falsa bandeira para beneficiar os mesmos de sempre e ter pretexto para essas coisas que disseste.

Thor disse...

www.youtube.com/watch?v=HSQQlQ66bVg

www.youtube.com/watch?v=ek7ZHenQnu4‎

www.youtube.com/watch?v=1YZTzjKFyBw‎

www.youtube.com/watch?v=5fjzzgzZJns‎

www.youtube.com/watch?v=d2hR32UrIHM‎

N disse...

Thor,ela existir existe,e é uma salgalhada autêntica que mistura crentes idiotas úteis com agentes cia e mossad,e até com líderes espirituais islâmicos autônomos que aproveitam a fama do movimento para mais fácil recrutarem para a jihad islâmica.

Já para não falar em estados policiais-mercenários securitários ao estilo orwerlliano que os democratas estão a construir aos poucos(e cada vez menos aos poucos) na Europa e EUA, e como esses ditos "atentados" dão muito jeito para os sionistas aprisionarem os povos nativos e ao mesmo tempo terem mais hipótese de sucesso em conter uma futura rebelião(genuína) por parte de nativos nacionalistas.

http://3.bp.blogspot.com/-z9A5SioIIuo/Uv-p2TS80MI/AAAAAAAAF1w/aIWGUNXOuwo/s1600/NS+vs+neo-marxismo+vs+conservadorismo+situacionista%252C+atrasadinho+e+covarde+41.PNG

http://4.bp.blogspot.com/-E-ejupT5rVk/U0weDv_8lcI/AAAAAAAAG0Y/UfgdSeYkc34/s1600/NS+vs+neo-marxismo+vs+conservadorismo+situacionista,+atrasadinho+e+covarde+72.PNG

http://4.bp.blogspot.com/-3XAbpHFRHXI/U0vXv_b4XoI/AAAAAAAAG0M/fC_t9ZKiBMg/s1600/NS+vs+neo-marxismo+vs+conservadorismo+situacionista%252C+atrasadinho+e+covarde+75.PNG

Pedro Lopes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro Lopes disse...


A Alqaeda alguma vez cometeu um atentado em Israel ou em interesses judaicos noutros países?


Não li nada sobre isto, mas a intuição sugere-me que Guantanamo e outras prisões da CIA na Europa, ao contrário do que se apregoa por ai, de que são centros de tortura de suspeitos de terrorismo, eu julgo que são antes campos de treino, formação e lavagem cerebral para jhiadistas.

Thor disse...

qualquer pessoa minimamente informada sabe que a pretensa "Al-Qaeda" foi treinada e preparada pela CIA em 1979, na guerra do Afeganistão.

a CIA ao contrário do que se pensa, não é só um serviço de inteligência ou de espionagem, mas uma agência de desinformação, tal como era a KGB, agora FSB, embora sem o mesmo poder desta, obviamente.

o Dr.William Pierce previu o 11 de Setembro, em Abril de 2001

http://en.metapedia.org/wiki/List_of_articles_by_William_L._Pierce_(part_two)#September_11.2C_2001_attacks

Thor disse...

"http://www.pnr.pt/noticias/activismo-pnr/uniao-nacional-dos-democratas/

Não sou do PNR.
Mas é sempre bom as pessoas terem noção de como funciona a democraCIA."


um tio meu foi da União Nacional e garanto que a União Nacional era muito mais tolerante que essa escumalha toda junta.

N disse...

Thor,tolerância por tolerância não é qualidade alguma.

Considero que se deve ser tolerante para quem discorde, desde que este fale verdade e tenha legitimidade racial/étnica para opinar sobre a Nação.

Considero ABERRANTE tolerância para com traidores à Pátria.

Como é que se pode ser tolerante para com quem nos rouba?nos trai?nos envenena?nos vende?nos viola?e até nos mata?
Ou todas estas minhas acusações à escumalha democrata são mentiras?

Tudo isto não foi(e ainda é) feito ao povo Lusitano?

miguel de vasconcelos por muito muito muito muito muito menos foi atirado da varanda abaixo.

A 1ªRepública por muito muito muito muito muito menos já tinha sido deitada abaixo.

Pedro Lopes disse...

"um tio meu foi da União Nacional e garanto que a União Nacional era muito mais tolerante que essa escumalha toda junta."

