quarta-feira, fevereiro 06, 2008

Mário Soares: Al-Qaeda? Qual Al-Qaeda?



Excerto de um artigo de Mário Soares - Jornal Expresso 27-03-2004

Variações sobre o terrorismo

«É preciso conhecer melhor a Al-Qaeda para a combatermos com eficácia. Não às cegas. Há milhares de livros, publicados em todas as línguas, sobre o terrorismo global - que está intimamente relacionado com a «globalização depredadora» que temos e com a «economia de casino» que nos rege. Estudemo-los. »

«(...) Exploremos os contactos que a Al-Qaeda parece ter com o mundo obscuro das finanças - dos «off-shores» e dos «paraísos fiscais» - com o «dinheiro sujo», com a criminalidade organizada, com o tráfico ilegal de armas, incluindo atómicas, com o mercado da droga. Há franjas desse sub-mundo que, seguramente, serviços secretos, mesmo os minimamente secretos, mesmo os minimamente organizados, podem penetrar e conhecer. Já o devem ter feito. Mas será que os grandes responsáveis querem tomar conhecimento dessa negra realidade e das pistas que indica


Comentário:

Os grandes responsáveis não precisam de fazer nenhum grande esforço mental para compreender o desvio fácil dos aviões e o célere desabamento dos edifícios do WTC na manhã de 11 de Setembro de 2001. Porque, muito simplesmente, os «grandes responsáveis» são, afinal, os verdadeiros autores da tragédia:

6 comentários:

xatoo disse...

"os grandes responsáveis não querem tomar conhecimento da negra realidade" a começar pelo próprio Soares
Ele elogia o MccCain: diz que ele é de direita mas não é neocon.
o que é que isto significa no contexto actual?. Nada!
significa tanto como o próprio Soares ser "de esquerda"
Cambada de pantomineiros
.

Zorze disse...

Primeiro o Mário Soares falar de finanças, bem ...
Anos 80, FMI, País à beira da bancarrota ...
A personalidade em questão sabe bem, muito bem o funcionamento de todas estas coisas.
Só que fala o politicamente correcto ...
São muitos anos a virar frangos.

http://extrafisico.blogspot.com

Barão da Tróia II disse...

Concordo em parte. Existem mais culpados, o mundo muçulmano em geral que nos odeia, que desde o início procura destruir o ocidente, mas isso parece que ninguém quer ver. Agora concordo plenamente que Bush e a sua pandilha, mais os lacaios, Aznar, Blair,Berlusconi e Durão são os culpados. Mas acho que só anteciparam o inevitável. Boa semana

Diogo disse...

Barão da Tróia II,

Não há hipótese nenhuma de não ter sido a aparelho de estado americano a fazer os atentados.

O desgraçado do mundo muçulmano está a ser alvo de um holocausto sem nome.

PintoRibeiro disse...

É mais complicado, mas é mais ou menos assim, é. E nem da missa sabemos metade.

santhomas disse...

Bem me admirava eu, também, dantes, que a Opus Dey daqueles jardins e pintos andasse assim de mãos dadas c'o Al-Qaeda por off-shores e isso de paraísos fiscais, mas ao fim lá dava certo, que os dinheiors sujos e os outros se dão mal é só c'a gente pobre e honesta, como eu, agora banqueiros, judeus, maricanos e bisbilhoteiros da quadratura dos círculos, deus ma libre, qu'rida mai!...