terça-feira, dezembro 03, 2013

José Pedro Aguiar-Branco, um homem cuja dimensão moral, humana e ética só fica (abissalmente) abaixo da sua estatura física...



Aguiar-Branco, ministro da Defesa, em revista a uma parada militar


O secretário-geral da CGTP exigiu que seja feito um inquérito à subconcessão dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC) ao grupo Martifer, por suspeita de favorecimento ao setor privado com este negócio.

Todo o processo é obscuro: a empresa que obteve a concessão [Martifer] tem um passivo maior que os estaleiros; o mesmo Estado que vai pagar 30,1 milhões aos trabalhadores despedidos não tinha três milhões para começar a construir navios já encomendados.

De janeiro a setembro, os resultados líquidos consolidados apresentados pela Martifer ascendem a 48,7 milhões de euros negativos, o que corresponde a um agravamento de 47,7% face aos prejuízos de 33 milhões registados em igual período de 2012.

A Mota-Engil, cujo presidente é Jorge Coelho, é detentora de uma participação de 37,5% na Martifer. E é sabido que a probidade da Mota-Engil e de Jorge Coelho é inquestionável.

A eurodeputada Ana Gomes levantou suspeitas sobre negócios do escritório de advogados do ministro Aguiar-Branco com a Martifer, grupo que ganhou a subconcessão dos Estaleiros de Viana.

O eurodeputado comunista João Ferreira classificou hoje como "mentiroso" o argumento das ajudas públicas invocado para encerrar os estaleiros de Viana, aludindo a uma resposta da Comissão Europeia que diz ainda não ter decidido sobre o assunto. "Aquilo que constatamos é que o argumento invocado para o encerramento é um argumento mentiroso, como já foram os anteriores", afirmou João Ferreira,

Na entrega dos estaleiros de Viana à empresa Martifer, o Estado vai gastar 30,1 milhões de euros para pagar as indemnizações por despedimento dos atuais 609 trabalhadores. Ora, recordou Arménio Carlos, em 2012 o mesmo governo não teve três milhões de euros para comprar a matéria-prima necessária para o início da construção de dois navios asfalteiros encomendados pela Venezuela.

"Há aqui qualquer coisa que não bate certo. Por um lado há um prejuízo do interesse público com o encerramento dos ENVC, é o governo que é o responsável, e depois o favorecimento ao setor privado, com este negócio", acusou Arménio Carlos.

Por outro lado, a Martifer tem um passivo de 370 milhões de euros, que é superior ao dos estaleiros, que rondará em 2013 os 300 milhões de euros.

"Se isto não é caso para justificar um inquérito e acima de tudo a paragem deste processo, de forma a impedir o encerramento dos ENVC, então o que será necessário fazer mais para que a Democracia funcione", observou o secretário-geral da CGTP.

A comissão de trabalhadores e a Câmara de Viana do Castelo assumiram nas últimas horas posições idênticas, reclamando uma investigação, pelo Ministério Público, a este processo.



Striking down on the minister meathead

Despedir 609 pessoas e oferecer mais uma empresa pública viável a privados. Mais uma sticada fatal no País e nos portugueses...

8 comentários:

Carlos Marques disse...

Um comando de jívaros (tribo sul-americana) cortou e encolheu a cabeça de Aguiar-Branco. Sabia que estas cabeças serviam para proteger a tribo dos seus inimigos mas nunca imaginei que dessem para jogar golf…

Diogo disse...

Carlos: «nunca imaginei que dessem para jogar golf…»


Golfe, Pólo, Squash, Ténis, Futebol, Bilhar, Basebol, etc. Cabeças como as de Aguiar-Branco, são ideais para serem batidas ou pontapeadas em inúmeros desportos.

Presidente da República disse...

Haverá buraco onde caiba a cabeça perversa de Aguiar Branco?

antonio dossem disse...

O sr. Ministro é Branco. O negócio dos ENVC é escuro, para não dizer preto. Branco e Preto dão Cinzento, côr que é, no mínimo, a deste negócio de que se está a preparar a finalização. E não haverá Órgão do Estado que averigue, investigue, esmiúçe todo este estranho e bizarro romance de terror e suspense?

Anónimo disse...

ahahah.. a única besta aqui é o autor deste arrazoado de tolices!!!
alto lá, que favorecer o "sector privado (fonte de toda a riqueza) é um crime de lesa-majestade!...
olhe lá o seu tolo, se a bodega da empresa só este ano já vai em 50 milhões de prejuizo (palavras suas), acha que é mau negócio gastar 30 e acabar com aquela porcaria???
sabe qual é seu problema: você não pensa, não passa de um súcia-eco...a repetir as tolices que ouve...

Anónimo disse...

já sei que vais eliminar... mas não faz mal porque eu não quero publicidade... e como vais ter que ler... é como se levasses um estoiro nas fuças seu palerma...

Anónimo disse...

De acordo com imprensa da altura, Jorge Coelho deixou de ser presidente da Mota-Engil no dia 7 de janeiro de 2013.

oscar Oscar disse...

Tenho boas notícias para tosquiar com você todo, você sabe que há um cartão chamado de um cartão Multibanco em branco? Meus amigos este cartão é real e é muito útil em pagar e comprar coisas online. E este cartão pode retirar até US $ 3000 por dia, eu nunca acreditei que isso vai funcionar, quando me deparei com o meu amigo usar este cartão usando este cartão para fazer compras on-line, mas eu também assumiu o risco e aplicado para um do cartão e pago ele, e ele foi enviado para mim ao lado com as informações sobre como usá-lo. E desde que eu tenho o cartão foi me ajudando com os meus problemas finanical e sou capaz de cuidar dos meus dois filhos. Este cartão é real e é muito fácil de usar e acessível. Se precisar de ajuda na obtenção de um destes cartões, contacte: wandyhackersworld88@gmail.com