quarta-feira, fevereiro 15, 2012

A fraude dos Dois-Partidos perpetrada pelo Establishment

.
A ilusão da livre escolha entre Direita e Esquerda


The Establishment's Two-Party Scam

Establishment - é um termo usado para referir genericamente a tradicional elite dominante ou elite do poder e as estruturas da sociedade que ela controla.

Esta fraude consiste na fundação e financiamento pela elite do poder de dois partidos políticos que surgem aos olhos do eleitorado como antagónicos, mas que, de facto, constituem um partido único. O objectivo é fornecer aos eleitores a ilusão de liberdade de escolha política e serenar possíveis sentimentos de revolta contra a elite dominante.

Texto de Chris Gupta

Tradução minha


Dr. Stan Monteith

Dr. Stan Monteith: "De há muito, o principal problema da vida política americana tem sido tornar os dois partidos congressionais (o partido Republicano e o partido Democrata) mais nacionais. O argumento de que os dois partidos deviam representar políticas e ideias opostas, uma, talvez, de Direita e a outra de Esquerda, é uma ideia ridícula aceite apenas por teóricos e pensadores académicos. Pelo contrário, os dois partidos devem ser quase idênticos, de forma a convencer o povo americano de que nas eleições pode "correr com os canalhas", sem na realidade conduzir a qualquer mudança profunda ou abrangente na política."



George Wallace

É sobejamente reconhecido que as corporações internacionais contribuem com largas somas de dinheiro para ambos os partidos políticos, mas será possível que ambos os partidos sejam controlados essencialmente pelas mesmas pessoas? Teria George Wallace razão quando afirmou:

"... não existe diferença nenhuma entre Republicanos e Democratas."

"... A verdade é que a população raramente é envolvida na selecção dos candidatos presidenciais; normalmente os candidatos são escolhidos por aqueles que secretamente mandam na nossa nação. Assim, de quatro em quatro anos o povo vai às urnas e vota num dos candidatos presidenciais seleccionados pelos nossos 'governantes não eleitos.' Este conceito é estranho àqueles que acreditam no sistema americano de dois-partidos, mas é exactamente assim que o nosso sistema político realmente funciona."



Arthur Selwyn Miller

O Professor Arthur Selwyn Miller foi um académico da Fundação Rockefeller. No seu livro «The Secret Constitution and the Need for Constitutional Change» [A Constituição Secreta e a Necessidade de uma Mudança Constitucional], que foi escrito para aqueles que partilhavam os segredos da nossa ordem social, escreveu:

"... aqueles que de facto governam, recebem as suas indicações e ordens, não do eleitorado como um organismo, mas de um pequeno grupo de homens. Este grupo é chamado «Establishment». Este grupo existe, embora a sua existência seja firmemente negada; este é um dos segredos da ordem social americana. Um segundo segredo é o facto da existência do Establishment – a elite dominante – não dever ser motivo de debate. Um terceiro segredo está implícito no que já foi dito – que só existe um único partido político nos Estados Unidos, a que foi chamado o "Partido da Propriedade." Os Republicanos e os Democratas são de facto dois ramos do mesmo partido (secreto)."

O Professor Miller usou nesta frase "(secreto)" porque sabia que ao povo Americano nunca será permitido tomar conhecimento que na realidade só existe um partido político nos Estados Unidos.



Professor Carroll Quigley

Nenhum debate do Governo Invisível Americano ficaria completo sem mencionar o Professor Carroll Quigley, o mentor de Bill Clinton quando este era um estudante na Universidade de Georgetown. O Presidente Clinton referiu-se bastantes vezes ao Professor Quigley nos seus discursos. O Professor Quigley deu aulas tanto na Universidade de Harvard como na de Princeton antes de se fixar na Universidade de Georgetown.

Embora Quigley fosse um devotado liberal, estamos em dívida para com ele pelas suas revelações acerca da origem da Elite do Poder que governa a nossa nação e o mundo. No seu livro «Tragedy and Hope: A History Of The World In Our Time» - [Tragédia e Esperança: uma história do Mundo dos nossos dias], Quigley documenta as origens da sociedade secreta que controla os nossos partidos políticos hoje e que se manifesta nas posições chave ocupadas pelo Council on Foreign Relations [Conselho das Relações Exteriores]. Aqueles que estudaram a influência deste Conselho reconhecem que ele controla tanto as nossas políticas domésticas quanto as externas.

O Professor Quigley também revelou que os Governantes Não Eleitos da América têm por objectivo controlar-nos, utilizando "especialistas" para subverter o nosso processo eleitoral:

"... É cada vez mais claro que, no século XX, o especialista substituirá o magnata industrial no controlo do sistema económico tal como irá substituir o votante democrático no controlo do sistema político. Isto porque o planeamento vai inevitavelmente substituir o laissez faire… De forma optimista, podem sobreviver para o indivíduo comum os elementos da escolha e liberdade no sentido em que ele será livre de escolher entre dois grupos políticos antagónicos (mesmo que estes grupos tenham pouca latitude de escolha política dentro dos parâmetros da política estabelecida pelos especialistas), e o indivíduo tenha a oportunidade de escolher mudar o seu apoio de um grupo para outro. Mas, em geral, a sua liberdade e poder de escolha serão controlados entre alternativas muito apertadas"...
.

66 comentários:

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=ePt22q7Dw1U

N disse...

Para ver a quem serve a democracia é só ver quem a defende e a patrocina...

Carlos disse...

Parabéns. Isto é serviço público.

mfc disse...

É a alternância sem alternativa que não me canso de denunciar!!

Anónimo disse...

Diogo
tenho lido com muita atenção tudo o que tens postado há muito tempo. Com algumas coisas concordo, com outras, não; com outras fico estupefacta, vou-me informar, falo com amigos, investigo...
Mas o Salazar... não!
Esse, não! hoje vi aqui um blog que remete para o jornal "diabo" de má memória. Está nos teus blogs de referência.
Afinal és de extrema direita, é isso?

Diogo disse...

N – Exacto!


Carlos – Obrigado. Deu-me um certo trabalho procurar estes quatro testemunhos.


MFC – É a ilusão da liberdade de escolha.


Anónima – Não, não sou nem de direita nem de extrema-direita. E considero que Salazar era apenas o capataz das cinco famílias mais ricas de Portugal. Simplesmente, noutros assuntos, esse blog que referes tem artigos interessantes.
Por curiosidade, eras capaz de me dizer cinco assuntos que costumo abordar aqui, que não concordas ou que ficas estupefacta em ouvir falar? Cumprimentos.

N disse...

Tamos em sintonia Diogo.
Optimo.

Quanto ás acusações de Salazar do anonimo para com o Diogo,o salazarismo não era uma extrema direita pura e dura.

Era direita sem duvida mas um fascismo moderado,retrogada,demasiado conservador e clerical.

Não anti semita,nem anti capitalista.

Agora verdade seja dita no que diz respeito á honestidade os vermes democratas não lhes chegam aos calcanhares.

O homem foi um razoavel estadista,não bom ou muito bom,mas ao menos está na categoria de estadista.

Zelou pela Nação,não roubou e teve muitos mais anos para roubar,e condições nem se fala(era uma ditadura),e no entanto não só não roubou como ainda deixou os cofres cheios salvaguardando as futuras gerações e a Nação.

O regime de salazar deveria ter acabado mas não da forma que foi e muito menos ocupado o poder pela escumalha que se seguiu.

Desse ponto de vista o 25 de abril e o processo vergonhoso de descolonização,as traições de politicos pagos pela cia a conspirar em paris,o saque e roubo dos cofres de estado,a violação dos míudos da casa pia durante decadas,a corrupção crescente e continua e solidificada em tudo o que é sector,a desmoralização total da sociedade,a gigantesca divida,a maior emigração nativa de sempre,o genocidio racial que se verifica já em certas zonas de lisboa,tudo isso bem estudado e analisado pode se concluir que o 25 de abril e a pseudo elite que lhe deu origem contituiu uma das maiores,senão a maior tragédia nacional dos mais de 800 anos da Nação.

Nunca esta Nação esteve tão endividada,tão corrompida,tão pequenina,tão vergada,tão humilhada,tão fraquinha.


Salazar não era bem capataz,mas digamos que era aquilo que ás vezes se denomina por nacional capitalismo.

Ambos toleravam se,salazar porque precisava deles e eles não ladravam como ladram hoje,e eles porque viam no fascismo clerical do salazar uma oposição ao comunismo.

Portugal precisa é de um movimento de terceira via,um socialismo nacionalista não democrático.

E correr sem treguas com a corja da maçonaria,a grande desgraça de Portugal.

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

“E considero que Salazar era apenas o capataz das cinco famílias mais ricas de Portugal.”
Diogo, isto não passa de uma frase pavloviana, demasiado simplista, que pelo menos pessoas com a sua inteligência deveriam evitar. É do género: não acreditas no holocausto? Então não viste o filme?
Está a perceber Diogo?
É historicamente conhecido, por exemplo, os desaguisados com houve com o Champalimoud. E o “puxão de orelhas” que levavam quando Salazar achava que já estavam a abusar.
De resto sobre o fascismo de Salazar o N já disse o essencial, o qual só posso acrescentar que não foi suficientemente Fascista.
É claro que falo do verdadeiro Fascismo.

SIED"

N disse...

O Fascismo que o SIED fala é um fascismo que nunca foi aplicado em Portugal.

É um fascismo heroico,aristocrata,tradicionalista,anti capitalista,racialista e que mais que a mera ordem e desenvolvimento da nação,quer levar a Nação para um patamar nunca antes conseguido formado por um colectivo de "super homens",homens que se superam a si mesmo a um nivel quase atingindo o divino.

O NS alemão foi o que esteve mais perto disso.

Ó SIED tu és da corrente Evoliana não és?

