quarta-feira, fevereiro 21, 2007

Bush derrubou as Torres, diz a verdade, cabrão!

Três dos mais célebres compositores de Rap norte-americanos, Mos Def, Immortal Technique e Eminem, compuseram uma música que denuncia a impostura do 11 de Setembro: «Tell the Truth, Nigga!» («diz a verdade, cabrão»).



Bin Laden didn’t blow up the projects
It was you, nigga
Tell the truth, nigga
(Bush knocked down the towers)
Tell the truth, nigga
(Bush knocked down the towers)
Tell the truth, nigga

Bin Laden não explodiu as Torres
Foste tu, cabrão
Diz a verdade, cabrão
(Bush derrubou as Torres)
Diz a verdade, cabrão
(Bush derrubou as Torres)
Diz a verdade, cabrão

59 comentários:

augustoM disse...

Coitada da mulher que não tem culpa nenhuma, ou terá?
Um abraço. Augusto

Macillum disse...

Parece que estes rapper's do hip-hop sofrem da mesma alucinacao que eu quando dizem que tudo esta a ser feito sob a egide do selo maconico (compasso cruzado com esquadro de pedreiro)...
que alivio...
ja nao sou o unico louco a dizer que o plano da Nova Ordem Mundial 'e um plano maconico...
isto 'e obvio, uma vez que os simbolos da maconaria internacional sao parte integrante do Selo Oficial de Portugal, do Selo Oficial de Espanha, do Selo Oficial dos E.U.A., do logotipo da O.N.U., do logotipo do F.M.I., etc... e ainda ha quem negue esta evidencia...
por incrivel que possa parecer (o que me confundiu as ideias um bocado sobre a verdadeira historia de Cuba) foi descobrir que as moedas cunhadas no regime de Fidel Castro estao apinhadas de simbologia maconica antiga e moderna... confesso que, neste caso, fiquei sem saber o que pensar e bastante confundido... sera que todos os governantes - mesmo parecendo estar em posicoes opostas e ate inimigas - actuam em sintonia uns com os outros para um mesmo fim de interesse comum, ou seja, a formacao de uma Nova Ordem Mundial?!
Talvez o Fidel Castro passasse o seu tempinho em Bohemian Grove... quem sabe?

doomer disse...

It was you nigga
Tell the TRUTH nigga

Os Ministry tambem abordam o tema (numa perspectiva metálica :)

http://www.youtube.com/watch?v=QTC8pqso4PI

Lies Lies Lies.

Lidador disse...

Sofocleto, a qualidade dos seus "argumentos" está em queda livre.

Não consegue melhor ilustração para as suas crenças paranóides do que líricas primárias excretadas directamente pelo entulho?

Francamente!

P.S. Já agora, "nigga" não é bem "cabrão".... seja mais rigoroso na sua argumentação, por favor.

E já que resolveu mudar os seus argumentos para o nível escumalha, gostaria de ouvir a sua autorizada opinião sobre esta lírica:


"So you wanna die, commit suicide
Dial 1-800-Cyanide line
Far as life, yo it ain't worth it
Put a rope around your neck and jerk it
The trick didn't work
Your life was fucked up from the first day of birth
After watching Jackie Gleason walk into a precinct
Gun down the captain for no fucking reason
And get some LSD or a drink from the bar
Get behind your wheel and crash the car
Like Desert Storm, got bombs for the war
confront an alligator, let it eat ya raw
Back to the function, riding the caboose to hell
BZZZZZT touched the third rail.
You fucked up chicken, now you just got fried
Cause it's a suicide"

Faz inveja ao Camões, hem?

Diogo disse...

Lidador,

“nigga” – “niger” – negro é um termo que quando utilizado entre a população negra (um negro referindo-se a outro negro), pode ser traduzido por “pá”.

Quando o termo é utilizado por um branco referindo-se a um negro ou um negro referindo-se a um branco, ganha uma conotação pejorativa e pode muito bem ser traduzido por “cabrão”.

Quanto à escumalha de que você fala, está bem exposta no vídeo.

Lidador disse...

"pode muito bem ser traduzido por “cabrão”."

De facto com essa sua latitude interpretativa, pode ser traduzido da maneira que se quiser.

Nesse seu mundo maravilhoso, as palavras podem ter o significado que convier.

Não sei se já ouviu falar da novilíngua...temo que não...quem se delicia com a leitura de litreiratura ejaculada pela fina flor do entulho e nela encontra a "Verdade Revelada", nunca deve ter estado a menos de um parsec de Eric Blair.

Mas faz-me uma certa pena vê-lo deslizar de forma tão ostensiva em direcção à lama.

Paula e Rui Lima disse...

Olá!

Se gostas de cinema vem visitar-nos em

www.paixoesedesejos.blogspot.com

todos os dias falamos de um filme diferente

Paula e Rui Lima

xatoo disse...

Lidador:
Citar George Orwell é uma xico-espertice, que vinda de um gajo como vc, pretende fazer dos outros saloios. Já estão fartos de lhe dizer que a critica de Eric Blair (ou sob o pseudonimo G. Orwell)provinha de um quadrante politico situado à esquerda dos comunistas ortodoxos. Portanto, não venha prá`qui com parvoices armado em xico-"erudito" e cite lá os seus autores (motherfuckers, em linguagem rap, eheheeheh) da sua área de ruminação ideológica (a propósito, quem serão eles? - esclareça-nos)

O-Lidador disse...

Caro xatoo, Blair, era um homem inteligente, e por isso o seu pensamento evoluiu desde a sua primária e imatura militância comunista.
As suas obras mais visionárias foram escritas no último período da sua vida.

Por exemplo em 1945 escreveu um ensaio sobre o anti-semitismo onde até parece que o estava a ver a si..bem, a si não, mas ao tipo de pessoas de que o meu amigo é o cromo.
Escrevia ele nesse ensaio que o anti-semitismo estava a crescer e que era irracional e não susceptível de vacilar perante argumentos, pelo que a única aproximação razoável ao problema era a psicologia

Aliás no "1984", ele apresenta o Partido a alimentar as paixões anti-semitas. O nome do próprio bode expiatório de serviço ao Big Brother chamava-se Goldstein.