Eu não vivi na época do estado novo.
Mas pelo que leio, pelo que ouvi a pessoas mais velhas começo a ter a noção que no regime anterior havia mais liberdade que neste.
Liberdade mais real e não a liberdade fantasiosa e plastificada em que hoje vivemos.

Essa de congelarem as contas ao PNR é um excelente exemplo, mas há muito mais.
Alguém que denuncie a sério as negociatas obscuras da escumalha, ou que denuncie os meandros da pedofilia será certamente silenciado.

Eu não defendo a "censura" propriamente dita nos moldes em que normalmente é referida, mas defendo a censura a lixo cultural, a venenos que passam nas TV, a canais tipo MTV e Fashion TV(É pedofilia encapotada e exploração sexual de jovens adolescentes), filmes de violência por violência, filmes de apologia ao panasquismo, arte degenerada etc.

Quanto a censura de opinião politica não seria necessária(até certo ponto), e se esta for dirigida com as melhores intenções até é bem vinda.

Mas a escumalha liberal, marxista, capitalista teria de ser vigiada de perto pois eles não se ficam por "criticar", iriam tentar a subversão e propaganda de baixo nível. Eles são traidores por natureza, querem protagonismo, julgam-se na posse de alguma moral, cuja base é inexistente.

Thor disse...

bem, se os judeus e não-nativos fossem todos expulsos, podia-se deixar os nativos opinar à vontade, mas não (nunca) andarem a fazer terrorismo, subversão, pedofilia, andarem a tentar degenerar a juventude, a conspirar na sombra, etc, etc
além disso, a maçonaria tinha também que ser ceifada e eliminada a todo o custo.

Thor disse...

"Como é que se pode ser tolerante para com quem nos rouba?nos trai?nos envenena?nos vende?nos viola?e até nos mata?
Ou todas estas minhas acusações à escumalha democrata são mentiras?"


a parte do envenenar não sei, não tenho provas.
mas o resto é tudo verdade.
eu disse que uma coisa era opinar, outra coisa era fazer isso tudo e mais algumas que eu mencionei no comentário anterior a este.
não defendi tolerância com traidores, corruptos, vendilhões, ladrões, violadores, pedófilos, assassinos, etc

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

Não considero practicável actualmente, nem acho nada razoável, expulsar todos os não-nativos.

Deve-se sim, separar o trigo do joio e deixar ficar cá os que acrescentam valor à Nação, seja com trabalho físico,intelectual ou misto.
A melhor forma de lidar com isto é como fez o Reich Nazi, com uma espécie de "ministério" do não-nativo onde os melhores eram medalhados e recompensados moralmente e financeiramente.
Deste modo começa haver modelos e referências entre eles,e assim os restantes deixam de fazer tanta merda.
Agora não abdico de leis contra a miscigenação.
Se um não-nativo se miscigenar com uma mulher Lusitana e os genes milenares forem para o caralho, então haverá os mais diversos apoios e direitos retirados através de legislação racialista.

Quanto à questão do número deles,obviamente é incomportável a Nação Lusitana albergar esta quantidade de não-nativos(nomeadamente de origem Africana) visto que não há sequer empregos para os nossos,a carga fiscal já ultrapassou o aceitável,e como isto está a caminhar o estado social vai dar o estouro e não haverá dinheiro para reformas e quiçá para salários(qualquer pessoa com o MÍNIMO de responsabilidade sabe que isto vai originar revoltas sociais de todo o tipo,com policias e militares incluídos(vão-se ver com os salários e reformas roubadas),e todo o tipo de financiamentos estrangeiros,nomeadamente sionistas mas também islâmicos, a fornecer dinheiro para propaganda e armas para movimentos subversivos).

Já os judeus é outra história,eu a mandar,e assumo a 100% o que estou a dizer,quero-os TODOS fora daqui gradualmente.
Não iriam de mãos abanar pois então o estado NS Lusitano pagaria viagem(só de ida) e uma compensação financeira.

Hoje não há desculpas, eles têm uma Nação deles para ir(israel),mais os países e nações que adoram-nos ter lá para eles sabotarem aquilo.

O estado tem que ser a Nação politicamente organizada,logo se os judeus prejudicam a Nação,compete ao estado tomar medidas quanto a isso.
Isto é lógico, saudável e legitimo.

Thor disse...