Esse fascismo da dita extrema direita(a mais esclarecida) perde porém na minha opinião em 2 aspectos:

*Apetência para estados securitários.
*Aliança com o clero.

É por isso que eu não me considero nem direita nem esquerda mas sim de terceira posição,uma nova terceira via.

Acho que a liberdade solta a criatividade e a criatividade é a chave de tudo,desenvolve a economia,inova nas mais variadas materias,seja educação,materias de defesa militar,arquitectura identitaria,novo metodos de atração de turismo e captação de receitas,etc etc,a lista é infindável...

Agora a liberdade para não ser corrompida e transformada em libertinagem tem que haver um estado forte,com capacidade e medias para doutrinar e não deixar as pessoas se alienarem por medias e propaganda que trabalham para a mafia da alta finança e forças internacionalistas que vão contra os intresses nacionais.

Acho que as pessoas devem falar,pensar,exprimir a opinião.

Agora o que não concordo é o conceito democrático em que qualquer um fala sobre tudo e mais alguma coisa,mesmo que não saiba de nada e coisa alguma e que nesse conceito democratico as decisões da Nação avaliam se num sistema de votos igualitários sem qualquer criterio racial,intelectual e moral.

Agora não é por não ser uma democracia,que faltará liberdade,muito pelo contrario.

O que a democracia proporciona é uma falsa liberdade.

A divida é uma nova forma de escravidão.

A ditadura do pensamento unico é escravidão de pensamento.

O recurso a tecnologia de escutas ilegais e videovililâncias com micro cameras a opositores do regime é uma prisão fisica.

O igualitarismo e o conceito de votos democraticos é claramente a imposição da maioria sobre a minoria,sendo que é senso comum que a maioria é sempre seguida pela ignorançia,pois a quantidade é sempre inversa á qualidade,e portanto as vontades do gado impõem se á vontade da sociedade mais esclarecida,no fundo a merda prevalece sobre a nata da sociedade.

Merda essa que é alem das limitações intelectuais que não lhes permite sair muito acima da condição de simio,será sempre manipulada e pensará e seguirá sempre aquilo que os media ao serviço do sistema mandar.

Porque a maioria das pessoas não tem qualquer capacidade para pensar além daquilo que a propaganda do sistema delimita.

E por isso mesmo a democracia é uma prisão que quanto mais dura mais fortifica as grades,pois quanto mais se expandem os tentaculos mais corrompem a juventude desde cedo,manipulada e inundade de propaganda,e quantos mais nativos emigrarem e terceiro mundistas entrarem cá,menos o nacionalismo e patriotismo terão forças e eles sabem disso,daí promoverem deliberadamente genocidios raciais e combate a ideologias nacionalistas apelidando as de "extremistas" e fazendo todo o folclore de propaganda conta as mesmas.

N disse...

E há uma questão da maxima importância que não tem parelo na historia,e que muitos dos ditos fascistas da extrema direita pareçem ignorar ou não dar a devida atenção.

A tecnologia e a sua evolução continua irá inevitavelmente ser inimiga da liberdade,e obviamente os alvos do sistema serão os nacionais anarquistas e os nacionalistas,no fundo todos os que não compactuarem com o capitalismo,ou as suas outras faces como o marxismo.

Todo e qualquer homem,ou colectivo de,que tenha valores de honra,nobreza,coragem,patriotismo, e que tenha espirito de aço e se recuse a trair ou a ser escravo voluntario de quem quer que seja será usada a tecnologia para persegui lo.

Por isso é que digo que uma nova ideologia e um novo paradigma deve encorajar a ordem e disciplina,mas sempre incutir um espirito algo nacional anarquista no novo homem do novo regime na 4ª republica.

Um povo que aceite se escravizar perante quer quem que seja é um povo de merda.

Daqui a 50 ou 100 ou 150 anos,não tenho duvidas que haverá uma luta de humanos na clasdestinidade contra a tirania tecnologica nas mãos erradas.

E nosso netos e bisnetos devem,mesmo que porventura das melhores das hipoteses Portugal esteja nas mãos de um estadista e por isso não haja perseguição desse tipo,dizia eu que devem ter treino e capacidade de em menos de 24 horas passar para uma situação de clasdestinidade e lutar do lado da liberdade.

Não tenhamos ilusões,a humanidade em geral não presta.

E mesmo aqueles que estão(ou acham) do "lado bom",são os que mais prejudicam pois não têm a mais pequena noção de nada e em nome de uma pseudo humanismo clamam por frase estereis como "vamos todos viver em paz" como se o confronto não fosse parte da humanidade desde os tempos mais barbaros até aos dias de hoje e certamente no futuro,e depois vêm com as suas tretas de tolerância para tudo e todos,e ainda icenvitivam o crescimento populacional de não Arianos quando neste momentos se há alguma raça que com estes numeros de natalidade caminha para a extinção é mesmo a raça Ariana.

Mas esses idiotas,num mundo já com excesso populacional sub ariano que provocará desastres ecologicos,subida dos preços alimentares e energeticos,tensões sociais e mesmo bélicas a nivel de nações,ainda querem mandar "ajudas" alimentares para eles se reproduzirem ainda mais e depois convida los para vir para aqui para nos destruir por dentro.

Isso tudo sob uma falso e contraditorio humanismo cujas acções fazem desses mesmos sujeitos idiotas uteis ao serviço do sistema.

A Europa precisa de terminar com as democracias de uma ponta á outra e começar programas eugenicistas e que se foda o politicamente correcto ou o que quer que digam,e tem que se estudar a questão do jus sanguínius e até que ponto é aplicavel,porque realmente alguma coisa tem que ser feita.

A democracia é uma prisão que a continuar muito mais tempo irá acabar com as Nações e fazer da Europa uma califado terceiro mundista de consumidores globais com um chip no pulso.

N disse...

Até mesmo na questão das origens do nosso povo sendo a cultura celta e romana o nosso principal berço,se virmos bem o modelo de organização romano antigo corresponde ao que hoje designamos por Fascismo,centralizado,forte,disciplinado e imperialista,e o modelo celta era sem duvida um socialismo etnico tribal,talvez a palavra anarquista seja demasiado forte para defenir o conceito até porque as condições,regras e deveres e organização eram outras comparando com os tempos de hoje,mas o modo de viver dos celtas era o que hoje se pode defenir como "nacionalistas autonomos".

Acho que cada modelo tem as suas virtudes e na mistura do melhor dos dois se encontra a perfeição.

Sem disciplina e sem ordem não nos conseguimos nos potencializar.

Mas sem liberdade e o respectivo gosto por ela tambem não nos conseguimos soltar da submissão.

Temos que ser um animal dentro duma farda,ou fato.

Homem por fora,lobo por dentro.

Anónimo disse...

N,
Se não fosse por essa tua atitude anti-democrática e anti-judaica diria que eras um gajo guedelhudo com uma testa longa que tinha todas as possibilidades de ser do bloco de esterco caso estes não gostassem de pretos nem do islão e que tem um blogue de nome de “espada romana”
EHEHEHEH!

Diogo disse...

N e SIED,

Compreendo e partilho a vossa revolta contra a «Democracia Representativa» que nada mais são do que fantoches a soldo de uma Máfia Financeira. Mas a vossa solução – a do «Estadista» nobre, de queixo espetado, patriota, impoluto e independente é apenas uma fantasia. Mudar de «Representantes» fantoches para um «Estadista» fantoche não é solução para nada.

A tecnologia tem vindo e vai continuar a evoluir a uma velocidade cada vez mais vertiginosa. Esta tecnologia tem, entre muitas outras, três características que estão e vão mudar radicalmente o paradigma político: são elas a automação, a informação e a inteligência artificial.

A automação vai virar (já está a fazê-lo) de pernas para o ar o actual paradigma produtivo: uma sociedade sem trabalhadores é uma sociedade sem patrões e sem banqueiros. A informação boca a boca (peer to peer) difundida pela Internet está a esburacar as barragens maciças de propaganda dos mass media cujo futuro é desaparecer. Por fim, a inteligência artificial vai permitir-nos dar um salto quântico de proporções não imaginadas na civilização humana.

Anónimo disse...

http://www.provafinal.net/2012/02/primeiros-trabalhadores-chipados-nos-estados-unidos/

Carlos disse...

Aqui; (http://www.nonas-nonas.blogspot.com/) vi isto; http://4.bp.blogspot.com/-YakzZcDsfAQ/TysXUilw4CI/AAAAAAAAG4Q/LEOf_oIZ7Mk/s1600/Eliminar%2BParalamento.jpg

Nem se pergunta!

N disse...

Diogo a unica fantasia é a de os Portugueses acreditarem que os que nos levaram ao buraco com fundos da ue de milhares de milhoes e sem divida para pagar,sejam agora capazes de nos tirar dele mas sem milhoes a jorrar e ao invés disso divida para pagar.

Quem não consegue nadar com uma boia,não irá conseguir nadar sem ela em alto mar.

Talvez dito assim seja de mais facil compreensão.

Não se trata de descredito,trata se de uma evidência factual que o lugar desta canalha politica é na prisão,ou alvo de justiça(legitimia) popular.

Ver todos os dias as pessoas acreditarem em vigaristas,ainda acreditarem neles,os media a fazer terrorismo jornalistico todos os dias,a ter como opinadores ladrões,ladrões mesmo,alguns até ladrões e pedofilos.

Ver tudo isto a desmoronar se,toda a gente dá conta,está á vista de todos,mas sabe lá porquê ainda acreditam nesta canalha e neste regime.

A 3ª republica falhou,isto é factual,ela está morta.

Só está viva para os simios que não conseguem ver um boi á frente.

E esta republica ainda não foi abaixo sabes porque?

Porque numa democracia todos valemos o mesmo,eu, tu,o emplastro,o castelo branco,o gajo que gosta de soprar a vuvuzela,o corrupto,o paneleiro,o travesti,o agarrado,o gajo todo comido dos açidos,o broeiro ignorante,o bebado do tasco,etc...

