segunda-feira, junho 24, 2013

O Sócrates do lado di lá, o Sócrates do lado di cá, e a abjecta corrupção, tanto di lá como di cá






Miguel Sousa Tavares - Expresso 07/01/2006

«Todos vimos nas faustosas cerimónias de apresentação dos projectos da Ota e do TGV, [...] os empresários de obras públicas e os banqueiros que irão cobrar um terço dos custos em juros dos empréstimos. Vai chegar para todos e vai custar caro, muito caro, aos restantes portugueses. O grande dinheiro agradece e aproveita

«Lá dentro, no «inner circle» do poder - político, económico, financeiro, há grandes jogadas feitas na sombra, como nas salas reservadas dos casinos. Se olharmos com atenção, veremos que são mais ou menos os mesmos de sempre.»


***********************************


A razão do Sócrates do lado di lá


CartaCapital - O Campeonato Mundial de futebol de 2014 foi atribuído ao Brasil. Eis o que o antigo internacional brasileiro Sócrates afirmou sobre a futura Copa do Mundo de 2014 no Brasil:

Ao lado, o ex-internacional brasileiro Sócrates

"Pelo que eu conheço de quem está organizando esse evento, a Copa no Brasil será um carnaval de um mês, com muitos gastos e sem sobrar nada que se aproveite", disse o ex-jogador. "Não dá para acreditar em nada muito diferente disso."

"Agora que o compromisso foi assumido, a Copa terá de ser realizada, seja com o dinheiro de quem for, e muito provavelmente será do contribuinte. Pode ter certeza que essa Copa vai tomar muito dinheiro de todos."

Sócrates também é contra a construção de novos estádios para receber as partidas do Campeonato Mundial de Futebol. Isso porque, para o ex-jogador, as novas arenas só serviriam como "mausoléus".

"Para quê construir mais estádios se nem os que estão aí são bem administrados?", questiona Sócrates. "Para desperdiçar mais dinheiro, para ficarmos com mais elefantes brancos, para termos mais campos abandonados e sem uso? Não faz sentido."



***********************************


A corrupção do Sócrates do lado di cá


Público - 4 de Fevereiro de 2005

A 12 de Fevereiro de 2005 António José Seguro lembrou as responsabilidades de Sócrates na realização do Euro-2004: "Hoje, como no Euro-2004, houve um homem que lançou a semente, a semente de uma força que ninguém pode parar. Esse homem chama-se José Sócrates, futuro primeiro-ministro de Portugal", acentuou.


Contudo, depois de terminado o campeonato Europeu, a 21/05/2004, o Correio da Manhã avaliava o impacto do Euro 2004:

E o dinheiro investido neste espectáculo de grande escala também não teve grande retorno. Quase seis meses depois do Euro 2004, alguns estádios onde foram investidos milhões de euros para receber a prova estão «às moscas». Dos recintos do Euro2004, só os dos «três grandes» tiveram sucesso comercial.

Numa auditoria desenvolvida pelo Tribunal de Contas junto dos estádios de Guimarães, Braga, Leiria, Coimbra, Aveiro, Loulé e Faro, ficou claro que todos custaram mais do que o orçamentado, e que as autarquias se endividaram para os próximos 20 anos. As sete autarquias que receberam jogos do Euro 2004 contraíram empréstimos bancários no valor global de 290 milhões de euros para financiar obras relacionadas com o campeonato. Na sequência destes empréstimos, as câmaras terão que pagar juros no montante de 69,1 milhões de euros, nos próximos 20 anos, refere o relatório de auditoria do Tribunal de Contas.




O Estádio do Algarve, imagem de marca do Eng.º Sócrates, um mausoléu tão inútil como ruinoso, prenunciador das OTAS e dos TGVs em que o Primeiro Ministro português se mostrou tão fortemente empenhado. Como disse Miguel Sousa Tavares, vai custar caro, muito caro, aos portugueses, enquanto o grande dinheiro agradece e aproveita.

25 comentários:

Anónimo disse...

"Demitido do Governo pelas "swaps" regressa à Metro do Porto

RTP 24 Jun, 2013, 09:52 / atualizado em 24 Jun, 2013, 11:59

Paulo Braga Lino está de regresso à empresa Metro do Porto. O ex-secretário de Estado que deixou o Governo de Passos Coelho, por causa da sua ligação aos contratos de swap considerados tóxicos, está de volta à sua antiga empresa, onde foi readmitido em maio para ocupar o cargo de diretor administrativo e financeiro, embora nesta nova fase lhe tenham sido apenas entregues funções ligadas à área administrativa."