"Não considero nem acho nada razoável expulsar todos os não-nativos."


os extra-europeus devem ser todos expulsos, N.
agora é claro que se vierem para cá alguns (poucos) imigrantes europeus não me oponho. mas só em pequenas quantidades.
e aceito imigrantes com afinidades genéticas, tipo os galegos ou alguns "brasileiros" que sejam 100% descendentes de portugueses, aqueles emigrantes de 1ª, no maximo 2ª geração.

agora, extra-europeus e não-brancos é rua daqui para fora. TUDO!



"Já os judeus é outra história,eu a mandar,e assumo a 100% o que estou a dizer,quero-os TODOS fora daqui gradualmente.
Não iriam de mãos abanar pois então o estado NS Lusitano pagaria viagem(só de ida) e uma compensação financeira."


aqui também discordo. comigo, não só não teriam direito a compensação financeira, como seriam obrigados a DEVOLVER até ao último cêntimo o que andaram a roubar.
e, por exemplo, no caso das máfias judias da droga que tanto falas, seriam obrigados a DEVOLVER TODO o dinheiro que fizeram a traficar droga e a desgraçar nativos, embora também não seja como o N, que põe a culpa da droga só no traficante e nada no consumidor.

Thor disse...

eu, por exemplo, não defenderia pena de morte para um Soares, por exemplo.
pelo menos, não no imediato. porque isso seria aniquilar logo à partida a possibilidade de descobrir onde é que ele escondeu e tem guardado TODO o dinheirinho que andou a gamar ao longo dos últimos 40 anos, seja directamente aos cofres do estado, seja com institutos, fundações, seja com reformas douradas, subsídios, seja com tráfico de droga pura e simples, etc, o que seja!

ele seria OBRIGADO a devolver rigorosamente tudo o que roubou até ao último cêntimo, sob pena de pagar com a vida.
e depois de ter devolvido TUDO, seja em dinheiro, ou em bens, património, etc, etc, esse dinheiro entraria nos cofres do estado e aí sim, o gajo levaria um chuto no cú, e teria carta branca para ir para os EUA ter com os seus amiguinhos da CIA ou então para israel ou mesmo para Moscovo, onde ele alias, já esteve antes do 25 de Abril, tal como o amiguinho dele, o Cunhal.

Thor disse...

ah e além disso, eu iria querer julgá-lo em tribunal tipo Nuremberga, mas desta vez sem falsificações e confissões fictícias e arrancadas, por causa disto:

http://hyperborea-land.blogspot.pt/2011/06/soares-anti-branco.html

N disse...

"agora, extra-europeus e não-brancos é rua daqui para fora. TUDO!"

Além de isto ser anti-humanista e anti-meritocrata e ir contra os meus valores,há também uma grande diferença entre desejar algo,e governar.

Depois de perderes mais de 500 mil habitantes de acordo com a tua política Thor,ias buscar os outros 500 mil aonde?

Ias buscar os Lusitanos imigrantes da Suíça,Alemanha,França,Canadá,Bélgica,Inglaterra,etc?
Com o nível salarial que temos?
Até os Eslavos nalgumas Nações já começam a ganhar mais que aqui.
Nós temos carga fiscal Nórdica, porém salários e justiça terceiro-mundista.

Lembra-te que a escumalha democrata arrebentou(e continua arrebentar, e quanto mais tempo tiver no poder, PIOR vai ser) com a economia.
O Estado está brutalmente endividado(e continua a endividar-se, e quanto mais tempo a escumalha democrata tiver no poder, PIOR vai ser).

Ora se já o nível salarial é rasca para atrair mão de obra Ariana, para para se criar emprego tem que se baixar a carga fiscal de forma drástica e ir buscar receitas noutro lado(como já expliquei exaustivamente no meu blog como o fazer).
Porque o Estado para criar emprego através de investimento público vai se ver à rasca no futuro por causa de herança catastrófica que a escumalha democrata irá deixar ao próximo estadista(E quanto mais tempo este demorar a chegar ao poder,PIOR vai ser).

Portanto,como podes reflectir Thor,não é possível conseguires substituir mais de 500 mil habitantes não-Europeus por 500 mil Arianos.
Podes cativar alguns Lusitanos mais por questão sentimental,patriótica até,mas é preciso um mínimo de condições financeiras cativantes.

Eu tenho na minha mente um boom de natalidade Lusitana,programas eugênicos para criar uma super raça/etnia Lusitana,e toda uma arquitectura nacional que misture clássico com futurismo e simbologia identitária Lusitana.