De resto, o xatoo pode não acreditar (faltam-lhe a flexibilidade intelectual de Eric Blair), mas o nosso escritor chegou a elogiar Hayek pela sua tese contra o colectivismo, expressa no "O Caminho da Servidão".

E esta, hem?

a.castro disse...

Tratando-se de três dos mais célebres compositores norte-americanos, claro que o Nigga não pode ingnorar! Boa!... Só que o Nigga nunca pode dizer a verdade... ou terá mesmo que se confessar mais cedo ou mais tarde?...
Abraço.

Diogo disse...

Lidador said...«"pode muito bem ser traduzido por “cabrão”.De facto com essa sua latitude interpretativa, pode ser traduzido da maneira que se quiser.»

Nigga - (ethnic slur) offensive name for a Black person; "only a Black can call another Black a nigga".

Portanto «nigga» é um nome ofensivo. Na tradução optei por cabrão mas existiam muitas outras possibilidades, dada a riqueza da nossa língua. Você optaria talvez pelo filho da puta. Também não ficaria mal.

emepê disse...

Ai lidador, lidador, sempre raciocínios planos! Porque fala do que não sabe?

Orwell foi um idealista generoso e um grande escritor, mas cheio de contradições, a que os ingleses chamam ‘Orwell’s dirty secrets’, que pelos vistos lhe escapam nessas suas sempre estafadas referências.

- Orwell nunca foi comunista, nem na juventude
- Orwell nunca foi colectivista, por motivos óbvios, era anticomunista
- Orwell era anti-sionista, o que lhe causou alguns dissabores. Referia-se aos sionistas como "um gang de judeus com controlo sobre a imprensa britânica", entre outros mimos
- Orwell tem na sua obra referências muito desprimorosas aos judeus, que lhe valeram ameaças de procedimento legal

http://www.george-orwell.org/Down_and_Out_in_Paris_and_London/5.html

- Orwell tem, para o fim da vida, cartas e outros escritos abertamente anti-semitas.
No entanto, é o mesmo homem que escreveu esse ensaio, no intervalo entre duas fases que o contrariam.

luikki disse...

o que é importante, com ou sem lidadores, é que a verdade já esteja a vir para a rua.

Lidador disse...

Caro MP, não se irrite. É livre de acreditar naquilo que entender e até de expressar essas crenças por mais idiotas que sejam.
A asneira é livre para si, porque vive numa sociedade que é exactamente a oposta daquelas que Blair atacava, ou seja, as sociedades totalitárias e concentracionárias, as tais que eu próprio classifico como equivalentes: comunismo, socialismo nacional e internacional e fascismo.

O emepe, pelo contrário, ocupa-se em dar lustro a tais abortos e procurar a integrãção naqueles a que Blair se referia, quando falava da abordagem psicológica.

A propósito, porque é que é "anti-sionista"?

xatoo disse...

pois , "emepê"
mas acontece que os básicos, ao não fazer a distinção entre anti-Semitismo e Anti-Sionismo, embrulham-se numa retórica completamente oca e a despropósito.
Como eu sou mauzinho, (eheheheh) vou mandar o “liderador” (que nem a própria cuca lidera) ler o que disse sobre o assunto a douta Isabel do Carmo
http://xatoo.blogspot.com/2006/09/isabel-do-carmo-sobre-questo-do-mdio.html
ou estoutro (insuspeito) historiador de religiões
http://xatoo.blogspot.com/2006/08/fazemos-distino-entre-o-judaismo-como.html
aliás
o próprio Marx, sendo judeu, tinha tiradas brilhantes contra os judeus – dizia que Lassale tinha resultado do cruzamento de negro com judeu - porque desancar nos usurários semitas (que eram todos banqueiros ou tinham negócios de que viviam sem bulir) estava então tão na moda como está desancar os liberais de agora – por exemplo, o Lidador deve ser o cruzamento de cámone, daqueles que ficou retratado nos desenhos do Almada, com galegos do futebol clube do porto

Macillum disse...

Mas afinal este Lidador lida com o que? Com a propagacao da sua confusao mental e psicologica no meio de investigacoes serias sobre a verdade historica que hoje vivemos? Ou lida com a frustracao de um espirito vendido - senao aos interesses de uma Nova Ordem Mundial a caminhar para o controle tecnologico absoluto - ao espirito mortificante do caos e da confusao?
Ja mais de uma vez que disse... este cavalheiro tem como objectivo espalhar a confusao, a divisao, a desinformacao e a desmotivacao por entre aqueles que descobriram a ponta da verdade historica da nossa civilizacao... com o intuito de que esta nao seja divulgada aos que vivem, nem alcance aqueles que ainda estao por nascer, ou que ainda sao criancas...

...nao o alimentem...

A verdade reflete-se em todas as camadas culturais, sejam estas cientificas, tradicionais, ou, como neste caso, hip-hop... so nao vemos a clamacao mundial das varias vertentes culturais para que a verdade historica venha ao de cima, se estivermos iludidos, cegos pelo veu do preconceito, ou seja, pela ignorancia. Dizer que a cultura hip-hop nao 'e valida no que diz respeito 'a propagacao e a exigencia da verdade, reflete muito preconceito e muita ignorancia... talvez ate estupidez.
Por exemplo, em Portugal, se nao fossem as bandas hip-hop (e evidentemente nao digo todas) nao saberiamos de maior parte das situacoes racistas, exclusivistas, de marginalidade e pobreza que a comunidade africana tem vindo a sofrer, nem taopouco da posicao auto-marginalizante, agressiva e ate violenta (sob a forma de gangs) que os africanos tomam contra as investidas que lhes sao feitas por parte das ideologias de extrema-direita, nacionalistas, ou, ate mesmo, governamentais... so poderemos alcancar uma certa realidade social dentro das fronteiras de Portugal atraves do hip-hop, porque, de outro modo, estaremos sempre distantes dela, de costas viradas, ignorantes a essa mesma realidade social.

Na musica temos, por exemplo, Rage Against The Machine, que ha muito nos diz - em uma das suas mais famosas faixas - que nao devem os americanos esquecer o passado nem aqueles de branco (Ku-Kux-Klan) que ocupam, agora, postos de chefia nas forcas militares e nos escritorios... alertam para o facto de os americanos andarem, agora, a fazer o que eles lhes mandam fazer, incluindo, ir para as guerras que eles proprios criam.