Anónimo disse...

http://www.theneworder.org/news/2013/06/sales-of-george-orwells-1984-up-6,000-after-nsa-surveillance-scandal/

Parece que os "malucos" da conspiração afinal estavam certos,e a história ainda vai no inicio.

Tenho a certeza que tal violação dos direitos humanos vai ser repreendida pela onu que vai dizer aos eua que se não respeitam a privacidade dos cidadãos e suas propriedades privadas não têm qualquer legitimidade para vir com o paleio dos direitos humanos contra os fascistas e NS e até mesmo na questão da Síria.

É uma questão de bom senso e da mais elementar lógica que tenho a certeza que a onu não deixará de referir,até mesmo para não perder a pouca credibilidade que já tem, correndo assim o risco de a farsa da democracia cair como um castelo de cartas.
Aposto que vão pagar tudo o que devem aos cidadãos,indemnizações previstas aliás, não só na lei nacional, mas na própria lei internacional.

Pedro Lopes disse...

É evidente que neste paraíso de corruptos, todo este tipo de obras é aproveitado para os amigalhaços do regime encherem a pança e os bolsos.

Mas eu não contra, por principio á realização deste tipo de eventos desportivos.
Mas não devem ser organizados em países pobres e em países onde a corrupção é sistemática.

É claro que podíamos ter feito apenas 6 estádios em vez de 10.

E o seu aproveitamento posterior é de facto de bradar aos céus. Há uns 5 ou 6 cujos os clubes já desapareceram ou foram para á segunda liga.
O inflacionamento dos custos é evidente que é para os larápios meterem mais ao bolso ás custas dos contribuintes. Acontece também nas outras obras, tipo pontes, estradas, museus, pavilhões etc.

E no caso dos estádios, claro que nenhum corrupto tem capacidade ou vontade de pensar além do que tem na conta bancária e no modelo do próximo carro topo de gama que vai comprar, portanto é normal que ninguém tenha pensado um estratégia de rentabilizar e dar mais uso aos estádios após o Euro 2004.

Pedro Lopes disse...

Diogo,
podes apagar um dos comentários anteriores(e este), pois submeti-o duas vezes sem querer.

Diogo disse...

Pedro Lopes,

Antes do Euro 2004 em Portugal, a Holanda (15 milhões de habitantes) e a Bélgica (10 milhões de habitantes) juntaram-se para fazer o Europeu 2000 e não construíram nenhum estádio. Lavaram simplesmente a cara aos estádios que já existiam.

Depois do Euro 2004 em Portugal, a Áustria (10 milhões de habitantes) e a Suíça (6 milhões de habitantes) juntaram-se para fazer o Europeu 2008 e não construíram nenhum estádio. Lavaram simplesmente a cara aos estádios que já existiam.

Será que isto não basta para meter todos os ladrões ligados a isto na prisão?

Mesmo que o Carlos Cruz estivesse inocente do Processo Casa Pia, o papel relevante que ele teve no Euro 2004 já era suficiente para ele apodrecer na prisão.

Anónimo disse...

Diogo o caso de a justiça não funcionar pode levantar um dia muitos problemas para muita gente mesmo.

Depende de 3 factores:

A capacidade de argumentação dos injustiçados.
Os podres que têm os seus alvos.
E uma que pode vir acontecer é a legitimidade para ninguém obedecer à lei,visto que isto não pode ser um estado de direito para uns e para outros não.

Faz falta um Koop Verlag Português para um entrevista bombástica...

Com o tempo aprendi que o homem mais perigoso é aquele que nada tem a perder.

E além desse de igual forma, o homem idealista.

Quando tens um idealista sem nada a perder,tens uma tempestade social.
Porque cada vez são mais...

E fico-me por aqui hoje...

Diogo disse...

Anónimo: «Com o tempo aprendi que o homem mais perigoso é aquele que nada tem a perder»

Exacto! Agora multiplicados pelos desempregados sem qualquer futuro…

menvp disse...