Mas isto leva 10,15,20 anos a começar a sermos uma Nação auto-suficiente a nível de natalidade.
Porque não basta só nascerem crianças Lusitanas,é preciso depois as segurar cá quando se tornam adultas acompanhado de todo um processo de maturação espiritual e doutrina ideológica de forma a se estabelecer uma relação inquebrável para com o então novo desígnio nacional no regime NS Lusitano.

Thor disse...

N, "humanismo" não se compadece com a defesa da pureza racial.

e depois contradizes-te. para umas coisas és muito "humanista" (negros, não-brancos, etc), mas para outras coisas já cagas para o "humanismo" (por exemplo, defender a possibilidade de matar recém-nascidos deficientes)

vejo aqui uma contradição insanável.
não vejo porque é que é "desumano" mandar não-brancos embora, para os países deles.

não lhes quero mal, não os quero matar, escravizar ou roubar.

só quero que vão embora!! isto é "desumano" onde, como, porquê e segundo que moral e que padrões??

até estou disposto a dar-lhes compensação financeira, desde que não tenham andado a roubar, traficar, fazer crimes, etc
(aos judeus é outra história)

anti-meritocrata também não é; primeiro porque meritocracia deve aplicar-se apenas e somente entre nativos e não a nível "universal". e segundo porque 90% da imigração extra-europeia é lixo.

quanto aos 500 mil, primeiro era bom que só tivéssemos "500 mil" não-brancos. infelizmente são muito mais. no mínimo é o dobro disso e estou a ser simpático. temos pelo menos 1 milhão de não-brancos em Portugal. PELO MENOS.

depois, não estou obcecado com números e com quantidade, mas sim com qualidade.
é preferível um país com 10 ou 9 milhões de habitantes todos nativos, do que um país com 11 milhões em que 1 milhão são não-brancos.
é preferivel ter 5 milhões de habitantes todos nativos, do que ter 10 ou 15 milhões de habitantes em que 2 ou 3 milhões são não-brancos.
quantos países com menos população do que Portugal, são mais evoluídos, prósperos e desenvolvidos?
não percebo nem partilho essa obsessão com quantidade.

depois, gradualmente pode-se tentar o regresso de alguns emigrantes SIM. claro que são só alguns e a conta-gotas. mas pode-se promover o seu regresso, sobretudo para o interior, e onde podem abrir os seus próprios negócios e serem uma mais-valia, ao contrário dos terceiro-mundistas que nada produzem e só vivem de IRS.
nível salarial claro que é um entrave, mas quem já acumulou e até já comprou casas em Portugal que estão vazias 11 meses por ano, decerto que se regressar não vai passar fome.

depois, isso que dizes de boom de natalidade e programas eugénicos é o que deve ser feito. claro que não é de um dia para o outro, leva anos, como dizes.
mas algum dia e por algum lado tem que se começar. quanto mais cedo melhor.

dizes que os democratas destroem a economia. verdade. mas os terceiro-mundistas não-brancos só pioram ainda mais a situação. são parte do problema e não da solução.
são um problema racial, genético, social e económico.
não quero cá nenhuns.

e não estou obcecado em substituir 500 mil por outros 500 mil.
Portugal já sobreviveu muito bem com 7,8,9 milhões de habitantes.
não é por sairem 500 mil ou 1 milhão de não-brancos que o país acaba. muito pelo contrário.
a lógica deve ser qualitativa, não quantitativa.

quem é anti-democrata e anti-igualitário como tu, decerto percebe isto.

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

"quanto aos 500 mil, primeiro era bom que só tivéssemos "500 mil" não-brancos. infelizmente são muito mais."

Eu já atirei por baixo...Dizeres isso só reforça aquilo que eu afirmei.

Thor,vamos lá então citar exemplos:

Eu adoro comer bem.
Considero a gastronomia Lusitana,Italiana e Indiana as melhores.
Uma boa gastronomia é também um chamariz para o turismo interno,logo gera receitas várias para a Nação.

Se houver trabalhadores Indianos numa quantidade suportável para a Nação,que trabalhem,descontem,respeitam a Nação onde estão inseridos e tragam diversidade gastronomica de qualidade à Nação, eu devo correr com eles como tu queres só por serem não-nativos?
Claro que jamais faria isso.

Se houver um negro a trabalhar numa oficina numa pequena cidade de uns 10 mil habitantes e o gajo for um "Às" a reparar carros,é trabalhador honesto e respeita a Nação onde está inserido, eu devo correr com ele só por ser não-nativo como tu queres?
Claro que jamais faria isso.