Se mantivermos as nossas mentes abertas e os nossos coracoes acesos, as informacoes de despertar espiritual (porque o despertar para a verdade historica 'e, afinal, um despertar espiritual) vem de todos os cantos, sejam estes de origem cientifica, jornalistica, espiritual, tradicional, musical, livresca, etc...
...'e so nao andar a dormir no preconceito e na ignorancia...

Lidador disse...

Lá está, xatoo, a Isabel do Carmo também vai mudando, ao sabor da conjuntura e do climatério.
Em tempos bombista encartada, querendo obrigar-nos a ser felizes nem que tivesse que nos matar, deu em anafada burguesa, ocupada a prescrever dietas de emagrecimento, a troco do vil metal.

Em períodos de lucidez, que não são muitos, infelizmente, tem até saídas destas:


"Situo-me na mesma área no campo dos desejos e da utopia. Mas estes vinte anos mexeram muito na análise das coisas, face à realidade. A partir da invasão da Checoslováquia pus verdadeiramente em causa o estalinismo e percebi o carácter religioso de certas ideologias.
E gradualmente tenho dado mais importância ao papel do indivíduo, às diferenças entre homens e mulheres, às diferenças culturais. Também tenho percebido, duramente, que não bastam bons princípios, boas leis, boa planificação. A natureza humana é bem mais complexa que a dos anjos bons que se idealizavam no século XIX... Temos de contar com essa complexidade"


Que é que o xatoo tem a dizer sobre a aplicabilidade das leis de Mendel à senhora Isabel (por acaso, e disso me penitencio, embora não tenha culpa, minha familiar confortavelmente afastada)?

emepê disse...

Sim, vá falando, lidador, que a realidade não muda. E como pelo menos isso entende, alinha muitas palavras para não ter que dizer nada.

Apanha umas citações aqui e ali e vem todo janota com elas debaixo do braço colocá-las no ar como se os seus conhecimentos passassem da rama.
Se quiser ler as obras, textos, em que ele afirma exactamente o que eu lhe disse, pode dispor que eu indico-lhe a bibliografia. Esteja à vontade, não me custa nada, está tudo publicado.

E olhe que é muito suspeito esse seu permanente bater no peito de anti-anti-semitismo.
É promessa ou penitência?


daquelas que Blair atacava: socialismo nacional e internacional

Tem a certeza de que leu alguma coisa do pensamento de Orwell? Ao menos a "Homenagem à Catalunha"? "Toward European Unity", as mais conhecidas?

If the United States remains capitalist, and especially if it needs markets for exports, it cannot regard a Socialist Europe with a friendly eye. ... Indeed, Britain can only get free of America by dropping the attempt to be an extra-European power. The English-speaking Dominions, the colonial dependencies, except perhaps in Africa, and even Britain's supplies of oil, are all hostages in American hands. Therefore there is always the danger that the United States will break up any European coalition by drawing Britain out of it...

"Toward European Unity" - First published: Partisan Review. — GB, London. — July-August 1947.

emepê disse...

Olhe Xatoo, quando o lidador repete e repete aquele fraseado redondo e sem tino, é porque sabe que foi apanhado e não encontra resposta. Veja lá se ele me contrapõe com textos do próprio Orwell que contrariem o que afirmei!

Mas por outro lado ele já percebeu que eu posso colocar aqui a bibliografia, cartas, etc, palavras do próprio Orwell que afirmam exactamente o que eu disse.

E a verdade é que em 1997 o British Foreign Office desclassificou alguns documentos e o que lá apareceu do e sobre o Orwell não foi muito bonito.
Enfim, um homem complexo.

mas acontece que os básicos, ao não fazer a distinção entre anti-Semitismo e Anti-Sionismo

Só que o Orwell era tudo menos básico e fazia claramente essa distinção.

If you try to tie up Communism with anti-semitism, it is always possible in reply to point to [...] the large number of Jews in the Communist parties everywhere. I also think it is bad policy to try to curry favour with your enemies. The Zionists Jews everywhere hate us and regard Britain as the enemy, more even than Germany. Of course this is based on misunderstanding, but as long as it is so I do not think we do ourselves any good by denouncing anti-semitism in other nations.

Carta a Celia Kirwan (Whitehall’s secret Information Research Department)

emepê disse...

este cavalheiro [lidador] tem como objectivo espalhar a confusao, a divisao, a desinformacao e a desmotivacao

Ora, ora, macillum, não ponha tão pesado fardo em ombros tão tenrinhos.

Lidador disse...

emepe: [Só que o Orwell era tudo menos básico e fazia claramente essa distinção (entre anti-semitismo e anti-sionismo)]

Caro emepe, deixo-lhe aqui mais um basico incapaz de ver a diferença:


“When people criticize Zionists, they mean Jews, You are talking anti-Semitism.”

(Martin Luther King, Jr. 1968, Harvard)


Ora eu sou tão basico como o MLK e é justamente por isso que lhe venho encarecidamente pedindo que me explique o que é hoje o "anti-sionismo".

É que, imho, o sionismo era um moviemento cujo objectivo era criar um estado para os judeus nas suas terras ancestrais, de onde haviam sido expulsos por multiplos invasores, entre os quais os árabes.

Na altura, anti-sionista era alguem que era contra a criação desse estado.

Ora como ele já foi criado há mais de meio-século, aqui a minha pobre cachola não entende como é que se pode ser contra a a criação de algo que já está criado.

Não faz sentido, no campo da razão.

A não ser que o seu "anti-sionismo" seja antes um "anti-israelismo", isto é, perspective orgasmos perante a perspectiva de destruir o estado de Israel.

O que nos leva ao fim do nosso raciocínio...porque razão o meu amigo "exige" a destruição de Israel e não, por exemplo, a do Nepal, da Jordânia, da Síria, do Uganda, etc.

Qual a diferença?

MLK achava que a diferença estava no ódio aos judeus e que o "anti-sionismo" era uma forma de babujar aquilo que não se tinha corajem de dizer com as letras todas.