Só mesmo alguem muito limitado,ou hipnotizado ou sob alguma especie de transe pode defender um sistema igualitário destes.

Ninguem intelectualmente capaz e sério pode defender a democracia.

O Estadista não é fantasia,e nem opção sequer.

É a UNICA solução se a Nação quiser sobreviver e se o povo quiser deixar de rastejar.

Podem dizer que não e blá blá blá,os dias vão passando,os recursos da nação vão se privatizando,o desemprego a disparar,fabricas a fechar,lojas a fechar,restaurantes a fechar,violência urbana aumentar,emigrantes nativos e qualificados a emigrar,terceiro mundo a entrar,sida aumentar,pobreza aumentar,fome aumentar nas cantinas das escolas,prostituiçao aumentar,a divida continua,novos emprestimos,altos juros,politicos continuam a roubar e o povo a enrabar....

Isto já dura há decadas,no meio de manifestações pacificas,palhaçadas de eleições,comentadeiros televisivos alienar as massas,e troca de canalha dos partidos.

O FACTUAL é que NÃO FUNCIONA.
NÃO FUNCIONOU E NÃO VAI FUNCIONAR.

O resto é tar a perder tempo enquanto o titanic(Portugal) vai se afundado enquanto ainda está tudo a rir se no salão,a dançar e o barco já está cheio de agua.

Se só acordarem quando já tiveram debaixo de agua com os tubarões a comer vos as pernas já é tarde.

Portugal não é imortal como diz o hino,muitos Nações e povos já foram extinguidos entretanto e os sintomas que antecederam essas extinções são em tudo semelhante a Portugal.

Corrupção gritante da canalha politica,banalização da traição,povo adormecido e apático,forças armadas subordinadas a uma classe politica traidora á nação e por isso uma subordinação paradoxal por quem tem como dever defender a Pátria,falta de natalidade,aumento descontrolado de imigrandes de outras culturas e raças,perda de recursos e etc...

A situação actual da Europa e o que a demência da democracia está a causa faz me lembrar a queda de roma com um pormenor altamente relevante.

É que as nações com economias mais fortes,e bom numero de população da respectiva raça raiz podem a dado momento dizer BASTA e correr com a merda toda e deitar abaixo a democracia que pelo nivel salarial que oferecem conseguem captar mão de obra europeia.

Agora pergunto:

Portugal não tendo nivel salarial para captar mão de obra europeia e nem mesmo a eslava já,que alternativa senão o terceiro mundo?

Sabem qual vai ser as consequências disso não sabem?

O tempo está a correr contra nós,e cada dia que se perde com a democracia e esta republica é um dia que Portugal vai morrendo.

Deixo vos este video,talvez com imagens aliadas ao texto vos desperte mais para a realidade e saiam da matrix democratica.

http://www.youtube.com/watch?v=vWcf7jOr1gQ

Carlos disse...

Diogo queres ler o livro Tragedy and Hope: A History Of The World In Our Time ?

Carlos disse...

Isto hoje está mal...
Entrevista com Carrol Quingley
http://www.youtube.com/watch?v=VRj-wL2GoqI

Anónimo disse...

Diogo.

Deixo-lhe aqui informação importante, eu nem acredito no que acabei de ouvir na Sic Noticias agora mesmo, às 22h35 começou o Cravinho a dar uma entrevista à Ana Lourenço sobre o poder da Goldman Sachs na europa e no mundo.

Bem, os meus parabens ao Cravinho, não esteve com meias medidas, disse de caras que esta crise foi fabricada pela Goldman Sachs para com isso ganhar rios de dinheiro, falou também da falencia da AIG, companhia e seguras que permitiu à Goldman sachs ganhar 300 milmilhões de dolares.

Em relação á Grecia, denunciou o facto de Goldman sachs ter mascarado a divida grega para permitir a entrada no euro, enquanto que agora especula sobre a economia grega e como se não bastasse para gozar ainda mais com os gregos meteram lá o Papademos para acabar com a Grécia, papademos este que pertencia aos quadros da Goldman sachs na europa.

O ladrão do Draghi e o coveiro italiano do Monti não foram obviamente esquecidos pelo Cravinho, era de mais cravinmhos que precisavamos em Portugal.

Falou também do secretário do tesouro do clinton, e que antes era o chairman da goldman sachs na america, e que este tipo que não fixei o nome acabou com um a lei do new deal americano que fazia a divisão entre a banca comercial e a banca de investimento, isto nos anos 90, esta separação resultou depois na crise do imobiliário nos EUA.

E falou de mais casos com contornos mafiososo ligados ao BCE`, á goldman sachs e à FED.

Um raro momento de informação na Sic Noticias, penso que o video estará disponivel na net, e daria um bom post, foram uns 10 minutos de descaque na Goldman Sachs, a retirar a capa a estes FDP's, entre as 22h35 minutos e as 22h45 m, na edição da noite com a Ana Lourenço.

Anónimo disse...

Está visto que o Cravinho anda a ler certos blogs...

Carlos

Anónimo disse...

LOL e o cravinho nem é maçom do gol nem nada,nem faz parte da camarilha que andou e ainda anda a roubar o país.

Os lemmings continuam a ir na cantiga do policia bom e policia mau.

Eles jogam todas na mesma equipa.

ACORDEM!

Anónimo disse...

Isso são tecnicas para voçês passarem a achar que "a partir da agora é que é",agora os media passaram a ser confiaveis,vamos todos ver!

E assim,sabendo que as moscas não se apanham com vinagre,os media e os falsos opositores do sistema lançam vos um docinho para vos captar a atenção e manter vos alienados e lá vão voçês novamente ouvir gente sem qualquer credebilidade e que vos engana há decadas.

Enquanto os ouvirem,estão a perpetuar o sistema e eles sabem disso.

Daí estes "docinhos".

Um pedofilo quando quer violar míudos não se apresenta como violador,primeiro tenta ganhar a confiança do menor,oferece lhe brinquedos e rebuçados para depois quando o menor deixou se alienar ele viola o sem piedade e suga lhe a vida interior para sempre.

Os politicos profissionais são iguais.

Eles fingem se vossos amigos num espectaculo degradante de hipocrisia para depois ganhar a confiança dos mais ingénuos e depois... TOMA LÁ A FACADA NAS COTAS Ó OTARIO.

Voçês não se cansam de serem enganados há anos,vez apos vez?

Tentem fazer um exercicio muito simples:

Quando um gajo fala,ver onde fala,se o local ou media onde ele está a falar é confiavel,se o sujeito pertence a alguma loja maçonica ou algum partido,se sim e se anda com eles é porque é culpado tambem,e sendo assim não vale a pena ouvir o que quer que seja.

Voçês tem que por a massa cinzenta a funcionar e boicotarem tudo o que não seja credivel e confiavel.

Quando é gente alinhada ou comprometida com este sistema corrupto que vos engana diaramente há decadas então BOICOTA!

Quando voçês fizeram essa higiene mental e começarem só a perder tempo a ouvir ou ler gente credivel começam a pensar de forma clara e agir em consequência.

O vosso cu começa a ficar mais fechadinho...
Experimentem...

Carlos disse...

O anónimo (18 Fevereiro, 2012 11:04) está a fazer exactamente o que acusa os outros de fazer (o cravinho).
Primeiro até dá umas advertências engraçadas mas depois está sempre com o levar no cu em mente, o que faz as pessoas o desprezem, e por consequência até os conselhos engraçados, falo por mim (é com sacrifício que lhe estou a responder).
É pena afastar as pessoas do caminho certo com constantes insultos e (tentativas de) enxovalho.
As frustrações pessoais devem ser resolvidas primeiro, ou deixadas de lado, antes de se vir a público falar.
Se o anónimo está bem intencionado então siga os seus próprios conselhos.

Diogo disse...

N – O peso dos votos de cada um num cenário de Democracia Directa é um tópico que eu gostava de ver discutido neste blog.


Carlos – Gostava muito de ler o livro Tragedy and Hope: A History Of The World In Our Time. Será que me consegues arranjá-lo?


Anónimo – Não estou em casa onde disponho dos softwares de captura de vídeo. Não há ninguém que o tenha gravado?


Anónimo 2 – Em relação à técnica de desinformação – dar 90% de verdade para fazer passar os importantes 10% de mentira – eu tenho por costume usar uma contra-táctica – Só passo os 90% de verdade e omito os 10% de veneno. Chama-se a isto virar o feitiço contra o feiticeiro.

Diogo disse...

N – O peso dos votos de cada um num cenário de Democracia Directa é um tópico que eu gostava de ver discutido neste blog.


Carlos – Gostava muito de ler o livro Tragedy and Hope: A History Of The World In Our Time. Será que me consegues arranjá-lo?


Anónimo – Não estou em casa onde disponho dos softwares de captura de vídeo. Não há ninguém que o tenha gravado?


Anónimo 2 – Em relação à técnica de desinformação – dar 90% de verdade para fazer passar os importantes 10% de mentira – eu tenho por costume usar uma contra-táctica – Só passo os 90% de verdade e omito os 10% de veneno. Chama-se a isto virar o feitiço contra o feiticeiro.

Carlos disse...

Diogo
Já seguiu.
Se mais alguém quiser é só deixar o correio.

Anónimo disse...

Está aqui o video.

http://sicnoticias.sapo.pt/programas/edicaodanoite/article1352946.ece

Não percebo a dificuldade, basta ir ao site da sic noticias ao programa edição da noite e está lá escarrapachado.

A partir do meio começam a falar da Goldman Sachs.

Anónimo disse...

http://sicnoticias.sapo.pt/programas/edicaodanoite/article1352946.ece

Anónimo disse...

cle1352946.ece


Isto é o que falta ao link postado anteriormente.

Não percebo porque mas ao publicar não aparece o link na totalidade, fica cortado ao meio.