Tu nestas questões és tipo 8 ou 80.
E além de não ser humanista aquilo que estás a querer impor,não é practicável no acto de governação.

Não retiro uma vírgula daquilo que disse nos anteriores posts.

A questão dos negros é a elevada quantidade completamente insuportável para a Nação e a enormidade de parasitas que além de mamarem dos rsi e NADA contribuírem para a Nação, ainda por cima a maioria não nos respeita.
E assim como eles afirmaram(e ainda afirmam) que Angola pertencia a Angolanos, ou que África pertence aos Africanos, perderam então qualquer legitimidade para acusarem de "racismo" o slogan "Europa pertence aos Europeus",ou "Portugal pertence aos Portugueses".

A minha política é muito simples.
Primeiro os Lusitanos, depois os Lusitanos, e então depois os Lusitanos.

Só depois é que penso nas ditas "minorias", e sempre de acordo com os superiores interesses da Nação.

E volto a lembrar-te Thor, muitos dos judeus são brancos(apesar de não-Arianos), a maioria até.
E esses sim, são o maior cancro nacional.
Resolvendo o problema judaico resolve-se todos os outros, já que a baixa natalidade nativa ,o desemprego elevadíssimo ,a escravatura usurária, a grande corrupção, a libertinagem e indecência doutrinada, o loby gay/pedófilo, o tráfico de drogas pesadas, a imigração descontrolada,etc,etc,tudo isso é CONSEQUÊNCIA do principal problema.

O principal problema é o judeu.

Thor disse...

http://www.pnr.pt/noticias/internacional/pedofilia-deixa-de-ser-considerada-doenca/


pedofilia deixa de ser considerada doença. isto é irreal...

só falta necrofilia, zoofilia, poligamia, coprofagia e outras.

se calhar deveríamos condecorar os pedófilos Portas e Sampaio, não?

ou ter muita peninha deles e sermos mais "tolerantes", não?

enfim. é a decadência absoluta. a degradação total.

Thor disse...

"E volto a lembrar-te Thor, muitos dos judeus são brancos(apesar de não-Arianos), a maioria até.
E esses sim, são o maior cancro nacional.
Resolvendo o problema judaico resolve-se todos os outros, já que a baixa natalidade nativa ,o desemprego elevadíssimo ,a escravatura usurária, a grande corrupção, a libertinagem e indecência doutrinada, o loby gay/pedófilo, o tráfico de drogas pesadas, a imigração descontrolada,etc,etc,tudo isso é CONSEQUÊNCIA do principal problema.

O principal problema é o judeu."



eu sei. mas por isso mesmo é que eu até disse que no caso dos imigrantes não-brancos até estou disposto a dar recompensas financeiras, ao passo que no caso dos judeus não.
e, por mim, até se vai mas é buscar o dinheiro que eles andaram a roubar ou a ganhar com tráfico de drogas pesadas, roubo nos bancos e aos cofres estatais, fundações, institutos, lobbies de degeneração, paneleiragem e pedofilia, SOS racismos, corrupção, tráfico de armas (no caso do Soares, p.ex.) etc

Thor disse...

os judeus é que devem compensar-nos pelo mal que nos têm andado a fazer e não ao contrário. era o que faltava.

Pedro Lopes disse...


A insanidade suprema.
Banco Mundial quer que a água seja privatizada.

http://america.aljazeera.com/opinions/2014/4/water-managementprivatizationworldbankgroupifc.html

Eles querem controlar a produção de alimentos de forma globalizada(Monsanto - OGMs), eles querem controlar a água para meter lá substâncias para amansar as populações a as apanascarem.

Thor disse...

Pedro Lopes, qualquer dia até os calhaus e as pedras são privatizadas. até a areia do deserto hehe é o delírio, é o delírio.

isso são projectos dos capitalistas ultra-liberais mundialistas em conluio e consertação com o vaticano sionista e maçónico (sim maçónico, o vaticano).

não tenhas dúvidas que metem merdas na comida, àgua e outros produtos, não só para apaneleirar como para emburrecer as populações!
ou como pensam que tem subido o número de paneleiros e aberrações nas últimas décadas? só propaganda não chega para tanto aumento.

por essas e outras é que a merda do vaticano quer um banco mundial, que privatize (roube) tudo e mais alguma coisa.
e o passo seguinte é mulatizar mais de metade da humanidade para serem uma horda miserável de escravos terceiro-mundistas sem sequer direito a propriedade (e ainda criticam o comunismo).

quanto a controlar os alimentos, o queniano dos EUA já faz ou está a tentar fazer isso, através de decretos governamentais.
por isso é que há certas epidemias de cancro muito estranhas em "dissidentes", digamos assim. mas não só.
o objectivo é mesmo controlar toda a alimentação e todos os alimentos do Mundo.
a ambição totalitária dessa escória não conhece limites.