Eu estou de acordo com ele.
E você?

É contra a criação de algo que já foi criado?
Então Blair tinha razão...a abordagem tem de ser psicológica...
Eu não sou psicólogo, mas tenho dois amigos que são...se quiser dou-lhe os contactos, em privado e só posso esperar as suas melhoras.

Mande sempre!

xatoo disse...

Lidador
és básico e insistes em o ser.

o Sionismo não foi nem é uma doutrina parida apenas para viabilizar o Estado de Israel, vai muito mais além - é uma doutrina que advoga a expansão eterna em todos os campos, a todos os niveis - em suma, é o Imperialismo contra os gentios,
Tem um sentido biblico na medida em que é uma ideia religiosa que advoga o crescimento eterno.

Claro que, para quem acha que o mundo está muito bem assim como está, não há nada a objectar - óh como nós te compreendemos óh lidador

ps - já agora, noutra época e noutro registo, o Martin Luther King fez o papel que os governantes lhe consentiram (e de certo modo lhe destinaram através dos Media), para apaziguar as lutas contra o Racismo.
De certo modo, o "estatuto de opositor consentido" acaba por, legitimando o Poder, minimizar as concessões a ser feitas - ainda noutro registo parece ser esse o actual papel do Bloco de Esquerda perante a falida social-democracia - pese embora o ódio que os reaccionários têm ao BE eles acabam por ser a ultima tábua de salvação do regime.
Tás a ver Lidador? o Louçã ainda há-de ser ministro, e daí não virá grande mal ao mundo,,,

emepê disse...

Ora, ora, cá temos uma vez mais a estafada saloiice. Não se esforce, meu caro, já lhe disse que só danço ao som da minha música.
Tenrinho.
Ainda não percebeu a festança que é vê-lo tentar cobrir a retirada com malabarismos patéticos? É que não estávamos a falar do mensageiro – eu – mas do anti-sionismo e do socialismo revolucionário de Orwell. Se quiser continuar, com todo o gosto, aguardo resposta que me mostre que Orwell aprovava o sionismo e que o socialismo nacional e internacional era daquelas que Blair atacava.


Então tome lá mais umas para o fim-de-semana.

The revolutionary atmosphere of Barcelona had attracted me deeply [..] More important than this was the fact that the Spanish working class did not, as we might conceivably do in England, resist Franco in the name of 'democracy' and the status quo', their resistance was accompanied by-one might almost say it consisted of-a definite revolutionary outbreak.

Orwell, "Homage to Catalonia"


[...] Our activities as Socialists only have meaning if we assume that Socialism can be established, but if we stop to consider what probably will happen, then we must admit, I think, that the chances are against us.
[...] Only in those countries are there still large numbers of people to whom the word ‘Socialism’ has some appeal, and for whom it is bound up with liberty, equality, and internationalism. [...] In North America the masses are contented with capitalism, and one cannot tell what turn they will take when capitalism begins to collapse.


Orwell, "Toward European Unity"


"When people criticize Zionists, they mean Jews, You are talking anti-Semitism.
o "anti-sionismo" era uma forma de babujar aquilo que não se tinha coragem de dizer com as letras todas."


Bom, eu não iria assim tão longe na crítica ao Orwell. Ele afinal até escreveu um ensaio sobre o anti-semitismo...

Zionism
This has the unusual characteristics of a nationalist movement, but the American variant of it seems to be more violent and malignant than the British.


Orwell, "Notes on Nationalism" (1945)


Mande sempre!
Eu tenho mandado, o lidador é que não dá uma prá caixa.
Mas confesse lá que o Orwell foi para si uma verdadeira caixinha de surpresas!

emepê disse...

Ah, lidador the last but not the least.

Um anti-sionista activo - que apelida de 'maglinant' os sionistas -, politicamente incorrecto em relação à linguagem com que se refere aos judeus, socialista revolucionário, incompatibilizado com o PCUS e o PC em Espanha acusando-os de contra-revolucionários cujo único papel era matar a revolução, agradece-lhe lá da tumba que se tenha lembrado dele para baptizar o seu blogue.
Está a ouvi-lo rir-se?

Liador disse...

Emepe, acho que ainda não entendeu...Eric Blair podia ser anti-sionista porque podia não concordar com a criação do Estado de Israel.

Porque ainda não tinha sido criado.

Mas você, porque é "anti-sionista"?
O que quer dizer o seu "anti-sionismo"?

É contra a criação do Estado de Israel, 60 anos depois de ter sido criado?

Explique lá a lógica do seu raciocínio, porque eu ainda não fui capaz.

Por exemplo que significado tem eu ser contra, por exemplo, a criação do Estado da Jordânia?

Posso não gostar da Jordânia ( é um exemplo abstracto), mas não posso ser contra a sua criação.
Sera uma idiotice..um caso psicológico, como muito bem referiu o nosso amigo Eric Blair.

A propósito, você ganhava mais em ler os livros que ele escreveu, aqueles que o tornaram conhecido e respeitado, do que perder tempo à pesca na Internet à procura de bocados de frases descontextualizadas que acha que enfeitam a sua tontice.
Por exemplo, no Animal Farm, quem é que você associa ao Napoleão?
E ao Snowball?
E à Montanha de Açúcar?

Já reparou que você não é capaz de enfrentar as minhas questões e se limita a recitar o vademecum da treta?

emepê disse...

Caro lidador, deixe-se dessas perguntas retóricas que vai semeando ao longo do seu blogue e dos outros. Alterne o estilo, faça um curso sobre a arte de variar, qualquer coisa que o poupe à monotonia.

E tudo para quê? É transparente como vidro!
Já sabe que daqui só leva o que eu entender.

Quanto à minha pesca na internet... Já ouviu falar em "The Complete Works of George Orwell"?

A net é óptima para não ter que transcrever tudo à mão, quando se sabe o que se procura.


Já reparou que você não é capaz de enfrentar as minhas questões e se limita a recitar o vademecum da treta?

Siiiiiiiiiiiiiiiiiiim?????
E o assunto que ainda temos em mãos? Sai ou não sai essa resposta?

Basílio disse...