É só juntar ao que está no coemntário anterior para aceder directamente.

N disse...

"O peso dos votos de cada um num cenário de Democracia Directa é um tópico que eu gostava de ver discutido neste blog."

Cabe te a ti Diogo defenderes esse teu sistema com argumentos e explicares tim tim como o aplicarias e como funcionaria.

Quais as necessidades vitais para a Nação e desafios prioritários e em que é que esse modelo de democracia directa ia poder fazer algo de relevante.

Eu defendo um estadista num regime não democrático,já expliquei no que consiste e já disse medidas aplicar,probelemas a resolver etc...

Agora cabe te a ti defenderes o sistema de democracia directa.

Eu estarei cá para te por á prova.

Quanto ao SIED não sei,ele fala por ele,mas ele que concorda comigo gostaria que ele entre tambem nesse debate pois considero o altamente inteligente("especie" rara hoje em dia e por isso o elogio é sério) e isso só contribuiria para a tematica.

Venham de lá os argumentos e a tua visão Diogo para o País.

Quero que me expliques como resolverias a questão do critério dos votos,de como esse sistema iria fugir ao controlo dos partidos corruptos,aos financiamentos de campanhas das empresas de contrução e ás garras da maçonaria,não te esqueças de nenhuma dessas partes.

Quero que me expliques como iria ter força e autoridade para fazer o que é preciso para salvar isto sem imbecilhos a estourvar como os partidos da "oposição" e suas ideologias irrealistas e demagógicas como o be e pcp que a sua natureza é sabotar constantemente pois quanto pior melhor,pois eles precisam do maior numero de plebe sem nada a perder e o mais multicultural possivel para conseguirem o poder das ruas e por isso eles propoem sempre aquilo que não podem cumprir pois sabem que nunca vão ser poder através dos votos mas só através de uma revolução motivada pela fome e miseria.

Quero saber como iria essa democracia directa por os medias terroristas na ordem.

Quero saber como essa democracia directa iria por os paneleiros e pedofilos com redea curta se numa democracia eles podem votar e até contam com um sem numero de organizações não governamentais e ate mesmo governamentais a funcional como autenticos lobbies.

Quero saber como essa democracia directa iria por os banqueiros bem comportadinhos,porem juros decentes tendo em vista o bem comum e da Naçãi e não ladrarem muito nem quererem mandar demais.

Quero saber como essa democracia directa iria antecipar o probelema do islão que acabará por nos bater á porta,como já bateu noutras nações pois numa democracia eles podem votar e todos valem um voto e tal como os panões e pedofilos gozam tambem de todo o tipo de organizaçõs não governamentais a funcionar como lobbies.

Ah,e eles reproduzem se a uma media de 4.1 filhos por casal.

Por isso o tempo no jogo democrático joga a favor deles,pois se cada um vale um voto...

Eu digo que só um Estadista consegue por isto na ordem.

Tu dizes que não e que a alternativa é a democracia directa.

Muito bem,Diogo faz favor então de argumentar,sou todo ouvidos.

Nuno disse...

Obviamente que o Cravinho não foi lá para falar especificamente da Goldman Sachs como dizia o anónimo, foi lá falar do desemprego, a meio da conversa, e penso que sem ele contar a jornalista, a Ana Lourenço é que lhe faz a questão se será coincidencia ou não que gente ligada á Goldman Sachs agora esteja á frente dos destinos da Grécia e Itália.

Apesar de tentar passar uma certa naturalidade, o que é certo é que como quem não quer a coisa, também dá um valente descasque na Goldman Sachs, e este discurso não é comum nos políticos alinhados.

O Cravinho disse isto textualmente:

"A Goldman Sachs foi um pilar fundamental na desregulação do sistema financeiro."

Bem, isto é o assumir que a crise foi fabricada, nunca tinha ouvido um politico dizer algo parecido.

Cita também o Paulson, que foi secretário do tesouro do Bush entre 2006 e 2009, antes era o CEO da Goldman Sachs, a crise começou em 2008, por aqui se vê que é tudo manobras programadas. O Cravinho acusou este tipo de ser um dos principais responsáveis por esta crise mundial, o que inteiramente verdade, entre outras afirmações dignas de registo.

Vale a pena todos verem este vídeo, e isto devia ir para o you tube para abrir os olhos ao pessoal.

Anónimo disse...

"A Goldman Sachs foi um pilar fundamental na desregulação do sistema financeiro."

A Goldam Sachs foi o maior patrocinador da campanha do obama tambem ele maçom.

A Goldam sachs patrocina o partido democrata dos eua.

O partido democrata por sua vez controlado pela maçonaria sionista controla o partido socialista de portugal.

O sistema que permite essa captura chama se democracia.

Voltamos sempre ao mesmo....

Todos os caminhos vão dar ao mesmo.

VÍRUS=CORRUPÇÃO

TRANSPORTE DO VÍRUS=PARTIDOS POLITICOS

AUTOESTRADA QUE PERMITE OS VÍRUS SEREM TRANSPORTADOS=DEMOCRACIA

O VIRUS TEM AS MAIS VARIADAS FORMAS...

TEM TRANSPORTES VÁRIOS...

COMO IMPEDIR O VÍRUS DE PENETRAR NO CORPO(NAÇÃO)?????

FÁCIL....
DESTRUINDO A AUTOESTRADA O VÍRUS FICA SEM PODER CIRCULAR....

A AUTOESTRADA É A DEMOCRACIA.

DESTROIS A DEMOCRACIA E O VÍRUS NÃO TEM COMO PENETRAR A NAÇÃO(PORTUGAL).

DAÍ O VÍRUS PATROCINAR A DEMOCRACIA.

VOÇÊS ESTÃO A ENTRAR NO JOGO DELES,O CIRCO DEMOCRATICO DÁ VOS VARIAS NOVELAS,VARIOS CENARIOS.

OS PALHAÇOS(POLITICOS) ENTRETÊM VOS COM AS SUAS QUEZILAS,PARA QUANDO CHEGAM AO PODER,ORA ROUBO,ORA ROUBAS TU,ORA ROUBAMOS OS DOIS.

QUANDO O POVO PEGAR FOGO AO CIRCO A PALHAÇADA ACABA SE.

N disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
N disse...

Para o outro que fala do cravinho.

Foi a goldman sachs que roubou os fundos da milhares de milhoes da ue ou foi a classe politica dos ultimos 30 anos?

Foi a goldman sachs que destruiu o aparelho produtivo ou foi a classe politica?

Foi a goldman sachs que deu a golpada no bpn ou foi a classe politica?

Foi a goldman sachs que andou a saquear os cofres do estado ou foi a classe politica?

As parcerias publico privadas,autêntico antro de corrupão e saque foi a goldman sachs ou foi a classe politica?

As violações de menores da casa pia e depois a legislação que veio a ser feita na assembleia para safar os amigos pedofilos no processo o que veio a tornar Portugal um paraíso para pedofilos e um autêntico terror para crianças inocentes foi a goldman sachs ou foi a classe politica?

Quem financiou o poder do partido do cravinho?
Quem pagou a mercenarios politicos e milicias para nos roubar o ultramar?

Não foi dinheiro americano?...

Isto agora andam os cães a morder a mão ao dono com medo do que vem aí e todos andam a ver se sacodem a agua do capote.

Não tenhamos duvidas,porque á historia tem factos e os factos são como o algodão,não engana...

O partido a que o cravinho pertence tal como a loja maçonica do gol a que o cravinho tambem pertence são dos maiores responsaveis pela bancarrota de Portugal,pela alta traição nacional contra o País,contra os Portugueses do passado,os de hoje e os de amanha pois a divida é um fardo para as novas gerações.

A situação do País mais que fracasso politico é um caso de policia ou de justiça,mas como a policia só anda atras do mexilhão e a justiça idem,resta a justiça popular e os militares que são o ultimo bastião da Nação.

A culpa da situação actual é dos partidos politicos,os rostos são conhecidos,e tanto é ladrão o que rouba como o que fica á porta a vigiar,como tanto é traidor aquele que trai como aquele que dá cobertura ao traidor.

Os partidos politicos,pricipalmente o cds,psd e ps são os principais arguidos juntamente com os media que lhes deram e dão cobertura enganando assim tudo e todos para no meio da distracçao continuar o processamento do saque dos cofres do estado e todo o tipo de crimes de traição á Pátria.

Anónimo disse...

http://www.facebook.com/pages/Eu-defendo-os-Ex-Combatentes/125477710836088

Ler o texto e ver a demência da democracia,este mundo de plastico onde "celebridades" com comportamentos desviantes e cuja alma venderam há muito são "exemplos",e os herois nacionais são desprezados.

Anónimo disse...

"Isto agora andam os cães a morder a mão ao dono com medo do que vem aí e todos andam a ver se sacodem a agua do capote."

N,
Está tudo dito e vai piorar. Estes cá em Portugal são os mesmos que no 24 eram todos a favor do regime e no 25 de abril "continuaram" a favor do "novo" regime.
Acho que ainda se costumam chamar de grandesfilhosdaputa a este tipo de fauna ????

Zorze disse...

Realmente partilho a ideia que transmites no post. Ideia essa que é extremamente difícil de passar às pessoas.
Na cabeça das pessoas, existe o padrão formatado, ou que se é de direita, ou se é de esquerda e de quem não se "assume" é uma espécie de apátrida ideológico.
No fundo é como a religião, tem de se ser de alguma, senão é se considerado quase como bicho-do-mato.

Essa ideia que nasceu após a Revolução Francesa, onde uns sentaram-se à esquerda e outros à direita, a classificação dos termos esquerda e direita, ficaram a partir daí consignados para o futuro.

Acrescentado ao teu post, escrevia-se em 25 de Agosto de 1924 na "Revista do Banqueiro dos EUA", esta pérolazinha:
"...Dividindo os votantes através do sistema político partidário, podemos fazer com que percam a sua energia na luta por questões sem importância real. Assim, por meio de acções discretas podemos assegurar para nós o que tem sido tão bem planeado e executado com tanto sucesso...".

