sexta-feira, março 20, 2009

Jon Stewart - a guerra do Iraque vai acabar. A afirmação é de Obama, que emprega textualmente as mesmas palavras que Bush utilizou uns anos antes

Jon Stewart, do Daily Show, fala-nos, com humor cáustico, do plano de retirada de Barack Obama do Iraque, plano curiosamente retirado a papel químico do plano de retirada de George Bush:


Jon Stewart: Já não falamos do Iraque há algum tempo. Todavia, isso mudou a semana passada quando o presidente Obama falou aos Marines.

Barack Obama: Vou ser tão directo quanto possível. Dia 31 de Agosto de 2010, a nossa missão de combate no Iraque terminará.

Jon Stewart (exultante): A guerra acabou… Acabou… A guerra acabou!

Barack Obama: Vamos manter uma força de transição com três funções. Esta força terá de 35 a 50 mil tropas americanas.

Jon Stewart: F***-se! É isso mesmo. Ao que parece, toda a gente vem para casa, excepto várias dezenas de milhares de soldados. Mas o combate vai acabar, não é?

Barack Obama: A nossa missão vai mudar de combate para apoio ao governo do Iraque e às suas forças de segurança. Treinar, equipar e aconselhar as forças de segurança do Iraque. Levar a cabo missões de contra-terrorismo.

Jon Stewart: Isso é incrível. É bem diferente da missão antiga.

George Bush (alguns anos antes): À medida que tem lugar esta transição na nossa missão, as nossas tropas terão tarefas mais limitadas, incluindo operações de contra-terrorismo e treinar, equipar e apoiar as forças iraquianas.

Jon Stewart: É tão parecido! Tem de haver uma diferença entre estes dois homens. Parece que a única diferença entre as tropas de combate que estão lá agora e as tropas de combate que lá estarão daqui a um ano é estarmos a chamar-lhes outra coisa, mas não pode ser verdade.

Robert Gates (ministro da defesa): As unidades que lá ficarão serão caracterizadas de forma diferente. Não serão chamadas brigadas de combate. Serão chamadas "brigadas de aconselhamento e apoio."

Jon Stewart: Não é para nos dizerem isso! “Brigadas de aconselhamento e apoio.” Por momentos, achei que ainda iam correr perigo. Vão só ser um pelotão de cromos no Iraque. Digam-me objectivamente, sem rodeios, quando vamos sair do Iraque?

Barack Obama: Pretendo retirar todas as tropas americanas do Iraque até ao fim de 2011.

Jon Stewart: Tem a certeza disso? Não vai lá deixar a brigada de limpeza e desinfecção? 30 mil soldados do pelotão de instalação da televisão por cabo? Talvez vá reclassificar as tropas como árvores para nunca terem de sair?


Vídeo legendado em português:


@ Yahoo! Video

9 comentários:

Ana Camarra disse...

Diogo

O Obama é uma barraca!

beijo

xatoo disse...

Joe o Canalizador confessa que é Cornudo
http://www.huffingtonpost.com/2009/03/20/joe-the-plumber-tells-con_n_177296.html

Filipe disse...

Aplaudo a invasão do Iraque. Pois então, se estavam a criar armas nucleares! Não podíamos permitir isso. De certeza que o petróleo não teve, nem tem agora, NADA a ver com o assunto.

Já Israel, tem todo o direito de ter armas nucleares, porque... hum...

Diogo disse...

Ana, fico espantado com a esperança de milhões num homem que é uma marioneta do complexo financeiro-petrolífero-militar, tal como o seu antecessor Bush. Muita gente não percebe o funcionamento das «democracias».


Xatoo, já nada me espanta em Joe the Plumber. Qualquer dia torna-se um sobrevivente do holocausto.

rnpd disse...

Onde é que leste isso? O que li é que ele estava excitado, não vi nada sobre cornudos...

De qualquer forma, eu sempre achei que o Obama era a mesma merda do que o calhau que o antecedeu. Talvez até pior, porque se o outro mentecapto achava que falava com Deus, o preto, de tanta bajulação pateta,já deve acreditar mesmo que é o messias.

contradicoes disse...

Estáva-se mesmo a ver
que isto ia acontecer
com a eleição de Obama
os EUA não querem perder
o dinheiro que está a ter
dos negócios no Iraque

Zorze disse...

O Obama já se apercebeu de quem que realmente manda.

Tens uma prenda lá... no Extrafísico.

Abraço,
Zorze

alf disse...

hummm.. o que é que vocês fariam se fossem presidente dos EUA?

Anónimo disse...

Alf:

O que William Blum disse à Znet há 2 anos atrás....