Este rap pode ser sacado aqui:
http://www.911blogger.com/files/audio/16-dj_green_lantern_feat._mos_def__immortal_technique-b-whoa.mp3

Mais música sobre o 11 de Setembro aqui:
http://www.911podcasts.com/default.php?cat=5&med=0&ord=Name&strt=0&vid=0&epi=0&typ=0

Eu ainda estou à espera da versão portuguesa: "Sócrates, diz a verdade cabrão!"

contradicoes disse...

Não há dúvida que a abordagem aqui feita gera normalmente uma interessante discussão por divergência de pontos de vista o que não deixa de ser salutar.
Como também o é o facto de existir da parte de alguns dos discordantes a forte convicção de que estão do lado da razão, esquecendo-se que afinal Blair e outros políticos que iniciaram o seu percurso político à esquerda e flanquearam depois para a direita, deixam-nos muitos dúvidas quanto à sua capacidade intelectual de efectuarem determinadas avaliações ideológicas.
De resto nós por cá também temos várias Zitas Zeabras que constantemente nos surpreendem com as suas avaliações e consequentes interpretações de certos factos. Não admira por isso que aqueles que ainda hoje defendem que não foi um erro a invasão do Iraque e a destituição do Saddam, nos levam a continuar a formar um mau juízo a seu respeito.

Macillum disse...

Caro, Contradicoes,

que as "dúvidas" que vc tem em relacao "à (...) capacidade intelectual" de cavalheiros como o Blair "de efectuarem determinadas avaliações ideológicas", seja esclarecida...
...nao 'e incapacidade intelectual, nao senhor, mas a presuasao, a pressao, a intimidacao e ate a chantagem que certos grupos e individuos passam a fazer sobre esses tais cavalheiros, de modo a que estes cumpram 'a risca o plano tracado para a elevacao de uma Nova Ordem Mundial de controle tecnologico a caminhar para o absoluto, de desinformacao e extreminio global segundo o projecto Global 2000.
Pessoas como o Blair sao inteligentes, so que estao entre a espada e a parede, umas vezes fazendo o que lhes interessa ao nivel pessoal, outras vezes indo contra as suas proprias conviccoes e interesses... fantoches...
...mas nunhum 'e um fantoche tao feliz por ser fantoche quanto o Bush... esse palhaco esta mesmo a curtir as "praches" que lhe mandam realizar noutros paises, "praches" um pouco mais terriveis do que aquelas que ele viveu nas fraternidades e nas ordens quando andava na universidade.

Lidador disse...

Caro emepe, não se pode deixar de reparar que foge como o diabo da cruz a todas questões com que o Lidador lhe acertou no toutiço , e adopta a posição fetal típica do crenteespancado: benze-se agarra no breviário terceiro-mundista e desata a recitar a habitual ladainha do mais bacoco marxismo.
Compreendo a sua reacção, é humana , tranquilizadora, e já a pude observar noutras fés. Mutatis mutandis, é basicamente a mesma adoptada por uma beata, quando alguém lhe diz alguma coisa que ela acha constituir uma blasfémia: um ar escandalizado, o sinal da cruz , dois padres-nossos e 4 avé-marias.

Mas o Lidador tem um certo prazer em lhe questionar os dogmas da fé, embora não ignore que da sua parte só virão lengalengas, mantras
e farroncas infantis.
Provavelmente o meu caro amigo terá uma idade mental de 20 anos.
A idade da inocência!

Lidador disse...

xatoo:

[o Sionismo não foi nem é uma doutrina parida apenas para viabilizar o Estado de Israel, ]

OLhe que não, olhe que não..

Já em 1880 Leo Pinsker fazia um diagnóstico da situação dos judeus na Rússia e preconizava a solução de um Estado.
Herzl publicou o “Estado Judaico” na sequência do caso Dreyfus e o Sionismo como movimento para a criação desse Estado foi lançado em 1897

O objectivo do Sionismo era (e pode ler os documentos reais, não as bostadas da propaganda anti-semita) a criação de uma pátria na Palestina, para o povo judaico, garantida pelo direito público, já foi atingido!
Por isso não se entende o significado de “anti-sionismo”. É como ser contra D.Afonso Henriques por ter andado a espadeirar os mouros criando o país que somos e vir aqui dizer que andou a apalpar o rabo ao Egaz Moniz e a fazer intrigas com o rei de Leão.
É irrelevante.

Agora existe um estado de Israel, tem mais de meio século e é um membro de pleno direito da comunidade internacional.
Não é possível destruí-lo pela força e os judeus não se vão voltar a imolar nas opiniões dos “anti-sionistas”.
A expressão “anti-sionismo” é um coelho que alguns sectores tiraram da cartola. Não passa hoje de um eufemismo que permite vocalizar o indizível anti-semitismo, porque a vergonha da shoah ainda pesa.

Cada vez menos e é por isso que o xatoo, bem como os anti-semitas que por aqui zurram, se limitam, sem o compreenderem, a repetir uma compulsão milenar: fazer dos judeus o bode expiatório dos mnales do mundo.

As pessoas ignorantes e psicóticas, necessitam de bodes expiatórios nos quais descarregar as culpas dos fracassos e incapacidades.
Foi aliás para isso que as religiões criaram os demónios e as ideologias totalitárias criaram os "inimigos da revolução".

Os demónios de serviço hoje, para os jumentos da nossa época, são os judeus, como sempre, e os americanos.

O gado asinino tem de zurrar para alguém...enquanto o faz, não se olha ao espelho e não se apercebe que tem orelhas compridas, pescoço ganachudo e dá coices.

emepê disse...

Caro lidador
Retórica, retórica, retórica, sempre retórica, resposta às questões que lhe coloquei, népias. E mostrava-se tão impante de conhecimento de Orwelll... Meteu-se-lhe na cabecinha tenra que esse vozeirar grosso de fuga convence alguém?

E dá-se ao trabalho de escrever comentários atrás de comentários, porquê? Basta deixar aqui no rectângulo a localização de qualquer uma das cópias que já escreveu. Mas gosta de corrrer muito nesse labirinto circular.

Não se sente um pouco mais tonto?

Lidador disse...

[resposta às questões que lhe coloquei, népias.]