--->>> O contribuinte não pode andar constantemente a correr atrás do prejuízo: BPN, PPP's, etc, etc, etc.
!!!...DEMOCRACIA SEMI-DIRECTA...!!!
.
Dito de outra forma:
-> Não sejas cúmplice dos 'Políticos Carta Branca': os políticos que querem carta branca para continuar a estoirar milhões e milhões em endividamento...
-> Apoia os 'Políticos Disponíveis para serem Fiscalizados' pelo contribuinte: "O Direito ao Veto de quem paga".
.
.
.
---> É uma 'regra' da democracia:
- Um ministro das finanças que dê abébias a certos lobbys tem a vida facilitada... pelo contrário, um ministro das finanças que queira ser rigoroso, tem de enfrentar uma (constante) tempestade política.
---> Mesmo depois de já terem sido estoirados mais de 200 mil milhões em endividamento... os 'Políticos Carta Branca' querem estoirar mais: eles continuam a falar em mais e mais despesa... NÃO ENQUADRADA na riqueza produzida!?!?!
-> Mais, para os 'Políticos Carta Branca' já se vislumbra uma luz ao fim do túnel: "implosão da soberania, ou o caos" - federalismo...
.
.
---> Por um sistema menos permeável a lobbys, os 'Políticos Disponíveis para serem Fiscalizados' pelo contribuinte farão uma gestão transparente para/perante cidadãos atentos... leia-se, são necessários melhores mecanismos de controlo... um exemplo: "O Direito ao Veto de quem paga" (vulgo contribuinte): ver blog 'fim-da-cidadania-infantil'.
.
.
.
O CONTRIBUINTE TEM QUE SE DAR AO TRABALHO!!!
-> Leia-se: o contribuinte tem de ajudar no combate aos lobbys que se consideram os donos da democracia!

menvp disse...

Como alguém já disse: «Com o tempo aprendi que o homem mais perigoso é aquele que nada tem a perder»
Ora:
- Ficar à espera de um crescimento económico significativo... pode ser uma miragem sebastiânica.
- Um desemprego muito elevado... pode originar implosão social...
.
--->>> O governo deveria analisar os sectores aonde é possível gerar emprego por fraccionamento do trabalho. { ver blog «Concorrência a Sério» }
.
Com algum exagero, um anónimo disse:
«Querem acabar desemprego?
Aumentem a laboração (dia de trabalho para 12 horas), com 2 turnos de 6 horas, claro que haveria de haver uma diminuição de salário para alguns (pois haveria redução de horas), mas haveria trabalho para todos...»

.
.
.
ANEXO:
A regra dos «3 ordenados mínimos»
{para uma melhor rentabilização dos recursos humanos e financeiros da sociedade}
.
.
Uma situação aonde o Tribunal Constitucional, se calhar, também se deveria pronunciar:
- o desvio de recursos dos contribuintes... para... aonde não fazem falta!!!
[um exemplo: o contribuinte despende milhões e milhões em 'Cursos de Formação de Desempregados'... e depois... o contribuinte não tem acesso a determinados serviços... por... falta de profissionais!!!!!]
.
.
NOTA:
-> É escandaloso existir falta de médicos em 'n' serviços públicos de saúde!... De facto, oferecendo um salário de TRÊS ordenados mínimos... um serviço de saúde público não deveria ter problemas em contratar um médico.
{Uma nota: Deveria-se recorrer ao know-how cubano... para avaliar qual o número de profissionais de saúde que será necessário formar para cumprir esta «regra dos três dos ordenados mínimos»... leia-se: AVALIAR O NECESSÁRIO AUMENTO DA OFERTA... para a procura existente... }.
{Mais uma nota: não se pode ceder a determinados corporativismos... se os corporativistas se recusarem a formar pessoas... então, há que recorrer a formadores aonde eles existam: no (ou vindos do) estrangeiro (Cuba, República Checa, Republica Dominicana, etc)... leia-se: aonde existam formadores disponíveis para dar formação a estudantes: «não dês um peixe, ensina a pescar»}.
.
.
P.S.
Como é óbvio, a regra dos «3 ordenados mínimos» deve ser aplicada a outras profissões aonde existe oferta de serviço público.
-> Mais: a regra dos «3 ordenados mínimos» não é um tecto salarial (NOTA IMPORTANTE: os melhores poderão ganhar muito mais que isso)... mas sim... um indicador de que é necessário intensificar-se a formação profissional em determinadas áreas!
.
P.S.2.
É um escandaloso desbaratar de recursos humanos (e de dinheiro dos contribuintes): falta de profissionais em determinadas áreas (exemplo: médicos de família)... e por outro lado... «Há 64 mil licenciados no desemprego em Portugal».
Dito de outra maneira: a profissão de médico é, claramente, um sector aonde é possível gerar emprego.

Anónimo disse...

"Exacto! Agora multiplicados pelos desempregados sem qualquer futuro…"

A clarividência ideológica garantirá UNIDADE e não dividirá o movimento em ideologias estéreis do sistema.