Abraço.

N disse...

"N,
Está tudo dito e vai piorar. Estes cá em Portugal são os mesmos que no 24 eram todos a favor do regime e no 25 de abril "continuaram" a favor do "novo" regime.
Acho que ainda se costumam chamar de grandesfilhosdaputa a este tipo de fauna ????"

A escória sem coluna vertical é sempre assim,em 24 eram todos fascistas,em 25 eram todos comunistas,e agora são todos democratas.

Eles vestem a capa que for preciso para poder ter direito á gamela.

Não têm ideais,coerência,a mais pequena mostra de coragem,verticalidade ou qualquer peso de consciência.

O que me preocupa aqui em Portugal particularmente é a forte hipnose que se encontram as pessoas,mesmo as mais intelectualmente capazes.

No caso de Galileu,imagino o que o homem sofreu por ser mais inteligente que os outros,mas apesar de tudo não era facil mostrar que a terra era redonda tal como é facil mostrar que a democracia não funciona.

Ele não podia dizer:"Então vai ali até ao fundo e vai ver se cais ou se dás a volta e vens ter aqui outra vez"

A situação actual é muito muito muito pior porque além de ser palpavel,verificavel com as mais variadas estatisticas,e as pessoas são incomparavelmente mais informadas.

Só que a doutrinação e lavagem cerebral da democracia fez das pessoas seguidoras desta ao estilo daqueles anormais da iurd.

Eu considero os mainstream media o maior inimigo da Europa das nações.

Os politicos são os vigários,mas quem hipnotiza as pessoas são os media.

Daí só um golpe militar e a ocupação dos canais estatais e mudança radical de programação,informação,doutrinação e esclarecimento pode libertar os Portugueses da hipnose.

Porque actualmente são ainda muito poucos os que estão despertos.

Isto deve se tambem não só aos factores que já referi anteriormente mas sobretudo ao coração mole dos Portugueses.

Os Portugueses são demasiados bons para que não mereçe,perdoam o imperdoavel e por isso são abusados constantemente por parte da canalha politica.

Isto tem uma explicação sociológica.

Foi o clero e respectiva lavagem cerebral massiva sobre a população e que ainda resta do regime salazarista,o clero que sempre foi braço armado dos exploradores e assim castrou as massas para estas não se rebeliarem.

Não é por acaso que a lavagem cerebral do clero incita a ajoelharem se constantemente,a fazerem filinhas ordeiras,a serem chamados de servos,e a implorar ajuda.

É toda uma formatação do homem para ser um escravo.

Não é por acaso que são chamados de rebanho,o proposito é mesmo esse,é serem o gado ingénuo e estupido á merçê das hienas(democratas).

Isto só vai ao sítio quando tivermos um lobo como estadista,que faça do povo todo uma alcateia gigante para que nunca mais este povo seja pisado e humilhado como está a ser.

Quanto ás hienas escusado será dizer o que lhes acontecerá...

Portugal precisa de uma 4 ª Republica militarizada,não democratica mas não opressora.

Portugal precisa de mais do que renascer o espirito lusitano antigo que nos fez grandes,precisa se transcender para algo maior do que alguma vez foi feito.

É possivel...

Quando os homens querem,a coisa faz se,até porque quem manda são as armas não é a retorica da canalha politica.

E o caos está aí á porta e veio para ficar...

Depois do caos,vem sempre uma ordem...

A ultima palavra será sempre das Forças Armadas Portuguesas.

Está a chegar um momento crucial da historia que ou Portugal morre ou Portugal renasce.

Não há meio termo.

Anónimo disse...

N e Diogo,
se calhar já conheciam isto:

http://nonas-nonas.blogspot.com/2008/09/pblico-judeus-um-povo-inventado.html

Anónimo disse...

http://www.truthnews.com.au/web/news/story/tsa_forces_woman_through_body_scanner_3_times_because_of_cute_figure

Já se sabia que os democratas com a tanga do terrorismo iam tirar o pouco que restava da dignidade e privacidade das pessoas.

Isto é apenas mais um exemplo de como a humanidade se deixa humilhar tal qual um animal num zoo ou um peixe num aquario.

Não há bem maior que a privacidade,e quem tem a vindo destruir são os democratas,não só pelo que andam a fazer,mas através de toda uma lavagem cerebral ás pessoas através de programas de redes sociais onde quem não as usa é visto como um "retrogada",programas do genero big brother,e uma cultura de "celebridade" onde quem não é famoso é porque não presta.

As pessoas foram manipuladas para abdicarem da sua privacidade voluntariamente,para quando lhes começassem a tirar involuntariamente a reacção fosse quase nula ou mesmo nula.

O objectivo final é simples:A escravidão global através dos chips.

Tudo feito pelo democratas,tudo feito em democracias,tudo propagandeado pelos media democráticos.

Isto é para alguns anjinhos que ainda não perceberam que a democracia é uma ditadura disfarçada.

Só que ao contrario de antigas ditaduras dos anos 30 onde se zelava pelos povos e nações,hoje a situação é mesmo a contraria,a ditadura tem como objectivo não salvaguardar o povo e correspondente nação a que ele pertence,mas sim acabar com os estados nações e escravizar toda a humanidade numa mescla igualitária de consumidores,sem raça,sem pátria,sem privacidade,um neo escravo sorridente com um ipod na mão,é esse o "novo homem" que a democracia quer formar.

Isto é claramente pior que um retrocesso civilizacional,pois nem nos tempos mais antigos as pessoas desciam de forma tão baixo voluntariamente abdicando da sua privacidade.

A democracia é um processo de involução civilizacional.

Anónimo disse...

http://vessas.blogspot.com/2012/02/passando-pelo-accao-integral-httpaccao.html#links

Anónimo disse...

“A verdade é chamada de - ódio - por aqueles que odeiam a verdade”

Anónimo disse...

“Se a falsidade reivindica a toda custo a palavra ‘verdade’ para a sua óptica, o verdadeiro de facto deverá ser encontrado sob os piores nomes”.
Nietzsche


SIED"

N disse...

“Ninguém é mais inferior que aquele que insiste em ser igual” - Friedrich Nietzsche

Esta acerta na mouche não concordas SIED?

Não há regime mais igualitário que a democracia...

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=N6f5896icZY&context=C367c94dADOEgsToPDskLJM7Zee57OmUEZ7_myFN_U

Diogo disse...

N e Sied,

Em paralelo com o debate sobre as virtualidades e defeitos da Democracia Directa, vocês têm de provar as virtualidades do «Estadista». Nos últimos 300 anos, não me lembro de nenhum que não tenha estado a soldo dos oligarcas e que não tenha mergulhado os respectivos povos no inferno…

César disse...

Caro Diogo, é indubitável que a agenda de divisão é a arma mais eficaz para se conquistar, é dividindo que se conquista. E isso não está apenas na nação estadunidense, mas no planeta inteiro!!!
Por conta disso, procurei a razão dessa agenda maldita, pois ela é regra desde a "catequização" judaica pelo ser maldito deus e pela "catequização" gentia feita pelo filhote de deus, cristo. Onde no caso judaico essa praga yawéh ensinou como ser verdadeiros demônios sádicos, egocêntricos, materialistas e covardes, e sobretudo que o REINO deles é na Terra! Para os gentios, sua cria ensinou a servidão, a cordeirisse, a imbecilidade, a pecaminosidade de se ter bens materiais, apanhar na cara e virar a face para apanhar mais, a covardia (essa é a qualidade básica do modus operandi deificado) e sobretudo que o REINO dos gentios é no CÉU!!!
Dai fica claro entender que só existem judeus por que existem gentios!! Um é o sádico e o outro masoquista, e não existem sádicos sem masoquistas, são faces da mesma maldita moeda e o melhor, mantem os povos com a atenção voltada para algo que não é a essência da agenda, a questão judaica a suas latrocionisidades! A causa de todo mal humano é pura e simplesmente o monoteismo e sua imundicie sublime, o tal imundo deus, jeová, aláh e seus misóginos avatares, budas, cristos, moises, e todos esses profetas do apocalipse.
Como pode a humanidade ter caido na esparrela de uma imundicie que diz que a mulher é maldita, mas até para fazer sua cria dileta, o tal cristo, precisou de uma mulher? Quem é esse deus que não consegue fazer filhote sozinho? Precisou de uma mulher e mesmo assim as vê como malditas por terem "tentado" a adão. Será que ninguém percebe que a pederastia vem dessa imundicie deificada??
Em nome do pai, do filho e do espirito santo, amém! Vai ser misógino assim no inferno, ou seja, todos os santificados são "omens", pois homem, mata deus e legitima sua Fêmea como a única verdadeira fonte de criação!!!

N disse...

Diogo ja te citei o hitler que conseguiu uma classe media fortéssima,acesso a todos na educação independentemente das posses monetárias,casas feitas com jardins particulares para grande parte da classe operária porque ele cria que a população tivesse contacto com a natureza,juros baixissimos para as pessoas poderem respirar,valorização do trabalho,meritocracia,apoios á natalidade,perseguiu os cancerosos paneleiros,travestis e traficantes de heroina que tavam a transformar a Alemanha numa sodoma e gomorra,a nivel artistico uma arquitectura lindissima,inovadora,onde a arte era mesmo arte,e não pseudo arte como hoje em dia que qualquer cagada é chamada de "arte".

Hitler não só deu qualidade de vida a nivel monetario ao povo,como uma boa sociedade a envolve lo,e deu lhes aquilo que não tem preço,que nenhum dinheiro compra...

Deu lhes sentido de vida...

Deu lhes um aventura cheia de nobreza,valentia,criatividade...

Deu lhes o que qualquer homem espiritualmente avançado e não democraticamente corrompido ambiciona...