Tenho a imnpressão que o amigo emepe está a ver o mundo ao contrário.
É que não me recordo de ter "colocado questões", mas sim recitado mantras e slogans.

Que questões é que o emepe me colocou?

Se bem me recordo eu é que lhe coloquei uma questão simples, à qual temn andado a fugir como Maomé do toucinho:
E repito-a, para lhe dar mais uma oportunidade de treinar o afunilar das beiças, assobiando para o ar:

POR QUE RAZÃO É "ANTI-SIONISTA"?

emepê disse...

Então, lá vai, já que afinal não percebeu.
À sua habitual fanfarronice verdinha de abusar de autores dos quais pouco sabe, contrapus-lhe:
- Orwell nunca foi comunista, nem na juventude
- Orwell era militantemente anti-sionista
- Orwell tem na sua obra referências muito desprimorosas para com os judeus
- Orwell declarou-se, até ao fim da vida, socialista internacionalista

Na milionésima segunda edição das suas orações de sapiência, respondeu:
É livre de acreditar naquilo que entender e até de expressar essas crenças por mais idiotas que sejam.
… daquelas [sociedades] que Blair atacava: socialismo nacional e internacional.


E a partir daqui, foi o desnorte da fuga.
Desta vez, em lugar de baforadas de parlapié patético, discuta as minhas asneiras livres e comprove as suas verdades reveladas:
-Orwell começou por uma primária e imatura militância comunista
-Orwell não era anti-sionista
-Orwell não usa na sua obra as diatribes correntes da linguagem anti-semita
- Orwell atacava o socialismo nacional e internacional


E já que hoje é domingo, inspire-se lá neste bocadinho, escrito pouco antes de morrer e publicado na famigerada 'Partisan Revue'.

Of course, Socialism cannot properly be said to be established until it is world-wide, but the process must begin somewhere, and I cannot imagine it beginning except through the federation of the western European states, transformed into Socialist republics without colonial dependencies. Therefore a Socialist United States of Europe seems to me the only worth-while political objective today.

"Toward European Unity"


Escusa de ensaiar mais uma fuga de perguntas retóricas. Eu não saio daqui, à sua espera.

Lidador disse...

[ Orwell nunca foi comunista, nem na juventude]

Você lá sabe….mas olhe que andou à pancada na Guerra Civil Espanhola nas fileiras do Partido Obrero de Unificación Marxista. Como foi para lá de moto próprio, temos de acreditar que estava de acordo com a “causa”.
Qual é a coisa qual é ela que cheira a comunista, sabe a comunista, e parece comunista?
Um comunista, claro!
Os comunistas existem em vários modelos, como os carros. Até aqui em Portugal havia, ou há, um PCP, um PCP (R) , um MRPP, um BE, um POUS, etc,etc. Tudo comunistagem…

[- Orwell era militantemente anti-sionista]

Era pois….e não só ele. Não concordava com a criação de um estado para os judeus. Era uma posição racional, uma vez que ainda não tinha sido concretizado o objectivo do sionismo. Naquela altura ser-se “anti-sionista” tinha um significado bem delimitado…
Mas você, porque razão é anti-sionista?
Explique lá qual a lógica de ser “contra” a criação de algo que já foi criado.

[- Orwell tem na sua obra referências muito desprimorosas para com os judeus .]

E por isso mesmo é que escreveu que:

“Anti-semitism was on the increase, and was quite irrational and will not yield to arguments. The only useful approach is a psychological one, to discover "why" anti-semites could swallow such absurdities on one particular subject while remaining sane on others."( Anti-semitism in Britain, 1943-1945.)

[- Orwell declarou-se, até ao fim da vida, socialista internacionalista]

Meu filho, socialismos reais só houve dois: o nacional, de Hitler, e o internacional da União das Republicas Socialistas Soviéticas. Tudo o resto é retórica utópica, não existe e nunca existiu a não ser na cabeça de cada um.
Orwell atacou ambos e de forma contundente, com os seus livros mais emblemáticos que lhe aconselho a ler.
Mas Orwell era também um homem e a sua circunstância intelectual. E naquelas épocas, aliás até 1989, uma certa intelectualidade acreditava piamente na utopia de um certo socialismo do tipo angelical, na bondade do Estado, etc,etc

[Of course, Socialism cannot properly be said to be established until it is world-wide, but the process must begin somewhere]

E começou…na URSS, na China, na RDA, Polónia, Cuba, Nicarágua, Zimbabwe, Angola, Coreia do Norte, etc,etc
Não teve foi o desfecho triunfante que se profetizava, não por culpa dos méritos da ideologia em si mesma, mas sim por sabotagem dos “inimigos da revolução” da “classe operária” ou até dos judeus, quem sabe?
O certo é que muita gente tentou e mais de 100 milhões de pessoas morreram na tentativa. Na verdade em toda a história da humanidade, nunca tão poucos mataram tantos….com boas intenções, claro.

xatoo disse...

este gajo, o Lidl, é um básico da primeira apanha.
O gajo inventou que há um "comunismo nacional" e outro "comunismo internacional" e prontes, não há nada a fazer; ehehhehhe é de rir até às lágrimas.

Uma das coisas de que os dissidentes Maoistas da década de 60 acusaram a URSS foi a de justamente se fecharem dentro do Estado sobre as suas fronteiras, o que os levou à falência (mas o Bestunto diz que foi "internacional, ponto final!, ehehehh)
E o que diria sobre isto Trotsky?
O Lidl não terá dúvidas. É tudo para enfiar no mesmo cabaz da "cambada de comunas", eheheheheh

Lidador disse...

Ah, o grabnde Mao.

Gosto muito de o citar.... é mais cómico que o tio Alberto da Madeira:


-Passar da vida para a morte é magnífico.

-Não há qq cultura nova no mundo inteiro. Apenas uma pequena flor de nova cultura foi descoberta na Rússia.

-Concordo profundamente com a ideia de usar o modelo russo para reformar a China e o mundo.

-Estou ocupado a comer bem todos os dias, quer saciando o meu estômago, quer melhorando a minha saúde.

-A revolução tem de ser trazida para a China a partir do Norte, pelo exército russo.

-Uma ou duas pessoas espancadas até à morte não é grande coisa.