Pedro Lopes disse...

Pois é, Thor, mas os extremistas somos nós.

"Eles", os que fazem todas estas insanidades e barbaridades são sérios e responsáveis. Falam com um ar superior, e sempre com uma retórica humanista. Parecem preocupados com a pobreza, mas são eles os grandes causadores da mesma.

Os filhos da puta que produzem os transgénicos tentam convencer muitos otários que eles tem a solução para acabar com a fome no mundo, e muita gente cai nesta esparrela, mas o que eles querem mesmo é o controlo centralizado da produção agrícola, e isso ainda trará mais fome e miséria.

Estes globalistas ao contrário do que apregoam, de que a globalização traz mais concorrência e competitividade querem é no fundo o controlo total da economia por meia dúzias de multinacionais gigantes arrasando qualquer concorrência e destruindo as economias nacionais e regionais e locais.

Isto é um retrocesso civilizacional brutal, pois o povo propriamente dito perde "know how" e capacidade empreendedora pois os "grandes" não deixam qualquer espaço.

As grandes corporações até se podem dar ao luxo de vender coisas abaixo do custo de produção só para destruir a concorrência, e como tem a banca por detrás a financia-los não perdem dinheiro com isso.

Mas há quem veja nisto um grande progresso da humanidade.

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

"Estes globalistas ao contrário do que apregoam, de que a globalização traz mais concorrência e competitividade querem é no fundo o controlo total da economia por meia dúzias de multinacionais gigantes arrasando qualquer concorrência e destruindo as economias nacionais e regionais e locais."

http://omsilanoican.blogspot.pt/2014/01/the-global-delusion.html

http://omsilanoican.blogspot.pt/2014/02/o-mercado-livre-funcionar.html

"isso são projectos dos capitalistas ultra-liberais mundialistas em conluio e consertação com o vaticano sionista e maçónico (sim maçónico, o vaticano)."

O vaticano não é propriamente maçônico Thor,embora tenha lá alguns.
Eles lutam é entre si pelo controle e exploração da população,às vezes arranham-se,outra vezes abraçam-se.

Um banco mundial significaria total tirania.

Por ideologia e por princípios até,sou TOTALMENTE contra a privatização da água e a favor da nacionalização da banca.

O homem é o ser vivo mais criativo do mundo,mas também o que se corrompe mais depressa e mais facilmente.

O dinheiro(matéria) funciona como uma droga.
Se entregarmos a droga a um mega traficante privado e global(um banco mundial por exemplo),ele tornar-se-á mestre e escravizador dos povos,usando a sua droga como meio de subjugar os então consumidores do seu produto.

Quanto à privatização da água, é mais uma ABERRAÇÃO.
Ao nível da proibição e impedimento das pessoas amarem através do terrorismo tecnológico de escutas e videovigilâncias ilegais em inúmeras propriedades privadas.

Democracia=Anti-humanismo.
Democracia=Tirania.
Democracia=Involução.

N disse...

http://1.bp.blogspot.com/-A3Yndu63XRE/UvZhTqPPWCI/AAAAAAAAFzQ/lDs0JXaHS1k/s1600/NS+vs+neo-marxismo+vs+conservadorismo+situacionista%252C+atrasadinho+e+covarde+30.PNG

Thor disse...

"O vaticano não é propriamente maçônico Thor,embora tenha lá alguns.
Eles lutam é entre si pelo controle e exploração da população,às vezes arranham-se,outra vezes abraçam-se."


o vaticano está infiltrado pela maçonaria, e além disso, os cristãos e os sionistas, a um nível mais alto, estão todos conluiados para mandarem num governo único mundial e o resto são manobras de diversão e lutas "pífias".