VIVER ALGO VERDADEIRO...

Já pensaste nisso Diogo?

Que sentido faz viver uma vida de mentira,onde tudo é mentira,a politica,a informação,a justiça,a sociedade que te rodeia..?

Hitler deu lhes uma vida genuína,e nem duvides por um instante que tal só foi possivel porque o homem trabalhava 24 horas para o fazer,era metodico,perfeccionista,apaixonado e com uma pressão em cima que 99% dos homens ia se abaixo ou nem estava para isso.

A democracia é uma prisão para sub humanos,podem até argumentar que é uma prisão "bem porreira" porque tem uma variada louca de carroceis.

Mas uma prisão é uma prisão,e só aceita viver preso e ser feliz assim quem é escravo voluntario.

O pior dos escravos...

P.S.(Fora do contexto)

O César foi brilhante a desmacarar os credos totalitários semitas do deserto.

Já eu proprio tou farto de dizer,deuses semitas para gente semita,Deuses Arianos para gente Ariana.

cristianismo,judaísmo e islamismo não são religiões europeias,nem de origem geografica,nem de origem racial.

São autênticos cancros de lavagem cerebral para escravizar a nossa gente.

Podem competir entre eles,mas a disputa é a mesma,a nossa escravidão.

N disse...

Se não faz sentido uma Estátua de Jupiter ou de Odin por exemplo em terra semita,que sentido faz estátuas,igrejas e locais de culto de divindades semitas em terras Arianas?

Os Europeus é que foram castrados pela democracia e tudo toleram,e depois á pala disso fodem se...

Basta olhar para França que qualquer dia tem um minarete na torre eiffel,ou mesmo inglaterra que a situação é absolutamente dramática.

E tambe me faz muita confusão ver "nacionalistas" cristãos,que dizem á boca cheia que são racialistas e que rejeitam o igualitarismo.

Mas o cristianismo icentiva a imigração sub ariana em massa(pudera,aquilo é um negocio que lucra á pala dos ignorantes,e como no terceiro mundo a ignorância é maior, venham eles,e muitos porque cada um deles é um servo) e é do mais igualitária possivel("Todos os homens são iguais aos olhos de "deus").

Os homens não são todos iguais,e isso é uma falácia autêntica que tem como objectivo o nivelar tudo pela mediocridade,para assim anular qualquer dissidência dos mais capazes e estes romperam com a democracia e imporem um regime aristocrata e devolver a nobreza e liberdade aos povos e Nações.

E haver um Deus unico,com tantas raças e etnias diferentes,jamais iam ser todos iguais aos olhos dele,pois de certeza que ele teria uns preferidos.

Assim de repente,se o sinonimo de divino quer dizer força,beleza,caracter,nobreza,não vejo no mundo raça mais bonita que a raça Ariana,não vejo raça que mais constribuiu para a civilização do que a raça Ariana,por isso até mesmo por uma questão de lógica se houvesse alguma raça preferida do tal "Deus" era a raça Ariana.

Por isso nem aos olhos de Deus os homens são iguais.

Aliás,aos olhos de qualquer um que saiba verdadeiramente ver.

Agora,se há varios Deuses,mas que na realidade é "Deus" que tem varios pseudónimos,ou se há um Deus maior e outros Deuses para o ajudar na sua obra,ou se todos eles são os tais "seres superiores" que trouxeram a tecnologia e conhecimentos para os antigos sumerios,maias,egipcios e antes mesmo disso para Atlântida isso já diz respeito á crença de cada um e á capacidade de interpretar as coisas e á eventual capacidade de receber alguma especie de "sinal"...

Agora não tenhamos duvidas que cristianismo,judaísmo e islamismo não nos diz respeito.

Nenhum Celta,Nordico,Eslavo,Helénico que se preze vai adoptar uma dessas religiões semitas e passar a vergar se perante elas.

No paganismo os Deuses puxam por nós para nos elevarmos ao nivel deles e assim fazendo nos crescer espiritualmente,intelectualmente e fisicamente.

No monoteísmo de origem semita pedem para nos vergar e chamam nos de servos.

O paganismo Ariano faz de nós lobos.

O cristianismo,judaísmo e islamismo faz de nós servos.

Cesar disse...

Acrescento ao texto de N que não só da divinização de uma imundicie monodeus (entender em sua mais ampla acepção)a raça foi destruida, mas sobretudo pela demonização da Fêmea, fazendo-a se deitar com lixos (filhote de lixo, mais lixo ainda é), fazendo esquecer que a função fisiológica da Fêmea é escolher o mais apto e não o lixo endinheirado. A Fêmea tem três funções primevas: Escolher o mais apto, parir o mais apto e educar o mais apto. Da mesma forma o macho tem como funções primevas: Tornar-se o mais apto, e combater e vencer a todos para provar isso, e finalmente copular com quantas Fêmeas aparecerem, pois elas quererão o mais apto.
E isso não é conseguido nem com viagra, nem com afrodizíacos e muito menos com dinheiro, tal qualidade só se consegue com obstinação e têmpera.
Pelo lado da Fêmea, as qualidades sõ são conseguidas com sobretudo SELETIVIDADE, o que conflita naturalmente com retóricas judaicas kinseirianas e Hiteanas e sobretudo com imundicies midiática, onde glamouriza-se a mulher que se deita com "lixos da moda", com imundicies metrossexuais e "omens" vaidosos, que se depilam, que se perfumam, que são os "caras" de filmes "judohollywoodianos", "judocanneanos".
Mas o mais importante é que a imundicie deus misógino é alavancadora da pederastia e quando uma mulher se deita com um pederasta ela está condenando a raça, mesmo porque quem é pederasta entende ânus como órgão sexual e dessa forma entende o ato sexual é fecal, e dessa forma o que deve ser entendido como geração acaba por se tornar evacuação.
E graças a mídia judaica é politicamente incorreto entender um pederasta como um traidor da raça (o que é por excelência), um porco imundo que acha coerente chafurdar em excremento com o órgão que deveria ser respeitado, pois cabe a esse órgão penetrar na porta mágica feminina de criação de vida, e isso graças a deus, essa imundicie pederasta e misógina.
Observo que na Europa anmtes do virus judocristão, a divindade era essêncialmente feminina, era a adoração da sagrada Mãe Terra. E os excrementos judocatólicos fizeram questão de estuprar, destruir e sabotar a mulher.
Não é por acaso que a mulher na religião judaica é tida como imunda, ou seja, sangue de mulher saindo por seu genital é imundo, mas excremento besuntando o falo é sexo e absolutamente normal.
A luta é simples, ou os homens pegam as armas e defendem o principio feminino com a divindade, ou os omens com ânus largos, frouxos e poluidos (de polução e de poluição) conseguirão em algum momento transformar o ato de dar a luz em um ato de defecação ejaculada.
As miriades de consequencias da pederastia e seu deus pederasta é mais ampla do que a mais abjeto pesadelo.

Cesar disse...

Finalizo com uma proposta de mudança no texto muito bem concatenado de N:

O paganismo feminino (o respeito à nossa verdadeira divindade, femininnissima Terra) Ariano faz de nós Homens.

O cristianismo,judaísmo e islamismo faz de seres, pederastas.

N disse...

É muito raro ver aqui alguem com tal sabedoria e com essas visões...

É bom,é bom...

Só traz qualidade de discussão ao blog.

César no fundo o que ambos defendemos é eugenismo Ariano.

E isso deve ser feito a nivel individual através de nucleos de nacionalistas autonomos masculinos e femininos.

E a nivel governativo quando a merda da democracia for abaixo,tem que ser feito á escala nacional,e nem é por mera questão de bom gosto,bom senso ou como forma de potencializar o povo e consequentemente a Nação.

É mesmo mais que nunca uma questão de sobrevivência.

Baixa natalidade Ariana

Miscigenação de sub humanos Arianos.

Países emergentes com muito mais população que vários Países europeus juntos.

Isto está á vista de todos que vai dar merda da grossa,e uma lição antiga mas sempre eterna é que os que são mais tentam sempre aniquilar os que são menos.

Os Europeus estão se a por a jeito há muito tempo...

É a demência da democracia que retirou da mente e do espírito o mais elementar proposito de tudo num colectivo seja ele qual for,e ele é SOBREVIVÊNCIA.

N disse...

http://www.youtube.com/watch?v=UaTo3EzM8uw

A realidade que não mostra nos "media"

http://www.youtube.com/watch?v=UqEzsngSuYQ

Como a doença do politicamente correcto impede as pessoas de pensar de forma clara e por uma questão de quererem sentir se "integradas" dizem que 2+2=5,mesmo que no fundo saibam que 2+2=4,mas se todos dizem que 2+2=5,o "novo homem democrático" passa a dizer que 2+2=5.

Porque o "novo homem democrático" é na realidade um homem muito pequeno..

http://www.youtube.com/watch?v=qzPT4GFA2YY&feature=channel_video_title

Esta é a sua "formação"...

Quando devia ser esta que vem a seguir:

http://www.youtube.com/watch?v=_1BJmB0ZuXI&feature=channel_video_title

Que os judeus bem percebem e por isso (ainda) estão no topo da estrutura do poder no ocidente.

Porque o corrompimento democrático começa desde cedo:

http://www.youtube.com/watch?v=3tnPGJnOhDY&feature=channel_video_title

Icentivando a mediocridade e fazendo da mesma o "modelo"...

http://www.youtube.com/watch?v=NgSoEbC3UWU&feature=channel_video_title

Infiltrando nos mais diversos orgãos de poder e influência e subvertendo toda a civilização Ariana...

http://www.youtube.com/watch?v=rlIQ8lPO1Sg&feature=channel_video_title

Para assim destruir toda uma civilização Europeia...

Cesar disse...