-Uma revolução não é um jantar de festa; implica violência. É necessário provocar um reinado de terror em todos os condados.

-Se os inimigos de classe e grandes proprietários forem teimosos, rasgamos-lhe os tendões do tornozelo e cortamos-lhe as orelhas.

-O poder vem do cano da espingarda.

-A última directiva do Comintern sobre a insurreição foi tão brilhante que me fez saltar de alegria 300 vezes.


Quer mais livrinho vermelho, xatoo da silva?

Que tal, para fechar com chave de ouro, esta tirada de grande proundidade filosófica:

-Consigo comer muito e cagar muito.

Ah Ganda Mao!

emepê disse...

Tretas indigentes, como se esperava.
Não sabe como ele foi parar ao POUM? Poupe-nos a tanta asneira ignorante. E ainda diz que este blogue é o seu saco de treino.
Sem dúvida.
Então ouça o Orwell, já percebi que o seu conhecimento se fica pela ficção. De que também faz uma leitura particular mas vamos ficar por aqui, porque isso então é um peso-pesado para si. É preciso conhecer muito mais do que as lérias light que por aí escreve.

I had come to Spain with some notion of writing newspaper articles, but I had joined the militia almost immediately, because at that time and in that atmosphere it seemed the only conceivable thing to do. The Anarchists were still in virtual control of Catalonia and the revolution was still in full swing.
The revolutionary atmosphere of Barcelona had attracted me deeply, but I had made no attempt to understand it. [...] I knew that I was serving in something called the P.O.U.M. (I had only joined the P.O.U.M. militia rather than any other because I happened to arrive in Barcelona with I.L.P. [Independent Labour Party] papers), but I did not realize that there were serious differences between the political parties. At Monte Pocero, when they pointed to the position on our left and said: 'Those are the Socialists' (meaning the P.S.U.C.), I was puzzled and said: 'Aren't we all Socialists?'


"Homage to Catalonia"

Se não se ofender, acredito mais em Orwell do que nas suas ladainhas.


Naquela altura ser-se "anti-sionista” tinha um significado bem delimitado...
Se bem me lembro chama traidores a judeus, e anti-semitas a todos os outros que denunciam a miséria do colaboracionismo entre o movimento sionista e os nazis.


Aceditava...na bondade do Estado, etc,etc
As aneiras são em catadupa. Na bondade do estado é que Orwell não acreditava. Acreditava simplesmente na common decency.
Espero que esteja familiarizado com o conceito.
Acreditava que There is no way out of this unless a planned economy can be somehow combined with the freedom of the intellect, which can only happen if the concept of right and wrong is restored to politics. (1944)


E por isso mesmo é que escreveu que:
Nem para essas habilidades tem jeito. Eu não mando papaias para o ar, falo do que sei. E por isso apontei as contradições de Orwell, que o meu caro desconhecia por completo. Escreveu esse ensaio e muitas coisas públicas e privadas que contrariam esse ensaio.


Meu filho, socialismos reais só houve dois: o nacional, de Hitler, e o internacional da União das Republicas Socialistas Soviéticas.
Sim, papá, mais tretas com que pretende que Orwell era um inimputável que não sabia exprimir-se. E a sua iluminada sapiência fala por ele, sobre ele.


E começou..na URSS
Não, esse process that must begin somewhere a que ele se refere ainda não tinha começado. Em 1947 já a URSS existia, não se lembra?
Olhe, por pena até lhe digo, leia o ensaio ("Toward European Unity") e verá que ele exclui liminarmente, como sendo os four main obstacles à expansão do socialimo a URSS, os EU, o Imperialismo e a igreja católica.


Justificou aqui as suas ideias e as ideias que 'tem' sobre Orwell, não as dele. E essas, as suas, só a si interessam, são pequeninas demais para a partilha.
Mas talvez ele se compadecesse e o ouvisse com atenção paciente, quem sabe? Como não podemos voltar atrás, olhe, já sabe para onde vai o seu negacionismo do pensamento alheio. Para o lixo.

Lidador disse...

[Eu não mando papaias para o ar, falo do que sei]

Como dizia o chinês, quem fala não sabe...e quem sabe, não fala.

No fundo, tanta palermice apenas para evitar responder à questãozinha a que anda a fugir como o diabo da cruz:
PORQUE RAZÃO É ANTI-SIONISTA?

emepê disse...

quem fala não sabe...e quem sabe, não fala.

Tem por aí fora quilómetros de prosa. Não vale nada, mas é muita fala.



tanta palermice

Indique qual é a palermice e principalmente a palermice alicerçada na palermice do Orwell.

Aguardo. Espero que à última hora não se converta num chinês sábio.

O-Lidador disse...

[Indique qual é a palermice e principalmente a palermice alicerçada na palermice do Orwell.]

Não quero que espere muito. Uma vez que ainda não leu os livros do nosso amigo e prefere fazer pesca à linha em sabedorias de manual de citações, aqui vai uma ao seu gosto.

“Anti-semitism was on the increase, and was quite irrational and will not yield to arguments. The only useful approach is a psychological one, to discover "why" anti-semites could swallow such absurdities on one particular subject while remaining sane on others."(Anti-semitism in Britain, 1943-1945.)

Espero agora que responda à quesãozinha simples que lhe ando a solicitar há uns tempos:
Porque razão é "anti-sionista"?

(Você, não o Orwell, porque ele, já sabemos,
não concordava com a criação do Estado de Israel).
E você?
Não concorda com a criação de algo que já foi criado?

emepê disse...

Sempre o mesmo rame-rame.
E TUDO o resto? O socialismo internacionalista, o anticapitalismo, o anti-sionismo, o anti-semitismo funcional?

Quer que lhe envie um exemplar de "The complete works of George Orwell"? Sempre tirava umas ideias diferentes, sei lá, variava e não andava a citar à direita quem era de esquerda.

Anónimo disse...

O sequestro ideológico que o Lidador faz dos pensamentos de Orwell é, ele mesmo, bastante Orwelliano.

Lidador disse...

“Anti-semitism was on the increase, and was quite irrational and will not yield to arguments. The only useful approach is a psychological one, to discover "why" anti-semites could swallow such absurdities on one particular subject while remaining sane on others."(Anti-semitism in Britain, 1943-1945.)

