domingo, março 27, 2005

Comunicado do Dr. Santana



Santana Lopes decidiu, após muita ponderação (e ainda o acusam de impulsivo, errático, falta de sentido de estado e sabe-se lá mais o quê...), regressar à Câmara de Lisboa.
Eis o comunicado que dirigiu aos eleitores, com comentários nossos, a anunciar o seu regresso:

2005-03-15
Comunicado aos Lisboetas


«Ao reassumir funções de Presidente da Câmara Municipal de Lisboa quero saudar calorosamente todos os Lisboetas.»

Sempre notável a forma apaixonada como abraça a causa pública.
Onde se lê “lisboetas” deve ler-se “eleitores”.

«Como é público, suspendi o mandato autárquico em Julho último por ter sido chamado ao exercício do cargo de Primeiro-Ministro num momento particularmente difícil.»

Ou seja, “Eu gosto é das autarquias mas lá tive de ir tapar as trapalhadas do Durão”.

«Regresso à Presidência da Câmara Municipal de Lisboa para cumprir um dever que muito me honra. Faço-o com gosto, quando, como sempre, surgiram outros desafios na minha vida profissional. Quero, por isso, deixar claro que dou todo o meu trabalho até ao final do mandato sem procurar vantagens materiais.»

Tem tido uma vida profissional riquíssima embora desde há uns vinte e tal anos a esta parte a tenha posto de lado para poder aparecer na televisão.
Ah Santana andas sempre a trabalhar à borla! Por isso é que nunca hás-de ser um bom partido...a continuares assim ainda te vais sentar no colinho do outro...

«Na ponderação que fiz, tendo terminado a missão que fui chamado a desempenhar, nenhuma razão superior existia que justificasse a renúncia a este mandato que, para todos, representa uma viragem na condução dos destinos de Lisboa. Sempre disse, mesmo quando exerci funções de Primeiro-Ministro que não há trabalho mais bonito em política do que o trabalho autárquico.»

Foi sem dúvida uma viragem! Antes a cidade até estava relativamente bem.
Quando se leva um pontapé no cu como levaste, até passar uma esfregona num vãozinho de escada te ficaria bem...

«Regresso a sete meses das Eleições Autárquicas mas o dever não se mede em função do tempo que falta para terminar um mandato. Estou aqui para cumprir o programa que os Lisboetas sufragaram a 16 de Dezembro de 2001. Também em 1991, o Dr. Jorge Sampaio regressou à Presidência da Câmara Municipal de Lisboa depois de ter suspendido o mandato para disputar Eleições Legislativas com um resultado semelhante.»

Pois não mede, para quem não tem onde cair morto nem que faltassem duas semanas...e olha que ainda vais a tempo de construir outro Parque Mayer, outro Túnel e de mudar pela centésima vez o local da futura Feira Popular...

«É devida uma palavra de louvor e de agradecimento ao Professor Doutor António Pedro Carmona Rodrigues pela forma tão dedicada e competente como, nos últimos sete meses, conduziu os destinos da Cidade correspondendo ao desafio que juntos aceitámos em 2001.»

Sim, o Professor Doutor merece o agradecimento por ter tentado disfarçar as azelhices do menino...

«Voltamos a trabalhar em conjunto. Do mesmo modo, continuo a contar com uma equipa excepcional para levar este trabalho até ao final do mandato e cumprir o programa com o empenho e colaboração de todos os Lisboetas para que, juntos, façamos de Lisboa uma Cidade cada vez melhor.»

Ó Santana o Programa está praticamente cumprido...só faltava isso das casas para os jovens, mas como outro dia foste a uma discoteca anunciar que até 2012 eles vão poder continuar a alugar quartos na Reboleira, a malta já está toda descansada.

Todos juntos vais ver que não vai custar nada levares outra “biqueirada” no cu!

PEDRO SANTANA LOPES
Presidente da Câmara Municipal de Lisboa

Paços do Concelho, 15 de Março de 2005


Bem hajas apóstolo predilecto de Francisco Sá Carneiro!

3 comentários:

Anónimo disse...

What a great site »

Anónimo disse...

What a great site video editing schools

Anónimo disse...

Best regards from NY! » » »