Caro N, não defendo eugenia ariana, defendo reprodução coerente.
Entenda que aqui na américa de um modo geral os negros tem uma dentição espetacular e ela foi conseguida graças a "eugenização" feita pelos "donos" dos negros, que em sua esmagadora maioria eram judeus.
Entretanto essa mesma seleção tinha um objetivo bem nefasto, garantir os mais fortes e mansos, e o resultado disso foi a marginalização dos negros, que como toda e qualqer raça deve ser respeitada e eugenizada, mas não com propósitos tão nefastos.
Na europa é comum a aversão aos povos africanos, entretanto foram os europeus (sobretudo inglês, frances, hoandes, português e espanhol) com sua rapace cultura de perfil judaicocristão, que butinaram aquele continente que não foi dominado pela "força" europeia, mas sim pela política de divisão de forças. E essa maldita política tampouco é europeia, é judia por excelência, é a política da cisânia, onde os judeus entravam com o capital nas terras europeias, foi assim que portugal se tornou a nação dominante no sec 15 e a inglaterra no sec 17. Se observares, a migração do capital fez as ascenções e ocasos das nações europeias e a única que manteve a hegemonia é a inglesa e todas as outras monarquias judaicas.
Dessa forma, a eugenia sem dúivida é a solução, pois e a única forma de fortalecer os individuos, entretanto a mistura racial entre os melhores é fundamental para que as raças possam usufruir das qualidades intrinsecas das outras raças.
Para entender, o nipônico e o teutônico são por excelência os mais habeis em construir, mas ambos são medíocres em termos musicais (me perdoem os crentes em Bethovens, pois musica rebuscada não é prova de sofisticação, mas sim de prolixitude musical, vejo toda música como boa, mas de forma alguma vejo a musica europeia como algo melhor)e os negros são os mais ritmados e com inteligencia ritmocorporal, logo é interessante a miscigenação.
Os asiáticos são construtivos e obstinados e são qualidades fundamentais para qualquer raça.
Os caucasianos são mais "ensaladados" e dessa forma são mais polivalentes, mas não especialistas. Os ameríndios são os mais respeitadores do poder da Mãe Terra, os semitas são os mais obedientes, os camitas, os mais independentes, em toda e qualquer etnia existem valores e desvalores, até na judia!!!
O problema no meu entender é a famosa puxada de sardinha, onde um povo arroga ser melhor que outros, esquecendo as virtudes alheias, e isso é provocado pela maldita escolha do favorito!

A qualidade intrinseca do ser na utual conjuntura é a única salvação. Para ilustrar:
Conheço teutônicos que são mais imbecis do que tudo o que já vi, e todos sem excessão se acham o topo da cadeia evolutiva!! Eles sequer percebem que o maior pensador da humanidade não era germânico, era latino italiano, e outros igualmente brilhantes também não eram! O valor individual é o que conta no momento atual, e não a raça.

Nasci em uma latrina imoral e venal, latrina brasilis, mas de forma nenhuma configuro sequer 0,00001% do que são essa mixordia venal, aliás, sequer passo por alguma semelhança com parentes próximos, e isso inclui desde genitores até irmãos, que no meu entender são o mais puro lixo possível, me enojam de todas as formas, mas são o perfeito perfil dos nascidos em terras brasilis!! Dai concluo que as diferenças individuais é que contam no momento atual.

Todos os povos tem "viagras" e prostitutas e é evidente que o que destruiu a humanidade foram esses dois agentes, os afrodiziacos permitiram que frouxos reproduzissem (hoje em dia até médicos ajudam a espermatozoides mansos a perpetuarem seus genes fracos)e mulheres que aceitam deitar com lixo estão fadadas a parir lixos!!!

Cesar disse...

Um homem que se deita com uma prostituta por exemplo não é exemplo, ao contrário!!
E existe esse tipo de "omem" em todo canto!!
Como selecionar eugenicamente se as raças já estão deterioradas desde 3000 anos???

Temos que nós individualmente fazermos a diferença, e não achar que a questão racial é pertinente no momento atual.
Busco me tornar melhor a cada segundo, vivo como se fosse meu último momento na Terra e isso para mim é a única forma de tentar reverter o anatemático destino que se avizinha.
Não posso permitir que um filho meu nasça e não é por nao prestar, mas por saber que se chegamos a esse ponto é porque somos fracos há muito tempo!!
Não existe chance evolutiva para a raça humana no que tange a reprodução, agora a opção é individual, a reprodução foi a primeira proposta evolutiva e falhamos crassamente. Na atual conjuntura temos que aceitar que a raça como um todo, faliu!!!
Portanto, cabe a nós individualmente fazer a diferença.
Entendamos que somos mortais, mas que isso não quer dizer que temos que morrer de uma forma ou de outra, mas sim que como tudo não somos eternos, mas podemos viver pela eternidade que nosso impeto nos levar.
O desafio dos seres humanos na atual conjuntura não é tecnológico, é abstrato.
Pensemos que os dogmas nos dizem que vivemos tantos anos, mas que não há maneira de auferir idade de ninguém.
Imagine que eu posso estar vivo (não é o caso) há mais de 2 mil anos, e NINGUÉM poderá, ou pode auferir tal ilação, a não ser que tenha vivido tanto quanto eu!!!
Logo, pergunto, quem disse que temos que viver tantos anos, cara pálidas?
O fato de uma ciência claudicante dizer isso ou aquilo só depende de nós acreditarmos ou não.
dessa forma concluo que podemos viver a nossa eternidade desde que acreditemos nela e não nas esperiências legitimadas pela finitude e falta de criatividade dos dogmas.
Que em essência são religião.
Só não somos deuses de nós mesmos porque aceitamos uma deidade mesmo que negando-a.

Carlos disse...

Caro César
“... a função fisiológica da Fêmea é escolher o mais apto e não o lixo endinheirado.”
Seguindo a sua lógica do mais apto, o mais endinheirado é o mais apto. Porquê? Porque é o que à partida, oferece as melhores condições, materiais para a gestação e depois a para sobrevivência da prol. E como é endinheirado também pode oferecer as melhores condições para o desenvolvimento intelectual. Daí muitas mulheres os escolherem.

“A Fêmea tem três funções primevas: Escolher o mais apto, parir o mais apto e educar o mais apto.”
Escolher o mais apto.
Se retirarmos a componente cultural à mulher (ou ao ser humano no geral), até tem alguma razão. Os instintos impulsionam nesse sentido. Mas como isso não é possível, retirar todas as outras componentes ao ser humano, é uma visão extremamente redutora da mulher (do ser humano em geral).
Parir o mais apto e educar o mais apto.
Parte do pressuposto que se a mulher copular com o mais apto, automaticamente gerará o mais apto. É um tiro no escuro.

“Da mesma forma o macho tem como funções primevas: Tornar-se o mais apto, e combater e vencer a todos para provar isso, e finalmente copular com quantas Fêmeas aparecerem, pois elas quererão o mais apto.”
O que é o mais apto? O mais forte fisicamente? O mais forte intelectualmente? A conjugação, digamos 50/50?
Tornar-se o mais apto. É o que homens e mulheres fazem.
“... elas quererão o mais apto.”
É verdade. Mas, o que para uma mulher é o mais apto, sê-lo-á para outra?

“... e finalmente copular com quantas Fêmeas aparecerem, pois elas quererão o mais apto.”
Praticamente foi o que fez strauss khan; -Eu (strauss khan) um macho apto (eu um macho alfa...), é impossível que aquela fémea empregada de hotel, não se senta lisonjeada por ser possuída (estou a ser simpático) por mim... É uma linha de pensamento muito perigosa. Adoptada vezes sem conta, ao longo da história humana, sempre com maus resultados.

Depois de todas estas perguntas introdutórias, peço-lhe só, caso queira, que me responda a duas.
Em que factos baseia as suas conclusões?
Porque é que as conclusões têm de ser as que tirou?

O que tivemos ontem, o que temos hoje e o que teremos amanhã, é a governação pelos mais aptos. Podemos gostar, concordar ou não com as características dos mais aptos para governar, ou a governar, mas isso já é outra conversa.
Enquanto os mais aptos estão a governar (não me refiro aos políticos), os menos aptos estão aqui a opinar. É a vida.

N disse...

César no que diz respeito ao seus ultimos 2 comentários não concordo consigo na generalidade.

Acho que está a misturar alhos com bugalhos e a criar estereotipos infundamentados,como o exemplo que dá do que constroi melhor ou o mais obediente e etc...

Quanto á teoria de misturar tendo em vista "uma super raça" quando diz isto :

"Dessa forma, a eugenia sem dúivida é a solução, pois e a única forma de fortalecer os individuos, entretanto a mistura racial entre os melhores é fundamental para que as raças possam usufruir das qualidades intrinsecas das outras raças."

Isso é caminhar para a destruição racial das diferentes raças.

Só aceito miscigenação entre as diferentes etnias da raça Ariana,por exemplo, Homem Celta com mulher Eslava,ou vice versa,ou seja,apenas no campo Ariano.

Isso da "super raça" não deve ser ambicionado com mistura de difrentes raças,mas sim na selecção masculina e feminina dos mais puros a nivel racial da raça a que pertencem para que os filhos sejam de igual pureza e assim por diante.

O resto vem de processos de formação educativa para estimular o intelecto,formação fisica para estimular o fisico e espiritual para estimular a Alma.

Eugenismo não é apenas um processo genético,isso é apenas a base,quando nasce a semente,ela precisa ser regada e aí é que entram os processos que referi acima.

Há um ditado(em jeito de profecia) muito antigo,mas verídico, cujos maiores génios sempre referiram que é a sua convicção de que a primeira Nação que recorrer á Eugenia conquistará o mundo a longo prazo.

Agora é preciso ver que tudo o que eu falo é no campo geográfico da Europa.

O resto não me cabe a mim querer interferir.