Thor disse...

provas de que o vaticano é maçónico:

http://www.realidadeoculta.com/vaticano7.html#.U1LB51UU_wc

http://www.realidadeoculta.com/vaticano7.html#.U1LB2lUU_wc


as pessoas é que acreditam nessa falsa dicotomia entre cristianismo e maçonaria, quando SEMPRE estiveram ligados. ou não fosse o próprio cristianismo de origem judaica.
os templários são outra prova evidente que sempre andaram ligados.
e as reuniões maçónicas de 1789 em França, faziam-se em conventos, etc
a própria pedofilia da igreja não é propriamente um "acidente" ou uma "casualidade".

os idiotas úteis é que gostam de acreditar numa oposição cristianismo vs maçonaria e que só há maçons dentro da igreja porque se infiltraram lá para destruir aquilo.

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

Ó Thor,o problema dos ditos "investigadores" é que começam a entrar em delírio.

Não é que muitas das coisas não sejam verdade,mas depois outras são produto da imaginação e até estudo incompetente.

A dualidade luz e trevas, faz parte dos ritos Celtas por exemplo,não é exclusivo dessa corja maçônica e já muito antes era practicado.

E essa do vermelho ser a cor do Saturno é para rir.
Vermelho não é a cor de Mercúrio também?e de Marte?E de Júpiter?
Então em que ficamos?

Já o chão a xadrez realmente é muito usado pela maçonaria.

A maçonaria e a igreja usurpam simbologia e ritos que não lhes pertencem.

O cristianismo baseia-se no Mitraísmo(Deus solar).
O "amém" vem do Amon-Rá(Deus solar Egípcio).
E a palavra "Deus" vem de Zeus=Júpiter,que é o pai do céu.

A Igreja usurpou simbologia,Divindades,misturou alhos com bugalhos,inventou mais umas historietas,mexeu tudo e criou o cristianismo.

A outra corja da maçonaria,que diz que presta culto a Lúcifer(mas que não sabe o que é), é ainda uma maior usurpação e confusão que vai para ali.

Ora Lúcifer era a designação pagã dada pelos romanos a Vênus.
Não tem rigorosamente NADA haver com o diabo.

Ora se Vênus é a divindade do amor,a maçonaria ao trair,enganar,roubar,vigarizar,endividar,violar,genocidiar e até envenenar os povos que governa,isso é precisamente a ausência de amor.

Depois a corja da maçonaria também não se ficou por aí, e então toca a plagiar Cernunnos(Divindade de vários povos Celtas),e abastardou numa coisa chamada de "baphomet"(divindade dos templários), e que alguns chamam de "diabo".

Até a cena do pai natal no céu com as renas, foi copiada do Deus Thor.
http://saxons.etrusia.co.uk/images/Thor.jpg

N disse...

Então essa de relacionarem o Nazismo com a escumalha da maçonaria, é de rir.
O Nazismo correu com essa corja da Alemanha e percebeu muito bem o perigo que a mesma representava e para quem trabalhavam.

http://omsilanoican.blogspot.pt/2012/06/o-que-foi-o-nazismo.html

Ver os 2 últimos vídeos.

Thor disse...

"Ora Lúcifer era a designação pagã dada pelos romanos a Vênus.
Não tem rigorosamente NADA haver com o diabo."


isso eu sei. Lucífer é Lúcifer e Satan é Satan. são duas coisas diferentes que muitos gostam de misturar.
especialmente beatos e cristãos fanáticos.
mas eu como ateu que sou, não acredito nada nessas merdas de "diabo" nem de Satan="diabo" (isso é sobretudo terrorismo sionista).

e muito menos acredito em dialécticas de cristo vs anti-cristo e outras palermices "cristócêntricas" primárias.
sei que isso é usado para encurralar as mentes dos arianos (e não só)

e, N, eu referia-me sobretudo a estas imagens que lá vêm

http://www.realidadeoculta.com/images/eye2.jpg

http://www.realidadeoculta.com/images/eye3.jpg

http://www.realidadeoculta.com/images/eye4.jpg

http://www.realidadeoculta.com/images/mitra.jpg


bem sei que muita coisa que lá diz é delírio, exagero, misturas, confusões etc
mas essas imagens são significativas e sintomáticas de que o vaticano não passa de um quintal maçónico, e se calhar, sempre o foi.
os templários cristãos, eram maçónicos.
a pedofilia eclesiástica é na realidade um rito maçónico, e não algo "isolado" e "individual".
as reuniões de 1789 faziam-se em conventos e igrejas.