O conhecimento da lei permitirá a legitimidade para acção directa.

A transcendência fará não só perder o medo como levar a actos heróicos.

O cenários está a formar-se.
Há quem faça de patriota e quem faça de traidor.
Há quem faça de justiceiro e quem faça de corrupto.

A "praxe" de qualquer mudança de regime são cabeças a rolar.
Ainda para mais estes regimes que são traidores e anti-nacionais.

Aqueles que andam há muito a pisar quem não devem vão sentir a ira dos Deuses.

Anónimo disse...

http://novoadamastor.blogspot.pt/2013/06/portugal-e-o-grupo-de-bilderberg.html

Anónimo disse...

"Défice aumenta para 10,6% no primeiro trimestre

Pedro Latoeiro
28/06/13 11:00


O défice público português aumentou no primeiro trimestre até 10,6% do PIB, revelou hoje o INE.

Esse valor compara com os 7,9% registados nos três primeiros meses do ano passado"

Este titanic democrático é bué giro...

Pedro Lopes disse...

""Défice aumenta para 10,6% no primeiro trimestre

Pedro Latoeiro
28/06/13 11:00


O défice público português aumentou no primeiro trimestre até 10,6% do PIB, revelou hoje o INE.

Esse valor compara com os 7,9% registados nos três primeiros meses do ano passado"

Este titanic democrático é bué giro.
"


Isto não se resolve com votos.
Resolve-se com explosivos.

Anónimo disse...

"A CIA espiou a União Europeia, revela a edição de domingo da revista alemã Der Spiegel, que cita documentos do ex-colaborador da Agência Central de Inteligência norte-americana Edward Snowden, acusado pelos EUA de espionagem.

De acordo com a revista, um documento da CIA de setembro de 2010, classificado como "extremamente confidencial", descreve como a secreta norte-americana espiava a representação diplomática da União Europeia (UE) em Washington: o método usado implicava não só o uso de microfones instalados no edifício, mas também o recurso à infiltração na rede informática, que lhe permitia ler correios eletrónicos e documentação interna.

A representação da UE nas Nações Unidas também foi espiada da mesma maneira, segundo os documentos da CIA, nos quais os europeus são designados explicitamente como "alvos a atacar". A revista adianta que, há mais de cinco anos, peritos em segurança da UE descobriram um sistema de escutas na rede telefónica e de Internet da sede do Conselho da União Europeia, em Bruxelas."

Esta democraCIA é bué porreira.

Pedro Lopes disse...

"A CIA espiou a União Europeia".

Anónimo, se fores analisar o que pensa uma boa maioria das pessoas, não ligam patavina a isto.
Há muitos até que acham bem, porque acham que os Americanos fazem isto para nos proteger do "Terrorismo".

Houve um palhaço da casa branca que tentou justificar inventando que os EUA conseguiram evitar 40 ataques terroristas com este tipo de espionagem nos últimos 5 anos.

Ora bem, sabendo nós que a politica anti-terrorismo é altamente aliada do poder instalado, seria de esperar que todos essas supostas tentativas de ataque terrorista fossem amplamente divulgavas nos mass média. Pois isso ajudaria a legitimar as politicas de invasão militar de países no MO e outras paragens.

Portanto é lógico assumir que se trata de uma mentira grosseira e gigantesca.

E já agora, ainda ontem veio um ex-alqueda dizer que quem lidera a frente al-nasura(braço da alqaeda) na Síria é um operacional da CIA.

Anónimo disse...

"segundo os documentos da CIA, nos quais os europeus são designados explicitamente como "alvos a atacar""

Se é assim que tratam os seus "aliados" e poderosos...
Imaginem dissidentes(patriotas e homens de honra).

O que eles fazem não é surpresa nenhuma,mas é altamente relevante da farsa da dita "liberdade democrática".

Afinal,porquê confiar em quem trai o seu próprio país e o seu próprio povo?

Isto vale para a cia como para os políticos democráticos aqui em Portugal,que em boa verdade a grande maioria são empregados(mercenários) da cia.

Pedro Lopes disse...

A Razão está 100% do nosso lado.
Viram aquela noticia dos Banqueiros Irlandeses a gozarem com o "Bailout" que receberam do governo?

Então estamos a ser extremistas por pedir que alguém lhes corte a cabeça?

É inimaginável os milhões ou biliões de pessoas que perderam a vida ás custas de manter as mordomias e o controlo da economia dos Banksters.

Pedro Lopes disse...