Eu vejo uma Europa forte,com alguma metodologia inspirada do nazismo,mas ao invés de crer incorporar tudo no mesmo campo ideologíco,fisolosófico e simbolico a partir de uma Nação mais forte e alastrando para as outras,eu defendo uma Europa com um unico Exercito Ariano,mas politicamente e racialmente organizado de forma "tribal" seguindo a logica de etnias.

Os Germânicos com a suastica por baixo da Aguia,os Celtas com a Espiral Celta por debaixo da Aguia,os Gregos com o Raio de Zeus como simbolo debaixo da Aguia por exemplo,Os Eslavos com a suástica invertida por exemplo por debaixo da Aguia,Os Nordicos com o martelo de Thor ou outro qualquer simbolo de exclusividade etnica e por aí adiante seguindo essa lógica.

Mas todas as Etnias organizadas em Nacional Socialismo.

Aí tem que haver uma filosofia identica no que diz respeito a um projecto Europeu não democrático e eugenicista.

Essa é a "minha" Europa.

Anónimo disse...

Fodassse que raio de confusão aqui vai!!!

Ora assentem lá a cabeça com esta frase:
"As árvores tem tanta confiança na natureza que têm o descaramento de criar raízes!"

;-)
SIED"

Cesar disse...

Caro N, sem ufanismo "bairrista" acredito que na base sua proposta é pretinente, entretanto é sabido que a raiz etnica do ser humano é desconhecida e dessa forma acaba por tornar vaga a sua proposta, pois analisando de minha ótica, o ser humano é hibrido e foi "construido" com objetivos de talvez alimentação.
Realmente relendo meu texto, pequei por tentar explicar em poucas palavras coisas que teriam que ter sido esmiuçadas em no mínimo um livro de umas duzentas pag. com espaço um e corpo 12 e dessa forma pequei por não ter detalhado o tema. A generalização se dá de qualquer forma, pois os condicionamentos são atávicos. Mas deixemos isso para outra hora.
Com relação à eugenia e supremacias raciais, vamos aos fatos:
O ser humano tem um comportamento maldito de se matar, seja com álcool, comida, drogas em seu amplo espectro e até por uma busca visceral pelo risco, e esse comportamento é muito comum entre animais em situação final, todo animal em situação final busca se destruir totalmente com o objetivo de não permitir aos seus algozes o usufruir de existência, assim todo animal se destroi se em perigo irreversível.
Dessa forma, posso afirmar de forma inapelável que o ser humano está no ocaso de sua existência, seja qual raça for. Entenda que qualquer animal de porte semelhante ao homem elimina-o em combate com facilidade inigualável, e o argumento do intelécto é frágil pois 99% dos seres humanos sabem puxar um gatilho (mas isso um cachorro também sabe) mas nem 1% sabe construir a arma. Dai concluimos que a grande massa só resta "gozar com o pau" dos que sabem fazer e não só usar. Nessa ótica, todo povo é lixo, todo povo é parvo. Quantos que usam automoveis e sabem construi-los desde o processo de achar as matérias primas, passando por metodologias de fundição, até a construção efetiva do automóvel? Nem 0,0001%, daí não procede seu argumento, não podes se basear em meia duzia para legitimar bilhões!!!
Dessa forma a generalização tem que ser a regra.
NO mundo animal é regra a miscigenação seletiva. Por exemplo, a chance de um ariano vencer um nego em uma prova de fundo tende a zero, logo se os arianos tiverem "uma pitada" de negro é algo bem interessante, mas tem que ser o melhor ariano e o melhor negro!
Vi arianas "comerem meleca" em provas fisicas entre indios brasileiros, uma simples india dizimou o orgulho ariano, caucasiano e branquelo (lembre-se sou branco de terceira geração nas américas, não sou negro e nem indio) sem o menor esforço, e olha que as europeias eram as top em suas modalidades, desde triatlons, até boxe e outras modalidades. Da mesma forma as indias não teriam chance em uma prova onde teriam que usar calçados por exemplo, mas em termos de compleição fisica, elas passam por cima.

Entenda que os europeus devido ao frio são obrigados a ter uma dedicação à labuta muito mais intenso que um tropicalista, pois nos trópicos, tudo nasce sem esforço e as consequencias são óbvias, um perfil mais lúdico tropical e um perfil mais taciturno gelado.
A europa disseminou só coisas que não prestam pelo planeta a fora, não por conta de suas preferencias, mas por conta das politicas adotadas durante as eras. Cartago só não dominou a europa por conta da menor população. Os Unos mostraram que a coisa poderia ter ficado bem de "olhos puxados', e os mouros, árabes são os verdadeiros pais da cultura europeia, entendendo que a lógica ocidental é grega, mas a ciência é Árabe, mas as conjunturas facilitaram a coisa para a europa, mas isso porque o judeu estava na europa!!!

Cesar disse...

Agora chego aonde quero chegar:
Os judeus receberam uma ajuda externa, quando digo externa, digo de outra espécie, a tal imundicie que chama-se deus, esses seres transgenizaram o judeu inicialmente, e a razão no meu entender foi para dominar a raça humana, faze-la alimento em uma instância que não podemos compreender, pois essas imundicies não são humanos, logo não comem como nós, e muito menos vivem como nós.
Logo toda e qualquer analise da história humana que não passe pela questão alienígena no emu entender é parcial.
Não somos evoluções primatas, somos hibridizações de primatas com algo que foge completamente ao que podemos imaginar em nossos mais loucos pesadelos, e isso é provado em todas as culturas. São prometeus que nos aliciaram e isso graças à nossa cupidez e estupidez!!!

Ao sábio anônimo:
As árvores são as criaturas que garantem nossa vida em todas as instâncias e como tal merecem um pouco mais de respeito.
Nós tambem temos raizes (e não falo etnicas nem geograficas) só que nossa raiz nos permite locomoção mas nos mantem da mesma forma ancoradas na Terra Mater.
Se não podes compreender o que se debate, não opine, fica muito frívolo de sua parte.

Anónimo disse...

Não admira o que vai na cabeça deste césaralho, vive num sítio que é um esgoto a seu aberto e deve pensar que é um crisol...

SIED"

Carlos disse...

Caro Cesar
“Os judeus receberam uma ajuda externa, quando digo externa, digo de outra espécie, a tal imundicie que chama-se deus,...”
Está-se a referir aos Anunnaki (“Aqueles que desceram dos céus” sumérios, nefilin para ao judeus)?

Anónimo disse...

http://legio-victrix.blogspot.com/2012/02/involucao-do-homem-ao-longo-dos-ciclos.html

Ora façam la um esforço para ler que não perdem nada

Cesar disse...

Caro Carlos,
Acredito que a proposta de Sitchin se ajusta a agenda judaicocristamaometana, é uma agenda que legitima uma raça que aparece de forma periódica, isso é como a agenda da "volta do senhor" Isso é uma agenda falocrática de perfil patriarcal, e dessa forma é a legitimização do "temos que nos comportar ou seremos castigados quando o senhor chegar".
Essa É a agenda das elites que parasitam o mundo desde 3000 anos.
Anunakis são propostas que nos coloca como crias e não criaturas.
Eu pessoalmente não me curvo a ninguém e a nada, seja lá o que for, e dessa forma não aceito racinha espacial tirando onda de "dona" do mundo. Ao contrário, no meu entender, se tais seres existem devem ser extirpados da face da terra, caso apareçam. Vejo essas imundicies como os hibridos malditos que alegam ser descendentes das blood lines que desgraçam o mundo.
As elites gostam dessa agenda, é com ela que elas se garantem.
Entendamos que se os parasitas plutocratas existem e são os criadores das religiões, das cisões eles naturalmente são fracos em suas constituiçoes. Pois de outra forma não precisariam nos adestrar dentro de religiões, e nem nos dividir em facçoes distintas (é aí, onde discordo de N), essa proposta de filhote dileto só serve para legitimar meia duzia de picaretas.
Seja lá o que possa aparecer com nibirus, marduks ou seja lá o que, está sendo cuidadosamente ajustada para que nos curvemos a esses personagens, e mais, é basicamente tosca! Pensemos que ouro pode ser feito de diversas formas, é um metal que é feito inclusive com bombardeio em cima do chumbo, logo que ser superior é esse que precisa minerar ouro, isso é idiotia, e claramente esconde uma agenda muito mais macabra, no meu entender, uma agenda de "açougayros", tanto é que é uma agenda pederasta, os manda chuva são dois irmãos e filhos de um rei, isso é ajustadissimo com a agenda religiosa misógina.
Temos que exterminar essas imundicies se aparecerem, com a destruição dessas imundicies daremos um basta a dominação de povinhos que alegam ser os "fofos" de deuses pederastas.

Cesar disse...

Caro anônimo, essa proposta de cinco raças também se ajusta a agenda de dominação, serve perfeito para dizer que tem um favorito e um preterido. Isso é a essência da divisão, é dizer que teve idade de ouro, e idade de trevas, isso é maniqueista, isso é dividir para dominar, é a mesma lógica da politica de dois ou mais partidos.
Pense que da mesma forma que o partido do momento é a era kali iuga, o outro partido que "vencerá" as próximas eleições será outro maha iuga, é tudo a mesma coisa, é dividindo que se conquista.
É dizendo que teve uma época melhor que se faz sonhar com a "nova" proposta, e assim caminha a humanidade.
Não existe bem ou mal, não existe era boa ou era ruim, existe o desafio de existir, só isso, e nosso único verdadeiro papel é aceitar o répto e seguirmos até onde conseguimos.
Não existe nenhum melhor ou pior, a morte iguala tudo e todos (inclusive o universo) vamos morrer, logo estamos livres para evoluir e fazermos nossas vidas o mais loingas em nossa eternidade finita.

Como vemos, acabamos por debater aqui apenas o que interessa aos dominantes, o maniqueismo, e a crença de que existe algo melhor ou pior.
Isso é uma armadilha! Tal e qual o post original do Diogo sugeriu.