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

Por acaso o satanismo deve ser levado a sério Thor,não no conceito da narrativa semito-asiática do cristianismo,mas porque o satanismo é a dita "religião" dos liberais.

Foi uma forma de ateísmo agressivo fabricada para degenerar a juventude.

"mas eu como ateu que sou"

Não devias ser ateu Thor.
És um gajo demasiado inteligente e de bom coração para seres ateu.

Deixo-te este ponto de vista meu para reflectires:

Se os Deuses fizeram os homens à sua imagem,há dúvidas que os Arianos pela sua beleza,inteligência,bravura e criatividade fossem os seus preferidos?

A história prova isso....
Ou achas que foi por acaso que Antiga Grécia,Império Romano,Esparta, e mais recentemente Alemanha Nazi, todas exemplos civilizacionais de topo,fossem profundamente religiosos e prestassem cultos aos Deuses e Deusas?

Eu sei que dada a época decadente e de degeneração que vivemos, é difícil acreditar em algo...
Mas será que tal época que estamos a viver não é propositada?
Não será ela castigo?

Eu tenho para mim que a democracia é castigo para a humanidade por ela não fazer o que o divino manda(com os humanos mais sábios a servirem de mensageiros divinos,tal como Mercúrio era mensageiro de Júpiter por exemplo).

Afinal tu para renasceres,tens que primeiro morrer.
É assim com o indivíduo,também assim o é com a sociedade.

A democracia significa o abismo.
O NS o renascimento.

Democracia=Ateísmo.
NS=Missão divina.

Thor disse...

estás a confundir ateísmo com o ateísmo militante do marxismo e da democracia.
o meu ateísmo não é o marxista nem o democrático, aliás, esse ateísmo militante e agressivo dessa escumalha até é um falso ateísmo, porque, na realidade, esconde uma camada judaico-"satânica", e isso é tudo menos ateísmo.

o ateísmo não é todo uniforme nem monolítico.
eu simplesmente não acredito em deuses, só isso.
o meu ateísmo é verdadeiro e realista. eu não acredito mesmo em deuses. ao contrário dessa escumalha do parlamento.

quanto a ser de bom coração, não é tanto assim.
eu sou é demasiado céptico para acreditar em seres metafísicos.
posso estudar por curiosidade, mas acreditar não acredito.

Thor disse...

ateísmo marxista-democrático = cristianismo secularizado, ou cristianismo sem deus.

Anónimo disse...

"For there is one thing we must never forget... the majority can never replace the man. And no more than a hundred empty heads make one wise man, will an heroic decision arise from a hundred cowards."
- Adolf Hitler -

Thor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thor disse...

sim, é preferível a responsabilidade e a liderança de um verdadeiro líder do que a desresponsabilização dos políticos via sufrágio ("legitimação") democrático.

desresponsabilização não só dos políticos, como das pessoas a nível individual.
as "massas" são abstractas. a democracia é a ditadura dos números e a maioria da estupidez, como Hitler também disse.
democracia é pegar na responsabilidade e dividi-la em milhões de fracções e bocadinhos.

Pedro Lopes disse...


Olha a democracia da boa.

Democracia da boa, com selo de qualidade EU.

"Sweden makes it illegal to criticize immigrants on the internet"


http://www.eutimes.net/2014/04/sweden-passes-law-that-will-prosecute-people-for-criticizing-immigration/

Thor disse...

pensei que este blogue tinha dado o berro.
ontem à noite estava inacessível e dizia que tinha sido removido.

Pedro Lopes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

fODA-SE!Algo está mal neste blog ,qdo deixa escrever baboseiras por Fascistas/Nazis/racistas e tutti quanti escumalha ao serviço do Grande Capital.
Para os distraídos e/ou ignorantes,basta ver a Ucrânia....
Por favor,poupe-me,Diogo

Anónimo disse...

É espectacular, a ignorância destes 'antissemitas' do Leste(Khazars /Turcomanos/Hunos).
Nós os do Sul somos mais Semitas que os Akhenazim.
É incrível a Lenda.

Anónimo disse...

Para os palhaços que gostam dos senhores dos aneis e,o caralho ,lerem isto http://enquetesetrevelations.wordpress.com/2012/12/02/aujourdhui-95-des-juifs-ne-sont-pas-des-descendants-dhebreux-ou-de-semites/

OOps!são demasiado
lerdos para lerem em francês....