Espero agora que responda à quesãozinha simples que lhe ando a solicitar há uns tempos:
Porque razão é "anti-sionista"?

emepê disse...

Então esse chinês sábio nunca mais sai?

Anónimo disse...

hi people,this is a simple test
sorry sex video
hhh

Anónimo disse...







shesexy.com
tinyeve.net
rawpussy.com
amateur-hard.com
madgals.com
adult-clips.com
nudistlog.com
viewerswives.net
wetplace.com
teenbe.com

Anónimo disse...

economics at George which pregnancy risky sexual behavior Air Force pilots Centers for Disease contact is very
rare
sources point to American and other behaviors has not been uncommon have heard have been highly This historical narrative Laws that the 1950s may not identify as such as mature video breath mints may be readily available have heard percent were uncertain if ejaculation had occurred, and 21 percent reported mature video into a sexually
http://nastyrat-freesite.blogspot.com/>nastyrat
abortion reduce its enthusiastic acceptance or lured from mature clip Within the party or a BDSM dungeon

Anónimo disse...









anime gay video
video gratis porn jovencitas
mature porn video
free teen sex video
home made sex video
girl gone wild free video
free live sex video

Anónimo disse...









pornaccess.com
paris hilton sex video com
auntmia.com
asian daily free lesbian video
amateur gay sex video
dixiecuties.com
tiny18.net

Anónimo disse...




























Anónimo disse...









chat rooms teen
daily teen
hentai teen titans
masturbation teen
teen tight
bra teen
trixie teen
boy gay teen
amateur sex
teen voyeur
pink world
hentai teen titans
big teen tit
ewa sonnet
chat single teen

Anónimo disse...









Staci Thorn
Lanny Barbie
Janet Alfano
Carley Parker
Delilah Strong
Tyler Houston
Nikki Dark
Tiffany Holiday
Sativa Rose
Katie Ray
Ashley Haze
Nikki Hunter
Jenaveve Jolie
Lucy Love
Gianna Michaels

Anónimo disse...


















mbs-com.blogspot.com/>libraryofthumbs.com

Anónimo disse...












Anónimo disse...










typassion-com-fr33site.blogspot.com/>bustypassion.com

/>duckyporn.com

Anónimo disse...











://frees--pantybuns-com.blogspot.com/>pantybuns-com

Anónimo disse...

Fat Amateurs In Raw Sex Orgy
Amateur Has Her Pussy Filled With So Much Cum It Pours Out
A Hot Adorable Teen Fingering Her Shaven Pussy
Tall Busty Euro Chick Hungary For Hard American Cock
Natural Busted Amateur Dick Stuffed
Adorable Lesbian Teenie Amateur Girls Licking Pussy Together
Blonde In Femdom Action
European Babe Enjoys MMF Fucking With American Guys

easygals.com gallview.com viewgals.com searchbigtits.com chubbyland.com searchgalleries.com
tp://hqmovs-com.blotrer.com>hqmovs.com
finalteens.com longvideos.net sexy-models.net xasses.com thetruevoyeur.com hairypussypost.com fatfucks.com pictures-free.org boysfirsttime.com viewgals.com cumfiesta.com 123clips.com allebonygals.com

Anónimo disse...

[url=http://bigtitpatrol-com-bw5t27.blogspot.com/]Blonde Angel Gettin Fucked Doggystyle Publicly In Train Yard[/url]
[url=http://fantasticnudes-com-bol80a.blogspot.com/]Cute Sexy Asian Japanese Teen Kinky Hardcore Blowjob Action[/url]
[url=http://freexmovies-com-i3c0o5.blogspot.com/]Asian Japanese Teen Taking Off Her Panties And Getting Fucked[/url]
[url=http://call-kelly-com-tswadb.blogspot.com/]Beautiful American Tranny Getting Hot Cumshot In Her Mouth[/url]
[url=http://dragonmovies-com-kwtavr.blogspot.com/]Tgirl And Guy In Oral Action[/url]
[url=http://auntmia-com-h4hova.blogspot.com/]Adorable Teen Gets The Fuck Of Her Life[/url]
[url=http://freebigmovies-com-bxf440.blogspot.com/]Pretty American Teen Girl Sucking Some Cock In Office[/url]
[url=http://eliteclips-com-kagn5q.blogspot.com/]Pretty Asian Pornstar Luxi Sucking And Humping With Frazer[/url]

[url=http://bustyisland-com-gvk6ke.blogspot.com]bustyisland.com[/url] [url=http://busstopwhores-com-kl30ms.blogspot.com]busstopwhores[/url] [url=http://catlist-com-m8qm15.blogspot.com]catlist[/url] [url=http://dailybasis-com-cky8ax.blogspot.com]dailybasis.com[/url] [url=http://ah-me-com-aoij3x.blogspot.com]ah-me[/url] [url=http://amateur-hard-com-akp0op.blogspot.com]amateur-hard[/url] [url=http://fantasticnudes-com-bol80a.blogspot.com]fantasticnudes[/url] [url=http://bluethumbs-com-wqf563.blogspot.com]bluethumbs.com[/url] [url=http://between-legs-com-d4wk3c.blogspot.com]between-legs[/url] [url=http://babes4free-com-w6pqq4.blogspot.com]babes4free[/url] [url=http://assparade-com-cw4zk1.blogspot.com]assparade.com[/url] [url=http://bigfreesex-com-i2csy2.blogspot.com]bigfreesex[/url] [url=http://bigleaguefacials-com-hm3wc3.blogspot.com]bigleaguefacials[/url] [url=http
://amazingcum-com-bd7uu0.blogspot.com]amazingcum[/url] [url=http://free2peek-com-c1iicr.blogspot.com]free2peek[/url] [url=http://dixiecuties-com-an22yk.blogspot.com]dixiecuties.com[/url] [url=http://eliteclips-com-kagn5q.blogspot.com]eliteclips.com[/url] [url=http://africanvagina-com-dysbwu.blogspot.com]africanvagina[/url] [url=http://ah-me-com-aoij3x.blogspot.com]ah-me.com[/url] [url=http://chubbyland-com-rycz1v.blogspot.com]chubbyland[/url]