Grande senhor, este sim um grande democrata, preocupado. Grande humanista:

http://sol.sapo.pt/inicio/Politica/Interior.aspx?content_id=78762

Não me apetece muito divagar sobre este cão maçónico, apenas me apetecia chegar ao pá dele e esmurrá-lo até não poder mais.

Anónimo disse...

Ele está é preocupado é com o seu coiro,porque o regime é tal "castelo de cartas" que basta o lobo "mau" soprar forte e lá ficam os porquinhos todos sem telhados e paredes..

A justiça divina está a chegar...

Anónimo disse...

FOLHA SALARIAL DA FUNDAÇÃO CIDADE DE GUIMARÃES
A Fundação Cidade de Guimarães, criada para promover e gerir a Capital da Cultura 2012 — envolta em polémica desde o seu início e que levou à saída da ex-presidente Cristina A zevedo —, não foi de poupanças e recrutou uma série de gente bem conhecida, a maioria reformada, e atribuiu-lhes bons ordenados para que possam promover a cidade de Guimarães.
A folha salarial dos administradores e de outros figurões da Fundação Cidade de Guimarães, da responsabilidade da Câmara Municipal, é elucidativa da forma como se delapida dinheiro público distribuindo-o pelos amigos.

Folha salarial do Conselho de Administração:

— Jorge Sampaio, presidente do Conselho de Administração 14.300 euros mensais, carro, telemóvel e 500 euros por reunião.

Anónimo disse...

http://pt.wikipedia.org/wiki/Categoria:Judeus_de_Portugal

N disse...

E não estão todos aí.

A lista judia basicamente são os políticos ladrões,corruptos,traidores e pedófilos.

Os banqueiros especuladores,corruptos,parasitas idem.

Jornalistas terroristas idem.

Todos eles conspiram contra os Lusitanos e Lusitanas num racismo etnocêntrico em que eles se acham os "escolhidos" de jeová e a nós compete-nos ser seus escravos.

É isto a 3ª República.
Portugal ocupado sob uma ditadura anti-nacional de nome democracia.

N disse...

"E já agora, ainda ontem veio um ex-alqueda dizer que quem lidera a frente al-nasura(braço da alqaeda) na Síria é um operacional da CIA."

O obongo arma radicais muculmanos ao mesmo tempo que tenta desarmar americanos saxões dentro dos eua.

Ainda há dúvidas de que lado ele está?

O obongo está fazer um genocídio racial Ariano dentro dos eua, está a criar dívida descomunal e inflacção descontrolada,para quando der o estouro e a confusão se instalar nas ruas os seus "manos" armados até aos dentes poderem violar e roubar os cidadãos Arianos dos eua,e depois na fase final quando a confusão ser total aplica um total estado policial(que já não está muito longe).

O obongo é um gajo muito perigoso para o ocidente e não só,lembro que os estados unidos a caminharem para uma substituição populacional serão os não-arianos que vão pôr as mãos em todo o arsenal bélico.

Não consigo perceber porque é que os Arianos americanos,nomeadamente nas Forças Armadas, não fazem um golpe militar interno,é que a questão já ultrapassa a ideologia,é mesmo de sobrevivência.

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=CLalDjN39os

http://www.youtube.com/watch?v=aqsxJ9GjlQo

Anónimo disse...

"O Estado não valoriza o capital humano, apenas se preocupa com o capital financeiro", disse à Lusa Armando Pires, professor na Norwegian School of Economics, onde vive há seis anos.

Pires considera que a visão "neoliberal" do governo português baseia-se no pensamento "errado" de que se a gente "vai embora, desce o desemprego e a economia cresce".

Segundo o Tribunal de Contas, num relatório feito a pedido do Parlamento, entre a primária e o ensino secundário, um estudante representa um custo de 46.688,28 euros para o Estado, a que acrescem, em muitos casos, despesas referentes ao ensino superior e a bolsas.

Já os países que acolhem os estudantes portugueses, apesar de não terem investido na sua educação, beneficiam dos seus conhecimentos e, se os jovens não regressarem, Portugal não ganha a experiência que eles adquiriram fora.

A fuga de cérebros constitui um fenómeno que se está a reproduzir num país onde a taxa de emigração qualificada é de 20%, segundo dados da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico, a maior da União Europeia, e o desemprego jovem já atinge 42,5%, segundo os últimos dados do Eurostat."

http://omsilanoican.blogspot.pt/2013/04/danos-democraticosactualizacao.html

"Só os homens mais sábios têm razão antes do tempo, e são estes que devem governar se o povo quiser sobreviver".
Platão